Marina Silva, presidente? Eu tenho medo!

ago 15, 2009 by     211 Comentários    Postado em: Artigos e Análises

Fórum teologia. Foto: Agência Pará

por Robson Fernando
para o Acerto de Contas

Sim, ela inspira medo. Apesar de ter aparecido como a pessoa que faltava para quem não gosta de Dilma nem de Serra nem de Aécio e ser tão louvada atualmente por sua história de vida e luta ambientalista, ela assusta quanto a propostas suas relativas à educação, ao progresso científico e à própria política e pelos riscos que a liberdade religiosa no Brasil sofreria num governo seu. Evangélica e criacionista convicta, apoiou a ascensão do evangelho cristão na política em 2006 e desejou em 2008 uma “invasão” da Gênese cristã na pesquisa científica e na educação, por isso sua possível vitória em 2010 soa de fato ameaçadora.

Ela seria a candidata mais próxima da excelência se comparada com os prés Dilma Rousseff, José Serra e Aécio Neves. Isso pode-se dizer porque, enquanto ela foi ministra do Meio Ambiente, travou bravamente batalhas contra os interesses de ministérios – incluindo a Casa-Civil da própria Dilma – e empresários que pretendiam destruir mais e mais paisagens naturais em nome do progresso e do desenvolvimento e ajudou o Governo Lula a reagir com rapidez quando foram denunciadas altíssimas taxas de desmatamento na Amazônia. Além do mais, seu passado de mulher pobre, trabalhadora e muito lutadora lhe dá, assim como deu a Lula, o caráter de pessoa identificável com o povo. Nesses pontos, ela se mostra um encanto.

Mas ninguém é perfeito/a, muito menos ela. Ela queimou o seu filme perante ateus/ateias, agnósticos/as, candomblecistas, budistas, hindus e outras minorias não-cristãs em dois momentos: agosto de 2006, quando defendeu a ascensão evangélica na política brasileira, e janeiro de 2008, quando, entrevistada pelo blog adventista “éoqhá” (http://eoqha.net/criacionismo/111-entrevista-com-a-ministra-do-meio-ambiente-marina-silva/), deu opiniões sobre criacionismo, ciência e educação que deixaram as referidas categorias de credo alvoroçadas.

Segundo ela, a narrativa bíblica da criação do mundo, da vida e dos seres humanos literalmente considerada deveria ser ensinada “em pé de igualdade” com as teorias científicas que incluem o Big Bang,a abiogênese primordial e o evolucionismo nas escolas, sob o pretexto da “liberdade de escolha”. A ciência para ela também deveria aceitar a incorporação da fé assim como esta teria aceito os ensinamentos científicos. Com seu nome entre a lista das pré-candidaturas presidenciais, tais afirmações transformaram-se em ameaças.

Pela declaração dela feita em 2008, a educação laica se vê sob o perigo de ter que abandonar o seu laicismo e ensinar o criacionismo para gente de todas as crenças e descrenças. E subtende-se que serão apenas duas “opções” – o mito cristão e as teorias científicas – porque, quando Marina preconizou a tal “liberdade de opção” sobre no que crer, faltou dizer que essa liberdade abrangeria a abordagem também igualitária de tantos outros mitos cosmogônicos diferentes – indígenas, candomblecista, hinduísta, xintoísta, muçulmano, greco-romano etc.

Religião, num ensino laico, só tem espaço em disciplinas que tenham espaço reservado à abordagem de culturas e crenças, e com as devidas explicações dos significados contidos nas narrativas mitológicas. Nesse contexto, o cristianismo abordado por tais matérias é apenas uma entre as mais diversas religiões abordadas, nunca a melhor ou a mais verdadeira.

Elevar no ensino os ditados literalmente interpretados da Bíblia ao status de “teoria alternativa” com o mesmo peso que o ensinamento científico – este que tem reservadas para si a Biologia, a Química, a Física e a Geografia Física – implicaria tornar o cristianismo superior às demais crenças religiosas na escola e também incorporá-lo às disciplinas de Ciências Naturais – considerando-se que, para se igualar à ciência, não poderia caber mais apenas em uma ou duas matérias ligadas apenas à cultura.

Conclui-se assim que o desejo educacional expresso por Marina naquela entrevista é perverso porque ameaça desgarrar a neutralidade religiosa da educação brasileira. Cristã(o)s podem ter gostado da ideia pela possibilidade de verem sua fé ser propagada, mas as pessoas que não compartilham da fé deles/as, podem ter certeza, odiaram e odiarão. Tudo o que não precisamos hoje é de criacionismo nas aulas das ciências naturais.

E não é só a educação que estará em maus lençóis: caso Marina Silva não mude de ideia e depois ainda vença o pleito e aplique como política pública sua proposta de fomentar que a ciência abrace a fé, a pesquisa científica no Brasil também sofrerá uma bagunçada.

O que seria de pesquisas sérias envolvendo estudos evolucionistas e cosmológicos, os quais não provam a inexistência do deus cristão mas descartam os mitos bíblicos do Gênesis e do Apocalipse? E quanto a uma possível ascensão da pseudociência direcionada a legitimar a “teoria” criacionista? Veríamos muitos/as novos/as professores/as de criacionismo da estirpe de Adauto Lourenço por aí? Não se sabe ainda, mas as hipóteses mais prováveis para essas indagações não são nada agradáveis para quem preza pela seriedade da ciência.

O criacionismo da ex-ministra não é o único problema. Ela também já demonstrou apoio ao crescimento da religião evangélica na política, numa reunião com líderes protestantes e pentecostais acontecida em agosto de 2006 (http://noticias.gospelmais.com.br/ministra-marina-silva-se-reune-com-liderancas-evangelicas.html).

Entre suas declarações, passagens bisonhas como:

- “Você pode escolher ser um político que tem a esperteza do mundo ou um político que tem o Espírito de Deus. A esperteza do mundo é passageira e se você a escolher saiba que a primeira coisa que vai acontecer é que o Espírito de Deus irá se afastar de você.”

- “Temos nossa parcela para oferecer para a política, para a economia e para todos os setores da sociedade. A Palavra de Deus nos ensina em quem devemos votar. Basta olharmos o que diz e compararmos com os candidatos. Se ele se encaixar nos princípios bíblicos merece nosso voto”

O Artigo 19 da Constituição e o inciso VI do Artigo 5º ainda estão no caminho de seus desejos de glorificar a “vontade de Deus” em Brasília, mas muitas pessoas religiosas e até o próprio Congresso o ignoram quando permitem a intervenção cristã em discussões sobre, por exemplo, aborto, eutanásia humana e células-tronco, decoram as assembleias legislativas federal, estaduais e municipais e fóruns judiciários com crucifixos e inibem investigações a processar políticos religiosos envolvidos em corrupção, estelionato e outros crimes.

Marina Silva, caso não volte atrás do que já disse, poderá valorizar o poder, as ações e as decisões da bancada evangélica, e isso é assustador para o futuro, especialmente para os/as brasileiros/as não-cristã(o)s e também católicos/as.

Caso ela, uma vez eleita, não recue de suas intenções cristãs e antilaicas para a educação, o desenvolvimento científico e a política e não adote uma posição de respeito à diversidade de crenças e descrenças, o futuro brasileiro em suas mãos presidenciais não é dos bons. É muito tentador voltar em quem se firma como alternativa à bipolaridade pré-eleitoral PT X PSDB que desanima o Brasil, mas precisamos ser racionais na hora de votar.

Fica a recomendação: se não quisermos tornar o Brasil uma nebulosa república evangélica de fato, deveremos esperar Marina desistir de suas pretensões religiosas para o poder e começar a respeitar o laicismo nacional para então pensarmos em votar nela. Não adianta uma presidenta ser ambientalmente maravilhosa mas figurar como ameaçadora quanto a vários outros pontos de importância não menor.

Com a palavra, Marina Silva, que, por tudo isso, deve explicações a grande parte da população, que não compartilha da fé dela.

* Robson Fernando é articulista independente, graduando em Ciências Sociais pela UFPE e dono do blog Consciência Efervescente.

__________________________________

Nota: artigos assinados não refletem necessariamente a opinião dos editores do blog.

211 Comentários + Add Comentário

  • esta é uma tentativa boba de desqualificar uma candidatura baseado em aspectos pessoais do candidato. se a religião ou perspectiva científica de um indivíduo fosse tão determinante assim para os atos políticos relativos a estes temas, teríamos retornado ao poder absolutista de um Henrique VIII. Os atos políticos de nossa incipiente democracia envolvem sistemas de poder muito mais complexos e dependem do arranjo de forças políticas construídos pelos candidatos. a análise dos riscos da candidatura marina poderia seguir por este caminho ao invés de imputar às escolhas pessoais da senadora um poder de mudar os destinos da ciência ou da liberdade religiosa que não possuem.

    • Concordo com o Silvio.
      Mediocre essa avaliação.
      Ser evangélica, ambientalista e criacionista, como adjetiva o autor, não a desqualifica como candidata.
      O passado recente nos dá o exemplo de Lula, cuja candidatura sempre foi vista como o “fim do mundo”, face a orígem “humilde” e excessivamente esquerdista do atual presidente.
      Passados dois mandatos, o mundo não acabou a economia não fundiu, entretanto a corrupção e o desmando institucional tiveram lugar de destaque.
      Mesmo “ocupando” a máquina estatal como nuvem de gafanhoto, o “humilde” sindicalista Lula e sua trupe ainda não conseguiram fazer ruir a frágil democracia brasileira.
      Marina é uma opção, sim, como é Ciro Gomes, como é Aécio, como é Serra.
      É muito importante a sociedade ter à sua disposição nas proximas eleições, multiplas candidaturas para não ficarmos reféns da vontade de um grupo que quer de todas as maneiras se perpetuar no poder.
      Ser evangélica pode ser um fator positivo para Marina.
      Bate-la por esse ângulo pode ser um erro grosseiro.

      • Pelo que vi o texto não é um ataque à pessoa, mas ao fato da pessoa tentar impor suas convicções religiosas no sistema educacional/governamental, minando a “laicidade” do sistema.

      • Sempre foi vista como o “fim do mundo” por gente que não tinha nada na cabeça, Chiquito.

        Lula, o melhor presidente dos últimos 50 anos no mínimo.

        • Não força. E o mensalão. Nunca, antes na históri adeste país, se roubou tanto.
          E ele não vê nada. Faz favor, né? Menos, menos muito menos

        • Eu como brasileiro,estou tentando saber Martins até hoje o que o presidente Lula fez,que determinados cidadãos brasileiros o aclamam como o melhor presidente?Arroz caro,feijão caro,carne cara,leite caro.Sabendo-se que em nossas terras tudo que se planta dá.Temos que mendigar promoções de alimentos.E ainda falou que passou fome. Nada mudou.Por isso Marina Silva para presidente!!!!!E não Dilma assaltante de banco,terrorista,assassina e sequestradora.

        • MARINA VAI GANHAR MARINA CRISTA NA PRESIDENCIA VAI SER OTIMO

        • ACHO QUE NAO

        • para os aposentados a lula não fez nada ,alem de rechaçar toda e qualquer melhora p/ essas pessoas digninas e de muito valor, sao praticamente, + ou _ 22milhões isso vai pesar nas urnas

        • achar e não ter certeza 22milhoes vezes tres pessoas em cada familia e 66milhoes nao qualquer porcaria isso derruba qualquer candidato

      • Sim, a desqualifica, porque ser evangélica significa negar o evolucionismo, significa ser contra o aborto, significa ser contra as pesquisas com células-tronco, provavelmente ser resistente a controle de natalidade, e por aí vai. Se ela não declarasse suas posições religiosas, as mantivesse privadas, e, mais, não assumisse que suas posições religiosas influenciam as políticas (veja acima), eu poderia até concordar com você, mas não é o caso.
        Em relação ao Lula, as divergências ou prognósticos pessimistas situavam-se exclusivamente na esfera POLÍTICA, e não na interseção desta com a religiosa. A partir do momento em que políticas públicas são baseadas em um determinado credo, por que pessoas de outra religião deveriam segui-las? O judaísmo permite o aborto em casos de estupro e má-formação do feto, o catolicismo não. E aí, deve o judeu respeitar um política baseada no cristianismo?
        Sim, o mundo não vai acabar, apenas se atrasar, e vidas serão perdidas. Mais uma vez digo que basta ver o que Bush fez aos EUA, e Obama está acertadamente desfazendo

        • Eu trabalho na rede pública de ensino em Minas Gerais e sinto de perto a pressão destes setores fundamentalistas que relaciono até mesmo com fundamentalismo norte-americano. Existe uma certa pressão psicológica para até mesmo converter a pessoa o que eu considero crime pois não respeitam a liberdade de escolha da pessoa. E mais em certa escola percebi que após a minha volta de um afastamento médico, parecia que a escola toda era uma igreja evangêlica, minha família é, mas no entanto, eu não professo esta religião.

        • Quem disse que as políticas públicas da Marina serão “baseadas em um determinado credo?????? Ela disse isso????? quando?????

        • Sr. Quixadá, percebo que és muito bem informado sobre o mundo cientifico e politico, em geral, mas és um pouco desinformado sobre o meio evangelico que, pra começo de conversa, é unânime apenas em uma verdade: Somente Jesus salva. Daí pra frente, nenhum evangelico é obrigado a seguir dogmas, doutrinas, ou pontos de vista de pastores ou de quem quer que seja. Vai daí que a candidata Marina, assim como eu, é livre para crer no evolucionismo, a partir da criação, porque nada surgiu do nada. Concorda? É livre tambem para dizer pubicamente que apoia as pequisas com celulas tronco, como ja disse. Caso ela se eleja, de nada valerá sua vontade, ou de quem quer que seja, para impor ao País doutrinas de sua fé, porque as Instituições e o ordenamento juridico, solidamente estabelecidos como estão, nao permitem isso.

        • todo povo tem os governantes e representantes que merece, qualidades como honestidade, retidão e clareza nas atitudes e pensamentos não são admiradas pelo povo brasileiro. não misturem as coisas !

      • Acho que o texto é muito petista-terrorista e visa desqualificar uma Senadora à frente de seus pares. O autor me pareceu ser um petista disfarçado de cientista social e o texto uma mera opinião disfarçada de ciência. Usar a qualificação de cientista social para isso não me parece adequado. Deveria usar apenas o nome para evitar conferir autoridade a um texto que não a merece.

        • paulo eu concordo plenamente com vc pois o credo não importa pois independente de credo existem os dons de espírito para cada um e dois que se resumem na Marina são a palavra da ciência e da sabedoria e me desculpem quem é petista aí mas a Marina é muito mais inteligente e digna da presidência do que a Dilma,por isso eu quero Marina,pois podem falar mal do credo da Marina porém pq ñ falam mal da Dilma q é uma fraca que vive apenas se apoiando no Lula ah e detalhe reparem nas suas propostas são ridículas por isso eu sou mais um
          Marina pra presidente por um Brasil melhor

      • Parabens, Sr. Francisco, pela brilhante refutação de uma opinião tao canestra e desprovida de verdade. Oxalá, pelo menos metade dos brasileiros, tivessem essa visão, nao so dos novos candidatos, mas tambem daqueles apoiados por quem, como o Lula, nao têm nenhum compromisso com a moral e a ética, a ponto de defenderem publicamente notorios corruptos, como Severino Cavalcante, Renan Calheiros, Sarney e os aloprados do seu governo e do PT. A julgar pelas sandices do Sr. Robson, a candidata Marina vai ter que expor seus posicionamentos politico e pessoal a cada um dos que, mesmo ja tendo ouvido suas claras afirmações nesse setido, teimam em deturpar suas palavras.

      • Nesta entrevista recente ao Roda Viva a Marina Silva explica que esse comentário não reflete o as idéias que ela tem para educação brasileira, disse que jamais iria impor isso e que desde que se ensine a Teoria Evolucionista, não é contra o ensina da Teoria Criacionista.

        http://www.youtube.com/watch?v=uOj_M6c6oJ4&feature=channel

        • O Presidente deve ser presidente de todos cidadãos de credos diferentes,,,,culturas diferentes…raças diferentes…partidos diferentes…(e não apenas de hum!!)
          Quem soube harmonizar desenvolvimento e ambiente natural….quem soube respeitar a floresta…a vida natural….tenha certeza que sabe respeitar a liberdade,a diversidade humana…a vida e culturasss brasileiras
          Ela soube fazer isto NA PRATICA….sem ser fofoquera….sem cair na brutal tentaçao da corrupção….com mão firme….MAIS AINDA….sem desanimar de acreditar numa política saudavel(coisa que eu ja perdí a esperança)……ela merece nosso credito e confiança: a vida nas suas diferenças será nao só respeitada como “adubada”.

        • vc fala tudo embaralhado

      • Pefeito seu comentário. Parabéns, porque em nenhum momento Marina Silva disse que, se eleita, empurraria goela adentro o criacionismo, nem tampouco declarou que acabaria com o ensino do evolucionismo nas escolas. Marina é uma mulher inteligente e, acima de tudo, temente a DEUS, por isso tem a sabedoria necessária para compreender que o homem é dotado de livre arbítrio. Portanto, não há como imputar-lhe a intenção de implantar, em seu governo, um autoritarismo descabido e sem sentido. Isto não é, nem nunca será, a vontade de DEUS. O verdadeiro filho de DEUS não agiria assim e Marina, verdadeiramente, o é.

    • Quando todos os analistas políticos faziam todos os possíveis cenários para eleição presidencial no ano que vem, ai que surge uma candidata fortíssima. Isso é inegável, é indiscutível. A senadora Marina Silva, ainda no PT, e com um pé no PV, é uma mulher guerreira, forte, corajosa, determinada e de ideais fortes e de construção de um mundo socialmente sustentável.

      Opinião completa em: http://www.blogdofabiorodrigues.com.br/2009/08/o-bom-debate-para-o-brasil-2010-ii.html

      • Ela é uma candidata forte até que suas reais opiniões sobre vários assuntos sejam conhecidas, e que, ao que parece, são bastante conservadoras. O eleitorado de esquerda não vai votar em uma candidata com opiniões políticas como a dela. Além disso, ela não pode ser uma candidata com uma proposta única, o meio-ambiente, porque governar um país significa lidar com uma multiplicidade de questões, transformando seu exercício em uma tarefa extremamente complexa. Complexidade esta que não é bem resolvida por pessoas religiosas, que tendem a ser mais simplistas. Mais uma vez, vide Bush.

        • As reais opiniões de Marina ja estão ai para serem avaliadas pelo eleitorado brasileiro, onde estão as reais opiniões dos outros candidatos ?

        • Quixada…por favor….que partido político era da Merina ate ontem??? e ela nao era a mesma pessoa??ou começou agora a acreditar “”em Deus”" PT….Poucas pessoas
          Que foi….a ezquerda vem descobrir agora isso??
          Poucas pessoas foram …sao tao envolvidas com a chamada
          ezquerda….Chico Mendes…CUT (Acre)…teologia da libertaçao (acusada de comunista….)
          “O eleitorado de esquerda não vai votar em uma candidata com opiniões políticas como a dela.”…
          Por favor…. olhe em torno…..30 anos de partido PT….e nao é conhecida???? Hummmm
          VC diz….”governar um país significa lidar com uma multiplicidade de questões”
          ..eu pergunto…..VC conhece o Acre(eu sim!!)….Sabe o que é ser analfabeta ate os 16 anos????
          Ela nao foi grande tempo Ministra do atual governo como a Dilma???? E nao teria competencia para Presidente????
          Amigo…vc compara com Busch??????
          VC CONHECE MARINA?…

    • Parece que aquela “pesquisa” de Lavareda colocando Marina lá em cima era, para variar, furada. Acaba de sair Datafolha dando ela com 3%.

      • Martins
        A pesquisa feita pelo PV foi com a classe média e era identificada.
        Perguntava-se em quem votaria,e identificava ela como ex-Ministra do Meio Ambiente.
        O objetivo era apenas verificar o potencial de crescimento. E disso hoje ninguém tem dúvidas

        • Pierre, a pesquisa que saiu no Estadão em nenhum momento dizia que as classes D e E eram excluídas do levantamento. Até perguntei isso aqui para Bahé. O potencial de crescimento de Marina é imenso, mas no momento, na única pesquisa verdadeira feita, ela tem 3%.

        • Calma, não tenham pressa… mas o que vocês acham: bom mesmo é a Dilma? E se acontece algo com ela? ficamos com o Temer? Só de pensar começo a Tremer…

    • Discordo radicalmente. A partir do momento em que ela diz “Temos nossa parcela para oferecer para a política, para a economia e para todos os setores da sociedade. A Palavra de Deus nos ensina em quem devemos votar”, a opinião dela deixou de ser uma questão pessoal e passou a assumidamente influenciar suas posições políticas. Portanto, sua posição religiosa é algo extremamente relevante e que deve ser levada em consideração, pois vai influenciar sua postura na saúde pública (aborto e pesquisa com células-tronco), educação (criacionismo), etc. Basta ver o péssimo exemplo dado pelo sr Bush.
      Além do mais, é absolutamente rídiculo – e isso não é meramente uma questão de opinião pessoal – comparar a origem da vida de acordo com a bíblia e de acordo com Darwin, não apenas pela flagrante superioridade de um em relação ao outro, mas principalmente porque isso é comparar alhos com bugalhos. Aliás, talvez eu até concorde em equiparar o criacionismo ao darwinismo, desde que o primeiro se submeta aos mesmos critérios científicos de avaliação que o segundo. Vai ser um massacre, e quem sabe acabe por desmascarar esta farsa chamada religião, que nada mais faz do que explorar e perpetuar a ignorância

      • Faz sentido. Existe certa pressão por parte de pessoas que querem obrigar outras a seguirem sua religião. Como Professor de Ciências, já passei por uma experiência delicada.

        • Eu já dei aula até em seminário e sou nada religioso… eu apresento todos os filósofos como eles são, acredito na multiplicidade de visões. Dou aula em colégio católico e nunca tive problema. Acho que esse grilo com igreja é bobagem… ela só reclama com algum professor se a coisa virar insulto. Mas NUNCA me pediram para defender nada nem para cortar conteúdo algum. Respeitam a autonomia e cobram qualidade. Quais são os melhores colégios de sua cidade? Quase certo algum ser religioso… portanto, parem de sectarismo!!!

      • flagrante superioridade?
        recomendo http://www.michelsonborges.com.br
        acho que você está um pouco atrasado.

    • Nâo creio que Marina iria fazer uma República evangélica, não creio que ela iria solapar a ciência impondo o ensino do criacionismo, não creio que essas opiniões pessoais dela representem seu projeto político. Do Lula se falava muito mais coisas, inclusive que ele faria um governo socialista, que os bancos quebrariam, que seria o caos. E nunca os bancos ganharam tanto dinheiro. Acho que a MArina é superior à Dilma e que só ela poderá levar justiça, paz e prosperidade ao Norte do país, região problemática onde estão nossas maiores riquezas. E garantir nossa SOBERANIA. Terrorismo de esquerda é o que me parece o texto do autor. Antigamente pelo menos ele vinha da direita…

      • Se é de esquerda eu não sei, mas faz faz sentido seu comentario, e acrescento:
        Não existe educação laica no Brasil, quando ela assim se disfarça, na verdade é Católica, assim como (quase) tudo que é oficial, basta ver os feriados e datas comemorativas (3 não Católicas seria muito), e ninguém reclama…

    • Como estudante de Ciências Socias, só lamento pelo péssimo desenvolvimento do artigo. Em nenhum momento vc foi imparcial e também não estudou o q de fato aconteceu, desvirtua a imagem pública baseada na privada, mas não reconhece que como senadora -cargo público-, Marina Silva é muito elogiada

  • O pior, caro Robson, é que o Brasil não se tornaria uma “República evangélica”! Se tornaria um país onde enganadores manipulariam trechos da bíblia ( como vemos nas igrejas por aí) para justificar atos escrupulosos. Além disso, se tem muito que se diz cristão mas se acha melhor que os outros só porque fazem barulho na vizinhança e em ônibus, imagine o que fariam em um “governo de deus” ( nesse caso tem de ser com “d” minúsculo) ? E o pior é que quem questionasse alguma coisa não seria mais oposição, seria uma “manifestação do demônio”.

    • Está com trauma do capeta, Freud explica.

    • Se são *atos *escrupulosos* *, não precisam ser justificados, estou a ver um nova “Santa Inquisição” em formação?

  • Depois uma criatura dessas vem defender a liberdade de expressão. Fui professor e sempre ensinei a teoria do Criacionismo e do Evolucionismo com imparcialidade. Se a ministra acredita na teoria do criacionismo, é direito dela assegurado pela constituição defender sua posição. Ou vc prefere que ela se torne “marina paz e amor” não tocando nestes temas polêmicos só pra se eleger? Essa autenticidade dela é que a torna popular e admirada pela maioria.

    • em tempo: ex-ministra

      • è mesmo! Teve vergonha na cara e saiu do ministério e do PT quando viu o antro e a mentira que aquilo tudo era.

    • Uma coisa é defender a posição, outra coisa é querer ensinar nas escolas públicas que um deus criou o mundo em sete dias, e tirou a mulher da costela do homem, e tudo era maravilhoso até que veio uma serpente com uma maçã e estragou tudo……

      • Justamente, liberdade de expressão e crença! Aqui não é a Venezuela.

        • Caro Martins, talvez vc não saiba o que se ensina na disciplina de educação religiosa. Um professor não trabalha desta forma. Acompanhei o trabalho de uma professora nesta disciplina e reparei que doutrinas não são trabalhadas e sim a confraternizaão entre os povos, tolerância… Antes de desqualificar a crença dos outros, seria adequado que vc se informasse melhor.

        • Nada contra ela professar a fé que quiser. Mas se formos ensinar o criacionismo junto com a evolução, porque não adicionar as versões indígenas, maia, muçulmana, africana, nórdica, budisca, hindu, etc… da criação?

        • Crença sim. Mas ensinar nas escolas públicas que Adão e Eva existiram, NUNCA.

        • Berg, você realmente acredita que deus criou o mundo em sete dias, e tirou a mulher da costela do homem, e tudo era maravilhoso até que veio uma serpente com uma maçã e estragou tudo?

      • Martins, mas isso pode ser monstrado nas escolas, tanto como a teoria do evolucionismo! O que não pode, nas escolas, é existir a “adoção” de um ponto de vista único!

        • Religião não deve ser ensinada em escola pública. Ou ensina TODAS as religiões, ou nenhuma. Nosso estado é laico.

        • Exato, Martins. Por isso eu disse abaixo que religião no Brasil é confundido com cristianismo. Deveriam mostrar o cristianismo, islamismo, espiritismo e etc….. Como também devem ensinar sobre o evolucionismo. Isso que é dar liberdade para as pessoas escolherem o que querem de si. No Brasil, a escola ensina pontos de vista, levando os alunos a adotarem pontos de vistas alheios e achando que com isso estão instruídos ou são melhores que os outros.

    • É direito dela ter e defender suas convicções religiosas, mas não confundir ciência com religião e religião com política, pois isto é ou simplesmente um erro grosseiro ou má-fé. Qualquer pessoa pode pregar em prol de jesus, buda, maomé, javé, zoroastro, rá, o diabo, mas não pode equiparar fé e ciência. O criacionismo é uma tentativa grosseira de se aproveitar do prestígio do metódo científico sem jamais jamais ter sido submetido aos seus critérios. Você, que diz “ensinar” o criacionismo, tem alguma evidencia além do que está escrito em textos religiosos? Fósseis, análise de DNA, testes de carbono 14, provas geológicas ? Não, voce não tem nada além de palavras e de uma crença que antecede qualquer evidência. Na verdade, o criacionismo é apenas uma tentativa patética de se legitimar uma crença a posteriori: “vamos ver, eu acredito nisso, então como posso fazer com que pareça uma verdade?”. A ciência é a busca pela verdade, por isso ela revoluciona, e não a legitimação de uma verdade pré-concebida, numa posição conservadora e covarde.

      • Parabens isso acaba com qualquer discussão.
        A palavra é EVIDÊNCIA, mais gosto dela no plural EVIDÊNCIAS.

        • A única coisa que “acaba com qualquer discussão” é a imposição, geralmente apoiada por arrogância e ignorância.
          Gosto muito de um epsódio de “Família Dinossauro(s?),”,
          em que Charlene, e Bob, afirmam que a Terra é redonda, quando são levados a julgamento, o tribunal apresenta uma prova “irrefutável’ de que a Terra é chata:
          Um cara vestido de jaleco de laboratório (palavras do promotor), entra e diz -A terra é chata.
          Essa é a sintese dos psudo-cientistas de hoje, que ao lado de pseudo-religiosos (ambos não entendem nem de um coisa nem de outra) gostam de impor seus pontos de vista, inclusive tornando antagônicas coisas que podem coexistir.

      • quando vc ler a biblia por inteiro e se inteirar de tudo que ali está descrito, pesquisando sobre cada assunto do ponto de vista da fé e da ciência então vc poderá fazer um juizo de valor a respeito, por enquanto não misture a fé de Marina com a extraordinária mulher de vida pública que ela é, reconhecida internacionalmente e agora desqualificada por pessoas como vc, talvez vc mereça o que vem por ai, isto se Deus permitir.

        • Parabens Marcelo.Sem ironias.
          Ela mostra na sua vida como se convive com quem se chame de “humano”
          Na sua longa vida publica Marina IMPOE ALGO a alguem???? a nao ser o respeito e a oportunidade de chances a todos???
          Por favor….olhemos o contexto…..Alguma vez,Ministra,fes proselitismo religioso??? NAO INVENTEM…..

      • Onde vcs querem chegar com uma conversa tão boba sobre a religião da Marina Silva, isso nao vai mudar nada na decisão de eleitor. O que tem que ser discutidos são as propostas dos candidatos e nao a religiaão que eles professão, Dilma por exemplo, não acredita em Deus, por isso muita gente vai votar nela. Temos que discutir as propostas que os candidatos oferecem. Religião é como time de futebol, cada torcedor diz que seu time é o melhor, se é falmenguista, Corintiano, Palmeirense… etc. Vamos para de bobagem e vamos voltar para a melhora do brasil e pronto.

    • É isso aí, apresentar as teorias, a evolução das idéias, formas múltiplas de se ver o mundo. Isso é difícil numa esquerda unidimensional como a nossa.

    • PARABÉNS, faço minhas as suas palavras!

      • Em tempo: parabéns berg!

  • Robson,
    Concordo com você quanto ao ensino do criacionismo cristão nas escolas, não deve acontecer, mas, vou mais alem, acho que a religião como um todo, não deve ser ensinada na escola, por quê? Porquê sofreríamos de “crise de influencia” nas escolas: será que um professor espírita iria ter imparcialidade ao ensinar seus alunos a ter visão critica das religiões? E se ele fosse protestante? Não iria falar mais dos pontos positivos da sua religião e apontar os erros dos outros? E se fosse católico? Umbandista? Será que os pais iriam gostar de um professor islamita dando aula para seus alunos? Ou será que cada aula, sobre a religião especifica, teria um professor diferente? Já imaginou a salada de fruta na cabeça -vagissima- dos nossos alunos? E já imaginou se depois de tudo isso eles fossem assistir MTV?…
    Quanto à “invasão” evangélica na política: quando houve e se invoca a invasão feminina na política, por que não há tanta reação critica? Os evangélicos não formam um grupo social relevante? E se eles “tomarem” o poder, não será porque tem a maioria? E se eles tiverem a maioria e respeitarem as minorias, não estão sendo democráticos? Ou será que tanta reação critica é porque são evangélicos? E se fosse católico? Umbandistas? Homossexuais? Negros? Não se invocou cada um desses a ocupar seu lugar na vida politica-social Brasileira?
    Quando o governo vai incentivar, de forma maciça e verdadeira, as pesquisas cientificas universitárias e pós-universitarias?
    Por fim, acho que marina ainda tem que crescer e aparecer para poder ser presidente do Brasil, sua origem lutadora como a do LULA é um fato mesmo, mas ela não tem toda a “aura” mística que LULA tem junto ao povo… Mas se aparecer mais, Lutar mais e ter sorte do PIG mostrar ela… Ela cresce muito e em 2014 pode ser uma grande ameaça mesmo…

    • Robson, acho que não tem problema na escola mostrar o cristianismo. O problema é que ela não mostra o budismo, induismo, zoroastrismo, animismo. No Brasil, confundimos ensino de religião com cristianismo. A matéria religião deveria mostrar todas. Isso permitiria ao aluno escolher ou não alguma. Como deve ser ensinado, também, o evolucionismo! Não são os educadores que dizem que a escola tem a função de mostrar caminhos ? Na prática o que vemos são imposições de pontos de vistas!

      • digo : hinduismo.

      • Isso eu concordo. Se é pra ter religião na escola, que sejam religiÕES, e numa disciplina que explique os significados existentes em seus mitos, não uma disciplina a fazer apologética velada ao cristianismo.

      • MArina nunca disse que as escolas serão evangélicas, católicas, budistas ou o que for. Ela apenas afirmou SUAS convicções, das quais também discordo…mas mesmo discordando dela, acho que MArina é séria, honesta, preparada e tem uma agenda política mais moderna e relevante para o país.

        • Paulo,
          mais uma vez, concordo com seu comentário e acrescento:
          Quando Lula disputou a eleição com o Collor, ele (Lula) era melhor, opção, mas houve grande terrorismo contra ele, após ele ter se enquadrado no sistema ( e nos esquemas) ele foi aceito, agora a Marina se apresenta como opção, (podemos ajudar a lapda-la), e o terrorismo recomeça, são as mesmas (ou suas “herdeiras”) pessoas que fizeram o terrorismo contra o Lula que estão agindo agora, pessoas que têm medo da mudança, por ignorância, ou por por terem realmente algo a perder.

        • Marina é para sempre cara eu sou cristã tenho 11 anos

    • Não acho que seja preconceito. Na realidade estamos diante de um conceito básico : o estado Brasileiro se diz laico, logo não pode misturar as coisas. Agora, é perfeitamente possível as escolas mostrarem as principais religiões, sem impor o cristianismo. Isso vai da escolha de cada um. Ah, e sou cristão, mas não acredito em igrejas! E já li a bíblia toda, exatamente por isso não vou a nenhuma!

    • Parabens, a maioria dos que dizem ensinar as “duas” teorias Evolucionismo e o Criacionismo, são na verdade criacionistas que não entendem a teoria da Evolução. Primeiro, Criacionismo não é,e nunca foi uma teoria. É um conto de fadas e não sobrevive ao rigor de um método científico. Não há Crianças cristãs, há crianças de pais cristãos. Desde cedo são doutrinadas a acreditar e nunca, seus pais, os deixam pensar diferentes.

  • Marina Silva nunca negou que tem mesmo esta proposta. E isto realmente provoca arrepios!

  • Os de sempre, Estadão, Folha de São Paulo , Veja e quejando estão incentivando a candidatura de Marina para torpedear a candidatura do planalto(Lula). No funco, caso marina ganhe, irão para as trincheiras a fim de não deixá-la governar. Os tradicionalista não aceitará nunca uma Marina no poder. Só os incocentes úteis como Gabeira e quejando ficam fazendo esse jogo de cena. As pessoas vivem na politica e da politica literalmente, e não percebem o jogo pesado desses grupos. Ía cometer um tremendo erro: ESQUECI DE COLOCAR NESSE PATAMAR O PODEROSO GRUPO GLOBO. Esses senhores acham que são os donos do Brasil.

  • A marina tá sendo manipulada . a declaração dela na seção “frase do dia ” do noblat mostra uma certa ingenuidade.

    Instrumentalizaram o rancor dela . aquele encontro do gabeira com sérgio guerra e aécio é beeeem emblemático.

    pros demotucanos é uma boa. A kátia abreu vai votasr nela.

  • Soou como o povo que criticava Roberto Freire por ser ateu em 1989, quando ele foi candidato a presidente.

    20 anos e não evoluímos nada.

    • Nada a ver. Seria a mesma coisa se Roberto Freire propusesse ensinar o ateísmo nas escolas.

  • Tava pensando em votar nela, mas como não sou evangélica, vai ficar complicado aceitar as ideias dela…
    Ai, quem eu vou voltar agora? Será que vai ser no 24???

    • Vanessa deixa de bobagem, nao se influencie com essa bobagem de religião. Vote pelo candidato que lhe dá a melhor proposta pr melhorar o Brasil

  • Uma coisa é certa, esta postagem chamou a atenção para um aspecto desconhecido da personalidade da ex-ministra.

    • QUE NADA, deixa de ser bobo, não caia num papo furado de petista metido a cientista social!!!!

  • A saida para o Brasil é o aeroporto e tenho dito!

  • Robson
    Se a Regina Duarte for a vice dela você perde o medo?

    • Robson
      Se a Regina Duarte for a vice dela você perde o medo? [02]

      • Robson
        Se a Regina Duarte for a vice dela você perde o medo? [03]

        • Robson
          Sea Regina Duarte for a vice dela você perde o medo?

    • huahauahuahuahau

      Se Regina fosse pró-laica eu acho que sim :P

      • vc é um senhor muito burro

  • Ser criacionista desqualifica qualquer pessoa disposta a um debate sério.Isso a joga na vala dos estúpidos.E chega de presidentes estúpidos.

  • Análise preconceituosa, Robson.

    • Marco, se minhas afirmações no artigo fossem só pelo fato de ela ser evangélica e nada mais, seria sim um texto preconceituoso. Mas atente-se que eu me baseei em dois momentos de declaração dela pra manifestar meu medo. Temo pelo futuro do país não por ser governado por uma “crente” simplesmente, mas pelas declarações passadas dela — que se tornaram muito perigosas com a pré-candidatura dela –, as quais ela ainda não desmentiu nem descartou.

  • Esta foi a pior matéria publicada no blog. Com todo respeito… O que se desenha hoje, com a vice-presidencia da possivel candidatura, sendo direcionada para Cristovão Buarque, um especialista em educação, fica difícil comprar essa idéia de empurrar a “palavra da vida” pra dentro da sala de aula…

    • Zeka
      Isso é um artigo, não uma matéria. A posição é de quem escreveu.
      Por sinal, se tivesse enviado este artigo para mim, não teria sido publicado.
      Abraço

      • Xiiiiiii, crise a vista na cúpula do blog.

        Se não não passou por Pierre, deve ter sido coisa do André ou Bahé, mas desconfio que foi o webmaster pau prá toda obra Anizio Silva.

        Vamos ver o resultado da reunião marcada para às 08:00 da próxima segunda, na sala do RH do Empresarial Acerto de Contas.

        • uahuahuah

        • Caro Caio, eu não publico artigos neste blog, apenas colaborei na “implementação” do mesmo.

          Mas se fosse “colaborador editorial”, publicaria sem dúvida alguma. Afinal, é um artigo bem escrito e me parece que a intenção do blog é provocar o debate.

      • Relaxa, Pierre, o texto está muito bom.
        E mais, seus argumentos são honestos. Isso para mim é fundamental.

        • Sâo partidários e com forte teor terrorista, portanto não tão honestos assim.

    • Zeca, não publiquei o texto mas publicaria. Mesmo achando ele de um preconceito voraz. Estamos aqui para debater idéias. Abs

      • Eu gosto dos textos do Robson, mas esse está preconceituoso, fugindo da linha editorial do blog.
        Foi André quem colocou, e aqui no blog ele pode colocar o que quiser, tem liberdade para isso.

        • Pierre, realmente gosto não se discute.
          Sou “viciado” no Acerto de Contas, o acesso umas três vezes ao dia, no mínimo.
          Sua resposta já deixa claro a liberdade que você, Marco e André tem de postar o que bem entenderem por aqui.
          Com relação ao autor do artigo, eu não gosto de “pn” que ele publica, “viaja muito na maionese”. Particularmente eu acho que ele já deu a cota dele por aqui, até porque ele tem o próprio blog. Não vejo necessidade de cooptar os artigos dele lá do “consciência efervescente” para cá. Chega, já tomei abuso dele.

      • Aí sim, concordo com o Marco. Tem que publicar mesmo! Até mesmo para que possamos, por meio dos comentários, desmascarar preconceitos e visões estreitas como a do texto. E essa discussão é saudável e profícua.

  • Está faltando alguém aqui afirmar que a candidatura de Marina Silva, é invenção da direita golpista, afinal vão tentar desqualificar a sucessora natural do Lula, de qualquer maneira, mas uma coisa que está passando despercebida, ninguém do PT bate forte em Marina, o que vejo são insinuações sem sentido, o que leva-me a acreditar que Marina Silva, é a candidata dos Petistas sacaneados por Lula, os petistas que foram atropeladas pela candidatura imposta por Lula da ex-pedetista Dilma roussef, estão torcendo pela derrota de Lula, e de Dilma, mas com uma vitoria de Marina, o PT continua no comando, ou alguém duvida ??

  • Muito boa a análise.
    Nós já evoluimos muito em separar Religião e Estado. O retorno com viés protestante seria um verdadeiro atraso.

    Em tempo, para quem gosta de votar nulo, fique ligado. Os protestantes votam apenas em protestantes. Desta forma, a cada eleição, eles apliam seus representantes no congresso nacional, ou seja, quanto maior a quantidade de votos nulos, maior a quantidade de representantes protestantes.

    Para quem não acredita que os protestantes querem fundir Religião e Estado, leiam o livro de Edir Macêdo:

    Plano De Poder
    Deus, Os Cristaos E A Politica

    Link para ler o primeiro capitulo de graça:

    http://www.livrariacultura.com.br/scripts/cultura/resenha/resenha.asp?nitem=2594802&sid=1898177211181159643644560&k5=FD59192&uid=

    P.S.: Vi um cara lendo este livro, de forma muito entusiasmada, na Livraria Cultura. Detalhe, o cara se parecia com Marco Bahé.

    • E aposto que tem “evangélico” que leu o livro mas nunca leu toda a bíblia.

    • Vc tá enganado! Sou protestante e não votei em “protestante” até hoje. Os que apareceram na mídia até hoje, só nos envergonham pelo uso da fé para ganhar votos. A ex-ministra se mostra uma excessão. Chega de preconceito contra os evangélicos. Pessoas desinformadas e ingênuas tem em todos os segmentos!!!

      • Ela pode ser uma exceção por não roubar como tantos políticos pastores, mas não o é na questão de impor a religião nas políticas públicas, vide as afirmações.

      • Não existe preconceitos contra os Evangélicos, eu sou Evangélico, inclusive.
        Sigo, pratico e acredito no Evangelho de Jesus Cristo, no entanto não tenho religião.

        Agora se você quis dizer preconceito contra os protestantes. Eles é que tentam discriminar as outras religiões.

        • reproduzi o termo protestante porque estava no comentário e é desta forma que muitos denominam os evangélicos.
          Prefiro acreditar que temos que separar o joio do trigo sempre. Frases deterministas e sentencialista do tipo que vc usou: “Eles é que tentam discriminar as outras religiões.” colocando todo mundo no mesmo balaio, prefiro passar longe disso.

  • Dilma que se cuide!
    Pelo menos, os ataques até o momento se direcionam a condição religiosa da ex-ministra, porém não resta dúvida que é uma pessoa admirada e correta. Dilma X Marina X Ciro X Serra … que buruçu 2010 será animado!!!

  • A saida para isto é clicar no X, no alto do canto direito da página. tenho dito!

    • UFA, alguém falou algo interessante!!!!!

  • Robson, to contigo e nao abro…

    Quanta palhaçada, ensinar religiao em escola… faça-me o favor.

  • Senhores,

    Não se preocupem, a Marina é uma candidata fraquíssima, exatamente pelo que parece ter de séria. Não é um Gabeira, que transmudou-se de corpo e alma.

    Isso é apenas experiência, um partido como o PV, agremiação colateral do PSDB, comandada pelo brilhante Zequinha Sarney, não vai perder tempo com isso. Estão apenas experimentando as fragilidades da candidatura do governo atual.

    Onde a eventual candidatura da Marina obtém votos eles não são necessários para a oposição ao governo. Nessa faixa, a oposição não vai tão mal.

    Quanto ao laicismo e à república evangélica, tratar-se-ia apenas de tirar do papel o que já inexiste na realidade. O republicanismo nunca colou no Brasil.

    A república evangélica – com todo um bombardeio de crenças sobre quem não pediu pra ser alvo de propaganda – também já existe. Quem consegue eficazmente obrigar um culto qualquer a respeitar alguma coisa?

    Os jogadores da seleção brasileira de futebol dão-se ao prazer de celebrar cultos religiosos apropriando-se de signos nacionais. Isso em eventos desportivos de uma entidade mundial que não tem o mínimo interesse em melindrar seus associados.

    Então, alguém acredita em laicismo e que não se vive uma república evangélica?

  • E quem não teve medo do Lula?

    • A maioria das pessoas, senão não tinha sido eleito.

      • A comunidade internacional temia a eleição do Lula…
        Quando o presidente, então candidato, mostrou que tinha todas as condições de ganhar as eleições, o risco país disparou, o dólar disparou. esqueceram?

        Muitos brasileiros, tomados por preconceitos bobos, semelhantes ao do autor do texto, temiam a eleição do Lula, uns pelo fato do mesmo não falar um outro idioma, ou simplismente pelo fato dele ser um nordestino sem nenhuma formação superior…

    • Eu nunca tive.

      • Caro martins,
        Lula só foi eleito depois que colocou um bom terno e seputou aquela imagem talebã…
        conheço gente q em 1989, não queria nem ver o Lula pintado a ouro…e hoje é um defensor ferrenho do presidente.
        a maioria dos que defedem lula hoje, um dia tiveram medo….

        o próprio presidente reconhece isso com a famosa frase: A esperança venceu o medo!!

  • Pierre, Bahé e Anizio se manifestaram.
    Falta apenas o André.

    • Caio
      Eu gosto dos textos do Robson, mas esse está preconceituoso, fugindo da linha editorial do blog. Mas como está assinado por ele, não tem problema.

      Foi André quem colocou, e aqui no blog ele pode colocar o que quiser, tem liberdade editorial para isso. Ainda mais um artigo assinado.

      Abraço

      • Pierre, por que seria um preconceito considerar que há ameaça dentro de discursos prévios dela — claramente antilaicos — que não foram desmentidos depois?

      • Aliás, repito o que respondi a Marco:

        Se minhas afirmações no artigo fossem só pelo fato de ela ser evangélica e nada mais, seria sim um texto preconceituoso. Mas atente-se que eu me baseei em dois momentos de declaração dela pra manifestar meu medo. Temo pelo futuro do país não por ser governado por uma “crente” simplesmente, mas pelas declarações passadas dela — que se tornaram muito perigosas com a pré-candidatura dela –, as quais ela ainda não desmentiu nem descartou.

        • Robson,
          na minha opinião, expressa lá em cima, não é um problema de preconceito, ser a favor ou contra essa ou tal idéia. Mas sim de análise. Surpreende-me uma análise tão personalista das decisões em um sistema de poder, vinda de alguém que estuda ciências sociais. Considero esta uma análise ingênua do sistema de forças políticas. Como considerei ingênua e simplista a análise de Pierre sobre o efeito da “banana” do Dr. Roberto na eleição de 2000.

      • Flw.

        • Caio
          Na verdade André colocou porque eu tinha autorizado ele a colocar os textos do Robson, sempre que este chegasse, em um total de um artigo por semana.

  • Uia… Lembrei agora, bem que o Robson disse que ia postar uma coisa bombástica… Uahuahauha
    Mas, como disse o Pierre- aliais muito famoso, aparecendo na globo, ja ja ta em malhação (brincadeira)- ele assinou, os editores do blog aceitaram e pronto. Pierre disse que se antes ele tivesse visto não postava, essa é a posição dele, não tem a ver com censura já que o blog é dele e ele é responsável por coassinar as postagens, como editor. Quem postou achou o artigo interessante e que era o note do blog, gerar discussão sobre algo e, realmente, cumpriu sua função.
    Robson escreve muito bem, baseia bem seus textos e tem boas fontes, mas isso não quer dizer que temos que concordar com ele. Podemos postar respostas ou escrever um artigo contrario, acho que se for bem escrito como os do Robson e não ofender ninguém pode ate ser postado e será uma boa. (acho) isso se o editor do blog achar conveniente, claro. No mais… Um abraço…

  • Texto realmente ralo… Amigo Robson, pula essa fogueira e vai trabalhar o próximo texto. Estarei lendo seus textos, como sempre.

    Quanto a ser “evangélico”, respondendo a alguns comentários, sou! E não voto não em “crente”, mas sim em cidadãos com propostas.

    Já o debate ciência X religião… Quem disse que a ciência não é uma religião? Alguém da epistemologia da ciência poderia dar seu parecer aqui?

    • Miguel, ciência não exige fé pra se acreditar, mas sim se sustenta em provas com experimentos, demonstrações e discussões de comprovação ou refutação. Também não exige cerimônias rituais, argumentos ad verecundiam (baseados na autoridade da pessoa afirmadora) e mitologia.

      Pra quem aceita as informações da ciência sem pedir o mínimo de provas, aí a ciência toma ares de mitologia religiosa, mas aí não é problema da ciência em si, mas da pessoa que crê.

  • Os textos de Robson da ânsia de vômito.

    Na moral!

    • Concordo com você. Na moral!

  • Esse texto é desconexo com a realidade e com a personalidade pública e privada de Marina Silva.

    É apenas uma crítica de um opositor, buscando desqualificar a senadora como potencial candidata à presidência do país.

    O autor deveria ao menos ser sincero e admitir que está usando opiniões próprias, e não argumentos, para criticar.

    Não se trata de uma análise política. Apenas de uma acusação apaixonada de um detrator irracional.

    • É ISSO AÍ, um petista disfarçado de cientista social, um texto terrorista de quinta categoria disfarçado de científico. Não use a especialidade para dar ar de autoridade, pois a mim não engana!

  • Não achei o texto ralo e nem preconceituoso. Fui evangélico por mais de 10 anos, “nascido na igreja” conheço a forma de funcionar dessas igrejas (evangélico de religião, mesmo. Não existe essa história de “não sigo religião, sigo Cristo”, pois a figura de Cristo só faz sentido no interior de uma religião).

    E só quem é louco para não perceber as interferências da bancada evangélica na política nacional, com proposta e “despropostas” que minam o conceito de Estado laico e atuam contra o interesse legítimo de outras minorias, religiosas ou não. Como gay, atuante e militante no movimento desta minoria, assisto de perto esse triste espetáculo.

    Por mais que Marina tenha um passado brilhante e ilibado, em termos de ausência de corrupção, suas posições a respeito da educação, da ciência e de outros temas sensíveis não são progressistas, e, mesmo que totalmente bem-intencionada, será difícil a ela resistir à pressão da bancada evangélica sobre si (essa religião tem uma força enorme sobre quem a professa).

    Um presidente evangélico, ou uma presidente evangélica, nesse momento, no Brasil, que não tenha o mínimo de progressismo, é tudo que não precisamos para nos sintonizar com a evolução da democracia, dos direitos humanos e das minorias em países mais avançados.

    Sinto muito a quem apoia a candidatura de Marina Silva – e afirmo que a respeito e a respeitei muito como ministra do Meio Ambiente. Mas, diante desse quadro espinhoso de religião e política, não para Marina Silva – e, vale dizer, não para Heloísa Helena também.

  • [...] surpreendido pelo texto publicado no Acerto de Contas, neste sábado (15/8), intitulado Marina Silva, presidente? Eu tenho medo!. Apesar do argumento do medo ser o que há de mais preconceituoso, conservador, atrasado e [...]

  • O que os cientistas pensam de Marina Silva?
    Está rolando uma discussão na Roda da Ciência:

    http://rodadeciencia.blogspot.com/2009/09/marina-silva-e-ciencia.html

  • Desqualificar Marina por ser criacionista, uma manifetação de opinião episódica, é uma posição que só enxerga o pequeno. Será que vamos desqualificar Gandhi pela história obscura com sua amante Saraladevi ou vamos desconsiderar a obra de Luter King por ele ter sido evangélico pentecostal. Pelo amor de Deus, vamos pensar grande e deixar o que é menor de lado. Se o Brasil não merece Marina, pelo menos precisa muito de pessoas como ela. Chega de corrupção e luta pelo poder a qualquer preço!

    • Ciro, parabenizo-o por sua intervenção! O infeliz autor do texto (Robson) provavelmente seria contra uma candidatura de Madre Teresa de Calcutá (se viva estivesse) a um cargo público porque ela, se eleita, iria ficar propagando práticas EXCRESSIVAMENTE PURAS, não condizentes com o mundo moderno, no qual a palavra “pureza” é totalmente inadmissível. Bom mesmo é a malícia, o opurtunismo, o individualismo, a malandragem. É isso que o Robson considera contemporâneo e pertinente. Acho que ele gosta mesmo é de político safado.

  • BRASIL PODERÁ TER SUA PRIMEIRA PRESIDENTE EVANGÉLICA?
    Mais engano à vista!

    Auto lá! EVANGÉLICA VÍRGULA! Tem algo muito podre nesta história e faz-se necessário esclarecer. Definir alguém como evangélico faz-se necessário saber que tipo de evangelho esta pessoa professa uma vez que existem vários sendo pregados por aí como se fossem originais e não são; quais as suas posições e qual o seu comprometimento com a fé que professa. No caso da Ex-Ministra e Senadora é evidente que o evangelho por ela defendido passa longe daquele expresso nas Escrituras, afinal um cristão sincero em hipótese alguma se envolveria com as mazelas e com a podridão da política e as suas sujeiras, isto porque todos sabem que o meio político é um lamaçal onde quem entra jamais sai de lá limpo. No caso específico da senhora Marina Silva não tenho qualquer duvida ou receio em afirmar que ela jamais teve qualquer compromisso com o verdadeiro Evangelho de Jesus Cristo, e neste caso é aquela história de uma vela para Deus e outra para o Diabo e estamos quites. Causa-me espécie ler uma reportagem desta natureza onde o título não reflete em absolutamente nada a verdade dos fatos além de tentar passar para a população a idéia mentirosa de que tal pessoa representa o segmento evangélico o não tem qualquer sustentação se fundamentada nos ensinos sagrados. Ela é sim uma militante oriunda de movimentos sociais de base com raízes estabelecidas no catolicismo e que tem a sua trajetória política e social apoiada pela igreja católica iniciada no PCR – Partido Revolucionário Comunista, onde teve fortes laços com o deputado José Genoíno do PT. Marina da Silva começou sua carreira política militando nas CEBs (Comunidades Eclesiais de Base), ligada à Igreja Católica. Tinha o sonho de ser freira, mas ele foi derrubado pela militância política. Na universidade, militou em um grupo semi-clandestino que fazia oposição ao regime militar.

    A questão fundamental é que a Assembléia de Deus por motivos que só ela sabe e pode explicar, se enveredou vergonhosamente pelas fileiras políticas fazendo do Evangelho uma fachada para os seus interesses, seus projetos, para as suas realizações e seus negócios. Partindo deste princípio ela passou a aceitar nas suas fileiras qualquer pessoa, mesmo que esta não tenha tido qualquer experiência pessoal e verdadeira com Cristo; mesmo que esta não expresse nas suas ações e atitudes qualquer compromisso com as Escrituras Sagradas, e foi exatamente isto que aconteceu com a Senadora Marina e outros tantos políticos que encontraram na religião bases para garantirem uma votação segura nas disputas eleitorais, pois a igreja se transformou literalmente num curral eleitoral onde o voto de cabresto é garantido com promessas de favores e de benefícios para o segmento religioso.

    Lamentavelmente o Evangelho, pelas suas características, tornou-se num instrumento preciosos para aqueles que aspiram um lugar ao sol no meio político, assim com as facilidades de se aliar a uma igreja que não fazem qualquer exigência para os seus militantes, os espertinhos encontraram nos terreiros religiosos uma maneira de se beneficiarem da total falta de cuidado de nossas lideranças religiosas no trato com a fé do povo. E viva a corrupção…

    O fato de a senhora Marina Silva fazer parte do rol de membro de uma igreja Assembléia de Deus, seja ela de qual segmento for, não dá a ela o direito de afirmar que é evangélica e muito menos cristã, ela é sim uma pseudo-evangélica que vive de acender uma vela para Deus e outra para o Diabo sem se importar com o zelo e com o cuidado que o verdadeiro cristianismo exige de seus seguidores. Ela como tantos outros encontraram na religião um meio fácil de implementarem seus projetos uma vez que o numero de pessoas que se declaram evangélicas no Brasil cresce vertiginosamente, sem qualquer critério sério que possa fazer uma seleção razoável dos que buscam a religião como razão de sua verdadeira fé.

    Volto a afirmar, o porco quando entra num poço de lama jamais sai de lá limpo e na política não é diferente, lá negociatas, imoralidades, conchavos, jogo sujo, tapinha nas costas, corrupção e todo tipo de sujeira são comuns e praticadas livremente coisas que jamais podem fazer parte da vida de um crente em Jesus Cristo. Aliás, se todo cristão observasse os ensinos de Jesus com certeza absoluta teríamos um mundo melhor e sem o domínio da corrupção, não precisaríamos das desculpas esfarrapadas de pessoas que afirmando serem evangélicas iriam fazer diferença no meio sujo da política.

    Lamento que as nossas lideranças religiosas estejam fazendo festa com tamanha hipocrisia e tamanho despropósito religioso, lamento que não saibamos definir com precisão Bíblica o que de fato representa um cristão. Infelizmente e para nossa vergonha os negócios do mundo estão substituindo os do Reino enganando e fazendo vítimas em tosas as partes. Jesus, o exemplo máximo está sendo trocado por negociatas e por interesses contrários aos seus ensinos. Não resta duvidas de que a senhora Marina Silva é mais uma oportunista nesta aventura de destruir o verdadeiro Evangelho estabelecido sobre os princípios básicos do abandono total das mazelas deste mundo.

    Sugiro aos evangélicos um estudo aprofundado e fundamentado nas escrituras sobre a palavra “ÉTICA”, sobretudo tomando como base os ensinos de Jesus.

    Carlos Roberto Martins de Souza
    crms2casa@hotmail.com

    • Eita, agora o fanatismo. Essa página tá pesada….

    • Prezado Carlos
      Tu quer ser Deus é? Então só você tem a “precisão bíblica” para definir quem é a Marina Silva? Meu filho tu já deve ter ouvido isso milhões de vezes, mas vou te dizer novamente: Quem julga é Deus!! Se vc acha que quem se envolve com política entra num lamaçal e não consegue sair limpo, deve ser porque vc já está afundado até a testa. A Marina Silva é muito respeitada por sua honestidade, ela acredita nisso! Além disso sua religião ensina, entre muitas coisas boas, amar a todos e não ficar difamando as pessoas honestas sem conhecê-las.

  • Oi pessoal e contrários às convicções espirituais da Marina Silva: vamo-nos respeitar que não faz mal a ninguém. Certo?!

    Nada implica das suas opiniões que ela ‘mude o sistema educacional…’. Ora pensar isso de suas convicções é, ou não entender que ela é uma democrata e respeitadora das leis feitas por um Congresso e seus atos julgados por um Judiciário, ou reproduzir o preconceito de que o/a presidente/a é um/a impostor/a ou ditador/a.

    Tenhamos um pouco de paciência com as pessoas e bastante respeito, pois só assim podemos avançar a Humanidade.

  • Fico me perguntando que tipo de cristianismo as pessoas defendem hoje e vejo com tristeza que não é o ensinado nas Escrituras Sagradas, antes é um cristianismo genérico onde o que vale é a aparência e não a submissão total ao Senhor Jesus. Querer justificar o apoio a candidatura da senhora Marina Silva a Presidência do Brasil usando o argumento de que ela faz parte da membresia de uma igreja e frequenta regularmente a mesma é no mínimo uma incoerência e uma falta de respeito ao sacrificio de Cristo na cruz, até porque membro de igreja hoje qualquer um pode ser e quando se tem uma posição de destaque na sociedade a coisa fica ainda mais fácil. Só lembrando, pelo que sei nenhum dos Apóstolos ou seguidores de Jesus se envolveram com as corrupções do mundo político de sua época, pelo contrário, muitos abandonaram tudo para seguí-lo. Na verdade a política hoje traz status para a religião e é exatamente isto que os evangélicos buscam hoje, querem a qualquer custo estar em evidência a para isto pouco importa que jogo tenham que fazer ou participar, se há sujeira ou não. Nesta linha ter uma candidata ao cargo maior na política Brasileira é algo perseguido por todos e parece ser uma questão de honra, mesmo que a podridão e a sujeira sejam as marcas comuns deste meio político em nosso país. As igrejas hoje estão repletas de convencidos e não de convertidos e esta é a diferença básica no exercício da fé, e aí eu desafio um destes políticos evangélicos a passar pelo apedrejamento como Estevão passou, será que estariam dispostos a de fato padecer pelo Evangelho? Com certeza, pelo partido político que defendem sim, mas pela fé que professam… Bem, deixa para lá!

    Os defensores da candidata citada deveriam dar uma estudada apurada no Salmos 1 e ver quais as recomendações ali contidas e como aplicá-las na vida cristã até porque o salmista não fez tais recomendações apenas por fazê-las. Quando ele fala sobre de “conselho dos ímpios” eu imagino que tipo de conselho é o dos políticos brasileiros; quando ele fala de “roda dos escarnecedores” eu imagino o escárnio com que a maioria absoluta dos políticos trata a religião e principalmente o Evangelho. Estes pseudo-evangélicos têm mais prazer nos “códigos de éticas” de seus partidos dos que na “Palavra de Deus” e a eles se submetem integralmente e por eles brigam com qualquer um.

    O crescimento dos evangélicos no Brasil não significa que também estejamos crescendo na qualidade da fé que se professa e se pratica, pelo contrário, o que se vê são distorções que são introduzidas nas igrejas para atender aos oriundos de outras religiões para se evitar que estes se dispersem ou abandonem o grupo. Imagino que carta Paulo escreveria às nossas igrejas hoje… As igrejas estão cheias de sujeiras sim, mas por culpa dos próprios crentes que não que não sabem mais como lidar com os invasores que buscam na religião uma maneira de colocarem seus projetos em prática e obterem lucros nas mais variadas áreas, inclusive na política. Os atrativos oferecidos pelo mundo tem seduzido as lideranças evangélicas levado invariavelmente a quase totalidade destas a se sujeitar às regras impostas pelo inimigo fazendo de nossas igrejas verdadeiros quartéis onde o general que dá as ordens não é o Senhor Jesus, mas sim Satanás. Por esta razão é que vemos os crentes, se é que podemos classificar assim, apoiando pessoas de suas comunidades religiosas que se enveredam pelo caminho sujo da política já que agradar a Deus não é mais atrativo uma vez que a oferta do inimigo vem recheada de coisas que satisfazem aos olhos, mas não trazem qualquer benefício para o coração e a alma do cidadão.

    As distorções dentro das igrejas existem, mas são por que nos afastamos dos princípios cristãos estabelecidos na Bíblia e a “Carta Magna” do cristão foi trocada por códigos de conduta estabelecidos por partidos e por pessoas que sequer se preocupam com a morte e o sacrifício de Cristo na cruz, assim é óbvio que a iniqüidade tem caminho aberto para se multiplicar levando pessoas a condenar que quer ver a Bíblia sendo respeitada e a religião voltando às suas origens apostólicas. Por causa do pecado que transforma o coração de carne em um órgão de pedra muitos estão sendo imunizados contra as verdades Bíblicas aceitando como natural este cristianismo genérico e de fachada que vemos dentro de nossas igrejas hoje sendo oferecido a preço de banana do alto de nossos púlpitos.

    Deixo para os cristãos relaxados e adeptos das práticas estabelecidas pelo mundo o texto de Romanos: “ROGO-VOS POIS, IRMÃOS, PELA COMPAIXÃIO DE DEUS, QUE APRESENTEIS OS VOSSOS CORPOS EM SACRIFÍCIO VIVO, SANTO E AGRADÁVEL A DEUS, QUE É O VOSSO CULTO RACIONAL. E NÃO VOS CONFORMEIS COM ESTE MUNDO, MAS TRANSFORMAI-VOS PELA RENOVAÇÃO DO VOSSO ENTENDIMENTO, PARA QUE ESPERIMENTEIS QUAL SEJA A BOA, PERFEITA E AGRADÁVEL VONTADE DE DESU” – Romanos 12 : 1 e 2

    Carlos Roberto Martins de Souza
    crms2casa@hotmail.com

    • Pára com isso e tenta entender o mundo que o cerca, pelamordeDeus!!!!

      • Caro xará, só permaneceremos neste mundo que “nos cerca” por um tempo infinitamente curto (comparado com o que vem depois). Temos que valorizá-lo, sim, pois foi criado pelas mãos amorosas de nosso Pai. Mas esse mesmo Pai nos revelou que existe vida após a morte e que, mais importante, ela é ETERNA, e será presença de todo bem ou presença de todo mal dependendo da opção que fizermos nesta vida aqui.
        Enfim, Paulo, você não é obra do acaso. Coloque várias letras espalhadas em uma mesa, deixe-as por lá por 10 anos e veja se elas, em função do acaso, se juntaram e formaram um parágrafo…uma frase….uma palavra sequer.
        Seja mais humilde.

  • A candidatura de Marina silva para presidente está deixando muitos empresários fazendeiros e sitiantes que não cumprem seu papel de preservar com muito medo Marina é candidata que devemos arriscar estamos numa época muito dificil precisamos arriscar para vencer Marina é muito elogiada no exterior escolhida como uma das 50 pessoas capaz de salvar o mundo seguidora de Xico mendes grande ambientalista da Amazonia., Marina se demitiu porque viu que não estava sendo levada a sério pelo governo lula é uma mulher simples que teve fome de aprendizagem não tem história politica nem pais ricos vanceu com a moral e a força de vontade nunca desistiu de seus sonhos ela é um exemplo de ética e moral para todos.
    por ser quem ela é conhecendo seu trabalho posso dizer ela apareceu na hora certa para salvar o Brasil ela é candidata que merece e se Deus quiser será a nossa presidente da Repúblicaa, não devemos ser influenciados por preconceito por que ela é mulher negra evangélica ambientalista ela é perfeita é a minha candidata.

  • [...] surpreendido pelo texto publicado no Acerto de Contas, neste sábado (15/8), intitulado Marina Silva, presidente? Eu tenho medo!. Apesar do argumento do medo ser o que há de mais preconceituoso, conservador, atrasado e [...]

  • Sr. Robson Fernando,

    Falta-lhe conhecimento à respeito da Ciência. O Criacionismo é uma teoria científica e caso você nao saiba, o Evolucionismo é considerado uma hipótese, já que o próprio Darwin reconheceu diversos “furos” em sua teoria.
    Defender o Criacionismo não é uma questão religiosa, já que no meio científico existem diversos criacionistas ateus.
    Portanto, querer denegrir a imagem da Marina Silva por defender o ensino do Criacionismo nas escolas do país, é preconceito seu, quanto ao fato dela ser evangélica.
    Ou seja, uma coisa não está necessariamente relacionada à outra.
    Para maiores informações sobre o assunto: “Criacionismo”, acesse o site: http://www.universocriacionista.com.br
    Sem mais.

  • “Não adianta uma presidenta ser ambientalmente maravilhosa mas figurar como ameaçadora quanto a vários outros pontos de importância não menor.”

    Salvar a amazônia para evitar que o mundo inteiro sofra com cada vez mais secas furacões etc. é tão importante quanto evitar que as crianças ganhem mais uma disciplina na escola? Putz fala sério… Se é isso que você pensa da importância de preservar a natureza, você subestima MUITO o aquecimento global.

  • A Marina sendo presidente do Brasil é obviamente que seria a melhor presidente do Brasil,se pegarmos o EUA que teve como presidente em sua maioria homens cristão,analisando que hoje é a maior nação do mundo em todos os sentidos,querendo as pessoas sim ou não,com o mandato dela o Brasil teria a grande ousadia de chegar a ser um país de primeiro mundo,e lembrando que o Estados Unidos tem no seu lema `Nós confiamos em Deus ´pode ser que não seja agora,mas em um futuro bem próximo o ela será presidente do Brasil

  • Quem acredita que Marina Silva, vai instalar o creacionismo nas escolas, condenar o aborto e tantos outros temas polêmicos, e instalar um governo doutrinador, simplesmente não possui o menor conhecimento sobre sua trajetória. Qualquer um ou uma que tenha lido seus artigos e estudado minimamente sua trajetória, sabe que sua tendência são os processos participativos, que não se omite da responsabilidade mas que a compartilha com os atores e atrizes pertinentes da sociedade. Marina causa o que causa, entusiasmo e medo para os mais medrosos, porque ela representa o atual paradigma da sociedade. E por sua própria presença nos faz refletir o que para muitos é muito difícil, principalmente para aqueles com “peso na consciência”. Os temas polêmicos, como o Aborto, Eutanásia, e religiosidade expressam as lacunas do desenvolvimento humano que nos retêm no estágio de macacos tecnológicos, e não nos permite nos desenvolver enquanto seres humanos integrais, precisando ser sustentados por uma sociedade de consumo voraz que vive do nosso insaciabilidade, um Estado burocrático para nos proteger de nós mesmos e nos controlar uns aos outros… Ora, todos sabemos que cada caso é um caso e que uma lei ou uma política pública não dão conta de resolver tais questões humanas. Marina Silva não se furta desse enfrentamento, resta saber se a Sociedade está pronta para dar esse passo.

  • Vocês estão sendo preconceituosos em relação ao cristianismo não somos um bando de alienados ou cegos em relação e ciência e os avanços já realizados. Porque ao inves de criticar debater. Asenadora não chegou onde estar com discurso religioso, mais sim por sua capacidade não d]se esquesam disso.

  • Em quem eu voto

    Muitos amigos meus me perguntam porque e como eu não vou votar na Dilma e se eu prefiro o SEEEEERRRRAAAA????? Pois hoje resolvi respondê-los.

    Não voto na Dilma porque ela é do PT e o “pragmatismo” petista tem sido muito mais odioso do que o “esqueçam o que eu disse” do FHC. Um partido que representava o sonho de uma política mais limpa, um partido que deveria se aliar com a esquerda ou, no máximo, com um centro esquerda como um PSDB da vida, jamais poderia seguir uma política prostituída como a do atual PMDB. O PT, a meu ver, não deveria ter o direito de sentar-se à mesa com Sarney, Edson Lobão, Renan Calheiros, Fernando Collor e semelhantes. Muito menos articular com essas figuras para que elas mandem no Congresso Nacional de forma tão explícita como nem no FHC mandaram. Essa simbiose é imoral.

    Não voto na Dilma porque ela é do PT e esse partido não fez ABSOLUTAMENTE NADA pela educação em seu governo. Se criar condições para a proliferação de Faculdades em todos os lugares ao ponto de gerar uma profunda crise no setor é tudo o que o PT ofereceu nesses oito anos, eu realmente posso dar nota zero para ele no quesito educação, um dos que ele mais defendia. Para mim, o PT teria que investir na educação básica de qualidade com muito dinheiro e seriedade. Somente quando o mais pobre tiver condições de disputar uma vaga na Federal com o mais rico a educação pública poderá ser chamada de decente. E o PT sabe(ia) disso. Emancipar não tem sido o principal objetivo do partido, será por quê?

    Não voto na Dilma porque não sei quem ela é. Quando falo isso, me repreendem duramente falando que ela é uma figura ilibada, com uma grande história política de resistência na COLINA, no VAR Palmares, etc. Diante disso, faço várias observações, dentre elas, que são inúmeras, destaco apenas três: a) pergunto detalhes sobre essa história e ninguém sabe me responder, b) não creio que ter sido militante radical de esquerda na década de 70 credencia alguém a ocupar o mais alto cargo administrativo e POLÍTICO do país. Creio que a política é o espaço da visibilidade e a Dilma, por mais heróica, combatente e capaz que seja, ocupa o espaço da invisibilidade, o espaço da anti-política, c) luta política por luta política, a Marina e até o Serra também fazem parte desse balaio e são honestos.

    Frente a esse impasse, escolho meu voto: MARINA SILVA. Essa, a meu ver, é ilibada, tem uma história de luta tão grande quanto a Dilma, e é afinada com o futuro. Marina Silva seria a única capaz de acabar com a farra gringa e do “terceiro setor” na Amazônia, de promover um desenvolvimento sustentável que traga divisas para o país e para os povos da Amazônia. E que seria capaz de (re)integrar a Amazônia ao Brasil, levando ao norte prosperidade, legalidade, justiça. Não vejo com bons olhos o norte do Brasil ficar na situação em que se encontra. Marina sabe disso e é corajosa.

    Mas a Marina não tem partido, não se governa assim, e coisa e tal. Garanto que Marina sabe disso e que é capaz de fazer uma aliança com um grande partido de forma mais decente do que a feita pelo PT (aliás, quem sabe ela não se alia com o PSDB? Seria, no mínimo, humilhante). E a Marina tem visibilidade, ocupa o lugar do aparecer, da política. Eu sei quem é a Marina, que tem uma doença tratada às claras, que é frágil, mas que tem uma alma imensa, do tamanho do meu país. Coisas que ainda não consegui saber da Dilma. E acho que a Marina terá um vice um pouco melhor do que o Temer.

    Mais ainda, muitos com quem tenho conversado, dizem que vão votar na Marina. Se começarmos uma campanha de fé e esperança, ela pode chegar bem mais longe do que imaginamos. Isso sim, é uma presidenta que eu teria imenso orgulho, que me faria chorar em sua posse, que seria a esperança do meio ambiente no Brasil e, portanto, de 40% do futuro de nossa nação (os 60% estão nas mãos da educação, área sobre a qual nenhum candidato, nem a Marina, parece ter a mínima idéia do que fazer).

    Ah, e só para comparar com o nosso atual presidente, é bom lembrar que Marina era tão ou mais pobre do que o Lula, que ela também entrou na política pela esquerda, só que não se aliou com senadores duvidosos, mas os denunciou. Marina é pobre, mas sabe da importância transformadora da educação e, ao invés de vangloriar-se de não ter estudado, conseguiu, com muita luta, se formar em história. Marina sabe que há vencedores sem diploma, mas é honesta e admite que, entre os vencedores, os com diploma (de qualidade) são imensa maioria.

    Voto na Marina! Mulher de biografia linda (e conhecida), mulher com um belo nome, mulher vencedora. Marina, mulher coerente, que largou o ministério porque não poderia fazer nada com ele, que rompeu com o seu partido porque ele se corrompeu ideologicamente. Voto na Marina, que continua acreditando que um governo pode ser decente e que sabe que do uso sustentável do meio ambiente depende o futuro do planeta.

    Finalmente, para responder a questão das primeiras linhas, “você prefere o SEEEEERRRRRAAAAA?”, eu digo que não, prefiro a Marina. Mas se não tiver jeito, porque não o Serra? Ele trabalha feito cão, sonha com isso há anos, é do PSDB, que é menos indecente que o PMDB, também tem história de militância e é conhecido, visível, político.

    Não voto na Dilma porque sou de esquerda, mas uma esquerda moderna, que vê no cuidado ambiental, no desenvolvimento sustentável, no estímulo à economia solidária, o futuro do Brasil. O nosso turismo, por exemplo, deveria ser feito com base em organizações de economia solidária. Nosso litoral está sendo vendido ao estrangeiro, que não dá o retorno devido às comunidades locais. E Marina sabe muito mais sobre isso do que a Dilma.

    Acima de tudo, não voto na Dilma porque não acredito que posso me sentar à mesa com Jesus e Judas, como diz o seu mentor, com quem ela, aparentemente, concorda em tudo.

    Mas se a Dilma colocar um vice-presidente decente em sua chapa, fizer-se mais transparente com sua vida pessoal, política e ideológica e me prometer que vai eliminar os atuais caciques do Congresso, refazer o Maranhão e Alagoas, e firmar alianças moralmente decentes para governar, eu até penso em reconsiderar o meu voto. Apesar de Marina soar tão mais belo, leve e doce aos meus ouvidos.

  • Por via das dividas meu voto e da MARINA

  • O autor demonstrou em seu texto o mesmo medo e mito que se criou em torno da candidatura Lula. O demonstra que a Senadora esta no caminho certo. Sou professor de história e pós graduando em H. do Brasil. Esta na hora de mudança. Esta na hora de uma Mulher estar a frente desta Nação e Esta Mulher sem duvida é a Senadora Marina Silva.
    Sua ascenção não significará uma república teocratica brasileira e a intolerancia religiosa. Mas um governo onde a distribuição de renda e a melhora da educação e o mais importante ainda que não ponha fim, diminuir o desvio de conduta moral e ético social e política tão escaço em nosso país de tantos escandolos e denuncismo de corrupção. O Brasil se abril para o mundo e deve se manter aberto sem preconceito para a Senadora Marina Silva e assim consolidar seu processo democratico.Marina Silva Presidente certamente eu voto.04/04/10

  • Se alguém ler isso antes de ser apagado (censurado), saiba que meus comentários foram apagados do dia 05/04/2010 para hoje (06/04/2010), pois questionavam certas linhas de pensamento, patrulhistas, Stalinistas e/ou de “Nova Santa Inquisição”.

  • Creio que foi acidental, mas meu nome foi misturado com a mensagem no “post” acima…

  • Marina é uma promessa favorável sim, pode ser que assim, se extingua no Brasil a Política do café com leite.
    Se ela possui ideais religiosos, é muito bom (seria incapaz de roubar e ter a pouca vergonha de muitos políticos hoje me dia).
    Com certeza ela não obrigará ninguém a seguir suas crenças e religião. Ela quer impor no BRASIL o ensino criacionista (o mais aceito pela população brasileira). Isso não pode ser conseiderado desrespeito às outras religiões, pois se fosse assim, o próprio evolucionismo de darwin, seria um desreipeito ao Cristianismo.
    Júlio César

  • Absurdo!
    Vc é ateu!!!

  • Infelizmente, quanta besteira neste artigo. Tudo fruto de um preconceito bobo e patético que este país sustenta em relacao aos protestantes. Inclusive, ainda há informacoes equivocadas, passíveis de acao judicial.

    Marina é evangelica, mas jamais afirmou que imporia a religiao sobre o estado. Quando falou sobre o criacionismo, referiu-se ao contexto das escolas confessionais adventistas, o que é um direito garantido pela Constituicao. Se alguém quiser mudá-la, haha, impossível.

    Obs.: O criacionismo nao é cristao. Nao tenta explicar a ciencia pela biblia. Apenas afirma que tudo o que existe foi perfeitamente projetado.

    aff, cética ignorancia, laico preconceito

  • Eu gostaria de saber qual a função do vice-presidente, porque ele nunca assume nada, e quando assume não poder decidir nada, também ele não é votado.

    Bom seria se o vice-presidente, vice-governador e vice-prefeito fossem o segundo mais votado, e teria função de fiscalizar o presidente, governador ou prefeito, apontando as Falcatruas e até pedir impitimas e assumir em seu lugar.

    O vice seria agora de fato o ministro ou secretario executivo que já assina com detentor da cadeira, ele sabe todo o programa de governo e poderá dar continuidade num eventual afastamento temporário.

    Que tar essa sugestão.

  • Será que a maioria católica do Brasil não é criacionista? Não é contra o aborto?
    Bem, creio que o Lula é católico e criacionista…
    O Serra jamais irá dizer que não crê em Deus, diante de uma inumerável multidão de eleitores cristãos…
    Em suma: o que vai fazer diferença senhores, não é o credo de tal ou qual candidato… e lembrem-se, mesmo em se elegendo um candidato budista, ou ateu, há uma Constituição e um Congresso Nacional que vedará qualquer ato de governo que não passe pelo seu crivo…
    Imagine se o Lula decidisse que todo brasileiro tem de torcer pelo time dele…
    Ora… a discussão que aqui se faz é perfunctória…rsrsrs

    No primeiro turno eu votarei em Marina, do mesmo modo que desde 1989 voto no Lula… acho que ela é a melhor candidata… e isso me basta.
    E que todos votem naquele que acharem melhor. Lembro aos mais jovens que houve um tempo em que os milicos não nos deixavam votar… Votem, senhores! Sem medo!

    • Perfeito! Nota dez.

  • caro vc comointelecutal esta longe de sabe o que pensa que sabe. como não sabe o que não sabe escreve o que não sabe, mas te ainda tem um jeito para voce ok.

  • Penso que o jornalista mostrou se no artigo como sendo uma pessoa preconceituosa! Pois independente de tudo isso meu voto é da marina! O jornalista deve ter simpatia pela candidatura do PSDB, pois só um tucano disfarçado de jornalista para disseminar o preconceito em relação a uma pessoa popular e capacitada como a Marina! Se Deus quiser nossa futura presidenta será Marina Silva!

  • SOU A FAVOR DA MUDANÇA. NADA DE PSDB, MUITO MENOS PT. É MARINA SILVA DO PV.

  • Negar o evolucionismo é uma loucura tão grande quanto misturar ciência com religião.

    (frase de minha autoria!)

  • Parabéns aos autores desse post. Que sucesso de repercursão hein?

  • Que me desculpem os esclarecidos do assunto, pois sou leiga. A discurssão toda gira em torno da religião da candidata???
    Então ela deveria negar as crenças ou omitir para ser eleita????
    Não seria isso pior???? Todos estão dando suas opinoões, baseados no que sabem sobre a ciência que é necessária, mas a religião não??? Ta certo, a muitos que achem que não, é direuti de cada um, mas eu, ou o vizinho ou a Marina não podemos achar que sim, a religião é importante??? Crer em Deus nos desqualifica??? Tentar nos manter próximos ao Espirito Santo nos torna incapazes?? Então vcs que estão com tanto medo de perder o que se foi conquistado na ciência ou na educação simplesmente nega a possibilidade da candidata ser boa para o Brasil por conta de sua crença??? Eu sou cristã, não estou defendendo aqui a Marina até porque não decidi ainda em quem votar, é gente, cristão vota!!! Mas eu acho que todos nós os seres humanos somos um conjunto de defeitos e qualidades e no caso dos candidatos a presidencia tem sim que se olhar o conjunto, com isso eu também concordo, por isso existe propaganda política, debates e tudo mais, vamos participar, questionar a candidata Marina e a todos os outros, qual a posição que irão adotar em todas as esferas da sociedade. A Biblia não se resume somente em Genesis e em Apocalipse, para um cristão se aproximar do Espírito Santo, tem que afastar do pecado, não das pessoas, do pecado, o que não é fácil, mas é uma decisão da pessoa, se aproximar ao máximo do carater de Jesus, que se fez de exemplo, não só falou. Será mesmo que seria uma ameaça, ter uma pessoa que quer estar proxima ao Espirito Santo, num cargo desse? Não atiremos pedra, da mesma maneira que ela teá de encontrar um jeito de viver numa sociedade tão diversificada, eu e vc que está lendo também temos de fazer o mesmo. O centro é Jesus, não somos eu, vc ou a Marina. Não é problema maior um canditado que tenha ele próprio como o centro??

    Abrãços e fiquem com Deus

  • Apenas um adendo meu caro , se nosso atual presidente fosse autentico, torceria para o time da terra dele e não para um time que talvez tenha aprendido a enfiar goela abaixo pq tinha suas partidas transmitidas pela Globo nas 4ªs e domingosl Nunca via uma estação de tv neste país transmitir uma partida de futebol dum time de Garanhuns.
    O problema de nosso país não são as religiões e sim os modismos putridos, sujos e imundos difundidos pelas redes de tv.
    Essas redes de tv cujos proprietários e acionistas,
    vieram de um país onde os interesses de enriquecimento individual estão acima de qualquer
    preocupação para com o bem estar e o compromisso com a verdade e a transparencia à população. Tv neste país é um antro de sensacionalismo, prostituição, BBS e muito controle de parte dos interessados que estão no poder.
    E diga-se de passagem uma grande maioria neste país almeja o poder apenas para enriquecer ilicitamente e acolher a parentalha.
    O exemplo mais imundo que temos em nosso páis está lá no Maranhão com aquela máfia do Sarney.
    Não fique assustado, pois neste país tem de tudo para que fiquemos amedrontados…..

    Então, se esta senhora lhe põe medo, por ter algumas idéias diferenciadas, que diremos dos ultimos presidentes que sempre foram reféns da filosofia e interesses economicos
    impostos pelas redes de tv?
    Somos escravos do universo financeiro, e ninguem se atreve, nem mesmo o senhor a comentar as barbáries cometidas por estas instituições ,que nós brasileiros somos sumetidos por esta classe de assaltantes.

    Sem contar que alguns presidentes, às vezes demonstram simpatia para com determinadas seitas religiosas, travestidas de evangélicas,por elas manifestarem apoio através
    de seus rebanhos, monitorados por seus líderes (bispos),
    em troca de isenção e facilidades ,justamente
    ambicionando o poder e o controle do país num futuro próximo.
    Foi uma rede conhecida, comprada com dinheiro suado de pessoas, dentro de templos, para serem investidos na obra de Deus e para ajudar aos necessitados.
    Será que Deus precisa de tv para chegar até seu povo?
    É preciso separar o joio do trigo.
    Pelo que percebi, pela sua ótica,
    um canditato à presidencia neste país deve estar totalmente alheio à moral e aos bons costumes da família, senão não se elege.

  • De Marina não tenho medo. Tenho medo de Renans, Dilmas, Collors, Sarneys e tantos outros que estão há anos no comando deste país e até o momento só o exploraram em benefício próprios. Quando surge algo novo / alguém novo na tentativa de mudar o quadro e oferecer espernças ao povo, tentam desqualificá-la. E pior, na falta de argumentos, tentam colocar argumentos pífios ou preconceituosos. Toda a exposição dos motivos são preconceituosos e ferem a liberdade de expressão. Todos são livres para praticar a sua fé religiosa e expor o seu pensamento. Ou devemos acreditar nas mentiras de que os demais candidatos estão preocupados com a situação soial da população e se eleitos melhorarão o nível de emprego e renda?

  • Esse texto é tendencioso, e desqualifica a candidata Marina Silva por suas convicções pessoais,como todos nós temos as nossas,sinceramente,não sei como um texto desse é colocado num blog sério como esse…
    Medo eu tenho como o amigo disse acima,de uma Dilma,despreparada e envolvida em escandâlos,de um Serra,com o mesmo gabarito de Dilma,de um Renan,Delúbio,Palocci e a corja nojenta do pt,Dilma entrou de gaiata nessa eleição,Lula queria era que Delúbio o substituísse mas dps da avacalhação que ele e os petistas fizeram no senado,não teve cara né,já tinha conseguido livrar a dele mas santificar Delúbio seria no mínimo patético…Dilma é que é despreparada,não tem expressão nenhuma,apática,toda vez que abre a boca pra falar algo confunde-se ou é ignorante,sei lá…só sei que a música Voltei Recife não é do Ariano Suassunakkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk,ela é do tipo que não sabe mas que mesmo assim se mete a falar,a dar palpite,e ainda vai continuar apoiando o estado provedor,que dá esmola”bolsa família,vale gás,etc,etc,etc…”,pra calar a boca do pobre,aumentar a popularidade,ganhar votos
    O que nós precisamos,como diz brilhantemente Marina Silva,é de um Estado mobilizador,que faça uma política social séria,e não alejar os pobres da nossa nação e passando uma falsa impressão de segurança pra classe média e alta,e ainda tiveram a audácia de dizer que inseriram um número considerável de gente na classe média, acho que o conceito de classe média mudou pra satisfazer os ideais de marketing do governo petista…Tirem o bolsa família hoje pra ver se não entramos numa guerra civil!

  • Falo sem medo nenhum de estar equivocado,podem até me chamar de presunçoso ou arrogante,mas acredito que hoje quem tem um pouquinho de esclarecimento e visão crítica dos fatos que ocorrem no Brasil,vota na Marina Silva!
    Queremos mais que bolsa-família,que vale gás, bolsa-escola,vale-moto(que tão causando tantas mortes e prejuízo pro SUS,e o crédito do governo tá aí rolando solto),minha casa,minha vida,etc…A gente merece mais do que isso,a gente merece viver num país digno,com uma gestão de histórico limpo, que nunca se vendeu ou se corrompeu.Merecemos um país que cresça e se desenvolva respeitando as beleza naturais que nós temos,que tenha uma política social séria e não assistencialismo barato!

    • Concordo 100%

  • Esse quase, futuro, aspirante,graduANdo,pretenso cientista social não deve ser da nossa ufpe,não acredito que a ufpe tá formando sociólogos tão por fora da realidade,tão despraparados e preconceituosos,meu conselho pra ele é:vai prestar outro vestibular,numa área que não requera tanta visão de mundo e complexidade…mas não na nossa federal,não humilha Pernambuco desse jeito!!Parece até que baixou Rita Lee nele,que disse que não votava na Marina porque ela tinha cara de esfomiada….

  • Esse quase, futuro, aspirante,graduANdo,pretenso cientista social não deve ser da nossa ufpe,não acredito que a ufpe tá formando sociólogos tão por fora da realidade,tão despraparados e preconceituosos,meu conselho pra ele é:vai prestar outro vestibular,numa área que não requera tanta visão de mundo e complexidade…mas não na nossa federal,não humilha Pernambuco desse jeito!!Parece até que baixou Rita Lee nele,que disse que não votava na Marina porque ela tinha cara de esfomiada….

  • Faço minhas palavras as suas Eduardo,como já demonstrei acima…

  • Preocupação pertinente????? Então para que diabos temos a Câmara de Deputados Federais e o Senado????? O que vejo é uma absoluta e total desconfiança nesse pessoal que o povo elegeu, significando dizer que eles não seriam capazes de separar a religião das questões do Estado. Se for assim, para que precisamos de parlamentares??? Se esse pensamento tem fundamento, então também estaremos sujeitos ao regime dos Talibãs que são ferozes a ponto de tapar a boca do Congresso Nacional.

  • Sinceramente falando, que artigo horrível e sem fundamento, desculpe a opniao contrária.
    Cada um tem a liberdade pra expressar o que bem entender, falar até papagaio fala e cabe a cada um interpretar e aproveitar algo bom.
    Voce esta julgando a capacidade de governar um pais e as consequencias futuras de um governo a partir dos credos de uma pessoa apenas por algumas frases e convicções? Caramba, da medo ler esse artigo.
    Se a Marina Silva ganhar, e grande parte dos brasileiros acreditam na vitória dela ao contrário do que as pesquisas ‘dizem’, nao vai haver lavagem cerebral pra implantar uma religiao como seu texto – meio forçado ao meu ver – parece pregar nas entrelinhas.
    Nao sou evangélico, mas voce simplesmente pode interpretar a bíblia como um guia de boa conduta, caso voce seja Ateu, e Deus é apenas 1 para evangélicos, católicos, hinduístas, muçulmanos…e até a Maçonaria prega que devemos acreditar em um ser superior, basta ter a boa vontade de pesquisar e aprender.

    Este artigo cheira a problemas pessoais.

  • Realmente, como o colega disse dá medo ler esse artigo.
    É espantoso como na mídia cada vez mais vemos artigos e informações tendenciosas, não informam, não analisam, enfim, buscam “perigosamente” convencer as pessoas de suas próprias idéias. Essa idéia até poderia ser boa desde que apresentada com isenção. Lamentável esse artigo pela falta de isenção e pouca contribuição a um debate sério eleitoral.
    Por acaso os problemas em nosso país são tão poucos para nos perdermos em fobias religiosas?
    Nossas crianças estão bem alimentadas, recebem uma educação que desperte em si o senso crítico?
    Temos justiça na distribuição de renda?
    Temos um sistema de saúde digno que trate as pessoas com respeito?
    A lista poderia ser infindável e, se a Marina trouxer propostas e vontade política para resolver essas questões, por mim ela pode ter a religião que tiver.
    Sou atéia, aprovo o estado laico mas não vi nada de grave em suas declarações. Acredito que no estado laico devemos conviver com todas as religiões e respeitá-las. Posso não acreditar na bíblia, mas a reconheço que tem muitas lições válidas de amor (que falta faz esse sentimento no mundo atualmente).
    E, mesmo que o que tenha escrito até o momento fosse uma bobagem, não podemos esquecer que vivemos num país que tem como um dos seus princípios basilares a tripartição dos poderes (Judiciário, Legislativo e Executivo são responsáveis por fiscalizar uns aos outros). Um Chefe do Executivo, mesmo que quisesse não poderia impor sua religião às pessoas, para isso teríamos que viver num estado absolutista e não democrático como o nosso.
    Desta forma peço, por favor, mais cuidado com os textos que escreve e mais respeito com os internautas. Escreva de forma isenta e crítica para podermos tirar algum proveito da leitura.

  • No meu ponto de vista, estão com medo da pessoa errada.

  • Tenho pena desse tal Robson Fernando. Ele provavelmente é vítima de um histórico não-democrático do país e de todo o patrimonialismo que caracteriza nossa ascendência política, social e econômica em que as características pessoais dos líderes definem a sua política. Não acho que a candidata não saiba diferir sua vida pessoal do seu dever como futura presidente (não “presidenta”, como quer o autor). Todas as concepções sobre a criação do mundo deveriam ser contadas às crianças a título de enriquecimento cultural. Um ponto fundamental que está por trás das diferenças entre os povos é o seu mito de criação. No mundo contemporâneo é uma necessidade compreender outras culturas e há exemplos concretos de quem não é bem sucedido neste mundo por não compreendê-las. Uma vez de posse desses conhecimentos uma pessoa tem as bases para conhecer as diferentes civilizações de forma mais profunda do que têm hoje, sem prejuízo da concepção científica. A candidata não pretende substituir a concepção científica pela religiosa, mas acrescentar.

  • Caro Autor,

    É normal que tenhas medo. Todos nós tememos o desconhecido, não foi assim com o então presidente Lula?

    Quanto as diferenças que geraram tantos transtornos em algumas mentes, fato é que Marina chega diferente dos demais – sendo autentica e transparente, falando o que pensa, crê e defende. Estamos acostumados com políticos de sentimentos e verdades ocultas, crenças que veêm à tona somente após eleitos com suas açoes e envolvimentos em escandalos.

    O texto foi bom, reafirma que Marina merece credibilidade.

    Um abraço

  • Documentos indicam que Roseana simulou empréstimo para lavar dinheiro

    Leandro Colon – O Estado de S.Paulo, JB Online

    BRASÍLIA – Documentos obtidos pelo jornal O Estado de S. Paulo mostram que o empréstimo de R$ 4,5 milhões concedido pelo Banco Santos a Roseana Sarney e seu marido, Jorge Murad, foi regularizado no Brasil poucos dias antes da intervenção judicial na instituição bancária, em 12 de novembro de 2004. É o que informa a reportagem de Leandro Colon, publicada nesta segunda-feira no Estado de S. Paulo.

    O dinheiro foi liberado no dia 29 de julho daquele ano, mas só em 5 de novembro – uma semana antes da quebra do banco e da decretação da intervenção da Justiça – as garantias foram registradas, conforme certidões reprográficas obtidas pela reportagem no livro 2.820 do 16 Cartório de Notas de São Paulo. Ou seja, quando o Banco Santos liberou o empréstimo em julho não havia formalização de fiança bancária.

    O Estado revelou ontem que esse empréstimo teria sido simulado para ser uma ponte para a governadora do Maranhão e seu marido movimentarem dólares que tinham no exterior. Documentos que estão nos arquivos do Banco Santos indicam que, no dia 3 de agosto de 2004, cinco dias após a liberação dos recursos no Brasil, eles transferiram US$ 1,5 milhão para Edemar Cid Ferreira, então dono do banco, por meio de um banco suíço. Esse “pré-pagamento” – expressão usada nos próprios papéis – justificaria então a ausência de garantias de pagamento no Brasil.

    Só que, três meses depois, o banco passou a viver o risco de intervenção e abertura de sua caixa-preta. O registro das garantias do empréstimo, às vésperas da tomada judicial do banco, evitou qualquer questionamento por parte das autoridades brasileiras quanto à transação.

    Naquele período, o senador José Sarney (PMDB) envolveu-se em outra polêmica ao sacar R$ 2,2 milhões do Banco Santos um dia antes da intervenção. Sarney negou, na época, ter recebido informação privilegiada. Sua família e Edemar cultivam uma amizade de mais de 30 anos.

    Para regularizar o empréstimo, Roseana e Murad registraram e assinaram, de próprio punho, hipotecas de imóveis pessoais e salas dos shoppings que teriam comprado com o dinheiro do Banco Santos em nome da Bel-Sul Participações, uma das empresas da família. De acordo com o contrato, eles deveriam adquirir, com os R$ 4,5 milhões, ações em dois shoppings, um em São Luís e outro no Rio. As ações pertenciam à empresa Participa Empreendimentos, que tem como sócio Miguel Ethel Sobrinho, amigo da família Sarney. Ele foi presidente da Caixa no governo de José Sarney e conselheiro da fundação que leva o nome do senador.

    E-mails obtidos pelo Estado, e que também estão nos arquivos do Banco Santos, revelam uma tentativa de inflar os valores dos imóveis contidos na hipoteca dada como garantia do empréstimo. “O ponto mais relevante alterado foi o valor dos imóveis oferecidos em hipoteca”, diz mensagem eletrônica enviada por um diretor jurídico a outros funcionários do banco às 10h02 do dia 22 de setembro de 2004. “Indicamos que a garantia hipotecária oferecida era de mais de 130% do valor do crédito, ou seja, em torno de R$ 6 milhões, de maneira que indiquei que cada imóvel era avaliado em R$ 3 milhões”, informa o funcionário na conversa.

    O Estado de S. Paulo

    05:54 – 16/08/2010

  • Seu artigo é um tanto discriminatório, se é que isso pode se chamar de artigo; você já se olhou no espellho pelo menos por uns 10 minutos uma vez só ao dia, faça isso e ver se consegui enchergar melhor a sua alma, e use seu tempo com coisas mais úteis para vc mesmo, já que através da escrita não pode contribuir para o seu progresso e nem da humanidade, não jogue fora seu precioso tempo, pois um dia vc vai sentir falta, seja útil pra vc mesmo, veja bem, os dias são preciosos, tudo passa: a terra, a sua vida, logo você se vai e tudo fica, e aí você ganhou alguma coisa com o que vc escreveu sobre a candidata Marina Silva?

    • Gente, é só a opinião dele. Todos temos direito a livre expressão.

  • Fraco. se essas são razões para não se votar nela , devias fazer mil blogs com raz]oes para não se votar na dilma, no mínimo… puro produto do charlatanismo demagógico de lula… e serra, se não fosse seu rabo preso com o DEM, seria um excelente candidato….

  • Vergonhoso este post… ridículo! Simplesmente RIDÍCULO! A Marina Silva, apesar de ser criacionista, sempre esteve a frente de muitos avanços na questão ambiental quando a mesma foi ministra e que, aliás, só perdeu este cargo pq a então chefe da casa civil, Dilma Roussef a viu não só como a principal opositora ao PAC (que tem INÚMERAS falhas do ponto de vista ambiental) mas também a questão da candidatura, já que havia um grupo dentro do PT que queria a Marina Silva como sucessora de Lula. Nesta época POUCOS cogitavam Dilma Rouseff!
    Se quiser ter medo, que tenha medo dos canalhas do PT que passaram por cima de pessoas sérias DIVERSAS vezes, como Babá, Heloísa Helena, Marina Silva… entre outros.

    Postzinho Ridículo, típico de filhotes da Ditadura!

  • Não vejo como as posições pessoais da candidata poderiam afetar o país da maneira referida no artigo. Até porque política se faz com muito mais elementos do que simplesmente opção religiosa.

    Não vejo nenhuma ameaça ao laicismo na educação. Até agora não ouvi nenhum comentário dela que denote isso.

    Não sou evangélico, mas acredito também que o fato pode ser até positivo para um eventual governo da Marina.

    Acho que o tal medo se liga muito mais ao ‘preconceito’ do que a outro fator.

  • Sr Articulista. É uma pena que do alto de seu conhecimento o sr demonstre uma profunda falta de sabedoria. Eu digo, sabedoria a respeito das verdadeiras coisas . Pois , gostaria de agradecer-lhe , já que os pontos apresentados como “perigos” de Marina Silva , são exatamente a razaõa que fazem votar nela. Não se contente com o conhecimento que acha que já tem , pois ele ainda é limitado. Há um conhecimento mais profundo que para o homem sem Deus é loucura. Eu gostaria de instiga-lo a fazer um exame mais profundo sobre a postura da candidata Marina . Saiba que o que ela defende é uma verdade muito necessaria á nossa sociedade. Precisamos de Competencia e principios .

  • Essa é a razão mais egoísta e sem base política que já ouvi para tentar desqualificar um(a) candidato(a). O Sr. Robson Fernando se mostrou obviamente ateu e evolucionista em seu comentário. O ensino da teoria evolucionista ofende a fé cristã e no entanto somos obrigados a aprender uma série de tolices jamais comprovadas durante nossa vida letiva. Por que motivo milhares de cristãos podem ter seus direitos feridos ao serem obrigados a entender o evolucionismo e a proposta criacionista não pode ser sequer ouvida? Se o Sr. Robson quer preservar seu direito de manter-se sem fé, eu faço questão de permanecer acreditando, não só em Deus, mas na idéia que uma mulher de fé pode fazer a diferença, afinal até uma pessoa que transparecia certo orgulho por sua falta de estudo já teve sua chance nesse país. O que causa desconforto com relação a Marina, é o brilho, a força, a serenidade e sabedoria que ela revela mesmo em silêncio, o que poucas pessoas demonstram no mundo político porque talvez lhes sobra ciência mas falta um pingo de essência, o que é o caso não só desse comentarista mas de qualquer um que concorde com ele.

  • Deus escolhe os que não são para confudir os que pensam que são alguma coisa, os valores da família tem sido afetados pela falta de pessoas sérias em todos os segmentos, sejam eles educação, politica, religião etc… o que se ver hoje é uma total depravação, não sabemos como será o futuro dos nossos filhos, se meu filho vai casar com uma pessoas do mesmo sexo, se a minha filha vai matar uma pessoa dentro da própria barriga, se o professor, padre ,pastor , policial, juiz é pedófilo…. e por ai vai uma série de INIQUIDADES e tudo isso é gerado por seres humanos “criados” ou “evoluidos” . Há Tenho uma pergunta para o caro cientista social: Porque que o macaco não vira gente nos dias de hoje????

  • Voto Marina!!! Pela liberdade verdadeira!

  • É um tanto rasoável a preocupação de tantos, em eleger uma protestante ao maximo poder legislativo.lembrando as raízes culturais presentes na nação desde sua colonização.em minha análizes, creio eu, que , a eleição de uma candidata protestante,equivaleria a conflitos etnicos e culturais na sociedade,lembrando a presença holandesa em terras pernambucanas no século XVI, estes de maioria compostas por protestantes, tentaram influenciar em problemas ligados á fé,visto que que em sua administração insana e herege,o governo holandes em pernambuco, impôs, a proibição da celebração da santa missa e das procissões e autos religiosos culminando assim em uma guerra sangrenta e a eminente expulsão destes protestantes de terras pernambucanas. É válido afirmar que a presença cristã sempre manteve-se atuante em todos processos de evolução da nacionalidade brasileira, impor a nação, um poder legislativo protestante, seria , ao meu ver, virar as costas ao passado, lembrando que as raízes profundas da cultura brasileira confunde-se com o próprio cristianismo,visto que sua colonização se deu perante o apoio de nossos irmãos jesuítas que incansavelmente lutaram para a formação de nossas bases culturais e nacionais. Eleger um protestante é ir contra aos principios e bases da cultaralização e formação da nacionalidade brasileira e portanto um fato a ser previamente analizado.

    ass: Helton Duarte de Perón

    email- helton.anjonegro@hotmail.com

  • Muito infeliz essa publicação!!!

  • Tentam destruir Marina de todos os lados. Mas ela é forte, sóbria e serena!

    Credo, crença, religião etc, não fere a idoneidade de ninguém!
    Antes MARINA baseada em princípios religiosos do que DILMA uma SEQUESTRADORA, ASSASSINA e que tenta ganhar mais votos dizendo que é a favor de TUDO.

  • Descordo da opinião do caro Robson Fernando. O fato de uma pessoa possuir uma religião não pode desqualificá-la em relação à suas pretenções políticas ou profissionais, isso é no mínimo pré-conceito. Marina tem demonstrado competência, equilíbrio, ideais e idéias que não se baseiam na velha política do “que eu ganho com isso?”. É curioso o fato de pessoas que se entitulam supostos “pensadores” quando colocam situações depreciativas como “nebuloso república evangélica” ou coisas do gênero. O que a ciência caminhou e alcançou não se pode tirar, e ninguém, mesmo presidente, enquanto estivermos em uma república poderá simplesmente impôr sua crença e muito menos a institucionalisar, tenhamos bom censo. Agora precisamos pensar seriamente e nos valores que pessoas que afirmam-se cristãs possuem, defendem e podem sim fazer grande diferença. Desculpe, mas é ridículo seu comentário.

  • MARINA VC NA PRESIDENCIA SERA OTIMO E NAO TENHA MEDO DEUS E COM TIGO

  • marina deus e contigo nunca pense em disisti nos cristas vamos voutar em vc

  • Marina é uma mulher inteligente. Ela é sábia! É corajosa!
    Confio nela e vou votar nela!
    Quando tecemos criticas, devemos faze-las basilares. Jogar palavras ao vento sem justifica-las é substimar quem o ouve ou o lê.
    A Marina é qualificada e tem feito prova disso. A sua autenticidade, carater e conduta mostra momento a momento toda a sua capacidade.
    Ela não tem MEDO!!! O apoio que ela está recebendo é puro! É popular! É brasileiro! Elas não tem amarras com ninguem!!
    Vamos todos juntos prá frente Brasil! Salve a Marina!

  • Primeiramente boa noite!!!
    Eu gostaria de ressaltar minha opinião sobre o texto baseada nas proprias palavras do autor, que tanto enfatiza o medo de um evangelico assumir a presidencia…realmente é para se ter medo pois satanás sabe que não pode com um escolhido de DEUS e ele pode tentar o que for mas ate mesmo para ele tocar na vida de um servo de DEUS ele precisa da autoridade de DEUS, então não se preocupe pois DEUS está no controle de tudo, nem uma folha cai que não seja da vontade dele e ninguem pode contra DEUS, ele é o criador, nosso salvador e dizer que um evangelico na presidencia atrapalharia o crescimento, as descobertas das pesquisas, como assim??? a sabedoria do homem vem de DEUS, se eu estiver errada me prove, pois eu nunca li um livro ou um texto que afirmasse com toda certeza que o homem veio do macaco, que o planeta se formou sozinho atraves de uma explosão, observe que todo livro ou texto sempre diz: “possivelmente” o homem veio do macaco, e nunca dizem com toda certeza.porque? outra coisa muito engraçada é que um evangelico pode aceitar uma pessoa catolica, do candomble, macumbeiro, ateu e outras coisas, porem algumas pessoas ou entidades se atemorizam com a presença de um evangelico, porque JESUS veio para os doentes e muitos o negam… enfim não iremos aprofundar neste aspecto, mas o que quero expressar é que DEUS se quizer mudaria o rumo destas eleiçoes da forma que ele quer porem ele nos deu o livre arbitrio, então vamos escolher cada um com seu criterio sem interferir na escolha do outro sendo assim cada um sofrera ou se felicitara com sua escolha, acima de tudo isso…DEUS é maior.

  • quantos comentarios tolos daqueles que nao acreditam em Deus,lembro da passagem biblica,de barrabás,o ladrao e o povo querendo mais o mal feitor,e assim continua o mundo nao acreditando nas obras de DEUS,porque tantos creticam a marina?só porque ela tem sua crença em deus o dono da vida,os ateus joga pedra mas na hora do socorro em um perigo chamam por um Deus,tolos sempre tolos,sabemos que o mundo ta indo para um abismo sem fim,homem nenhum pode mudar,por a palavra de Deus não é mentirosa e esta se cumprindo aos muitos,o amor se esfriou e com isso o homem, não tem mais respeito a Deus,porque tantas mortes?corrupcão,pedofilia,………e outros males?religião não salva a alma do homem do inferno mas o CRISTO que morreu por todos pecadores,sim esse salvará a alma,e ainda é missericordioso para aqueles que são ignorantes!,o unico caminho é JESUS! votarei na marina porque acredito que nao ocultará os nossos direitos de uma vida digna e morais respeitando a familia cristã,as crianças de hoje não estão crescendo no mundo bom porque o homem esta sendo imoral e sarcasmo e sem pudor,e é isso que muitos querem ver o inferno neste mundo.essa geração tenho pena dela!querem mais a barrabas do que o CRISTO. o filho de DEUS,votem em marina e deixa DEUS AGIR,assim diz a palavra de DEUS: BEM- AVENTURADO,CUJA A NAÇÃO É DO SENHOR,ELA SERA ABENÇOADA.

  • Quer dizer que não devemos votar na Marina por que ela é evangélica e representaria um perigo para o catolicismo e outras religiões?

    Tá brincando!

    Só falta vc dizer que ela é uma bruxa e tem que ser queimada na fogueira!

    Viva Marina! 43

  • Esse Robson Fernandes bebeu pinga antes de escrever esse artigo. Não só impreciso, como muito preconceituoso.

    A própria Marina já comentou por diversas vezes que é evolucionista e que não vê a evolução como impedimento para acreditar que Deus criou todas as coisas. Parece que o Robson ainda tem sua mentalidade na década de 80 quando os criacionista de fato faziam interpretações equivocadas e literais do Gêneses.

    O Brasil de pessoas maduras, transparentes (e como a Marina é transparente!), verdadeiras e inteligentes como a Marina… mas se vc quer votar na proposta política do FHC que quase provocou a falência do ensino superior público no Brasil, vote Serra. Se vc quer apoiar regimes de esquerda como o de Chavez ou Cuba ou algo pior, como o do Irã, Vote Dilma… Mas se vc quer coerência e política internacional inteligente, Vote Mariana!

    Voto 43…

  • Voto em Marina não somente porque é crente, Mas porque é inteligente!!!! Duas qualidades muitto importante.

  • Não concordo nem um pouco com tudo o que disse acima. Você interpretou erroneamente todas as declarações de Marina. Para aqueles que creem ou não, é direito INDIVIDUAL. Marina Silva não iria impor sua religião como sendo uma base na educação brasileira – encaro a questão como pessoa de fé que ela é. Muitos tem fé, tem crença, e alguns não. Ao contrário do que muita gente diz, política, religião são discutíveis SIM; se não tivermos o direito de expor nossas opiniões, não vale de nada a nossa democracia iniciada nos anos 30. Há respeito àqueles que não creem, como há para aqueles que o fazem. Portanto não recriminem a única mulher que mostrou um plano de governo PLAUSÍVEL E COM FUNDAMENTOS EDUCACIONAIS E SÓCIO ECONÔMICOS. A única que não precisou de apelos e acusações, a única que, a meu ver, se mostra bem eficiente e ENTENDIDA de política e de seus “funcionários”; não criem MUNDOS FANTASIOS só porque suas mentes são férteis.

  • Cada ideia FRACA !! rsrsrs… Esse Robson precisa acordar – justamente por pensamentos ASSIM que o Brasil continua como está; SEM CORAGEM PRA MUDAR. Acorda, Robson.. sinto muito mas precisa rever seus conceitos totalmente.

  • Grande coisa isso tudo que você disse. Eu não estou revoltada como cristã, estou revoltada como cidadã brasileira, sabendo que até agora o laicismo não fez nada que deixasse o povo brasileiro satisfeito. Eu acredito que o que você escreveu é tão ridículo quanto o que você disse sobre a Marina.
    Sinceramente, acho que você não deve ter tido um bom entendimento das suas aulas sobre e cultura e sociedade que viu na faculdade.
    Já que o Estado é laico eu tenho que respeitar a vontade do outro de defender a ideia que quiser sobre religião. Uma lástima eu não ter lido esse artigo em 2010, não demoraria tanto tempo para eu ver o quanto esse país ainda precisa de educação.

    De qualquer modo, esse artigo é tão antigo quanto a ideia do autor sobre respeito à opinião do outro.

  • Sou espirita kardecista e digo que a idoneidade, franqueza,honestidade e amor ao próximo, ajudar a tds indistintamente, indiferente de credo religioso, esta escrito em qualquer religião que tem DEUS como motivo de viver. Temos que mudar radicalmente. Quem esta contente c/ a SEGURANÇA-ECONOMIA EM QUEDA- SAUDE-EDUCAÇAO- precisamos mudar urrrrrrrrrrgente. O pais melhorou um pouco, mais esta pagando um preço muito alto p/ isto, que foi enriquecer os políticos do PT, que ate então alguns não tinham nada, e hoje são BILIONARIOS, acionistas de gdes empresas no pais devido a CORRUPÇAO.
    VAMOS MUDAR, DANDO UM VOTO DE CONFIANÇA NA MUDANÇA DE TUDO ISSO.

  • Gente to assustada coos cmentarios aqui,vcnao tem nocao do mal q esses evangelicos sao cazes d fazer com o brasil,felicianos malafaias e toda essa crentaiada safada iam se apoderar do pais ,e como disse um comentario q li aqui eles iriam fazer o que quisessem e quem ousasse ir contra ou contestar seria acusado d estar possuido pelo demonio ,,E digo mais teriamos q ir as ruas pra pedir impeachment dessa louca fundamentalista,sinceramente se for pra essa mulher ganhar prefiro um golpe militar

  • Vejam bem como esses fundamentalistas sao intransigentes ,nao querem nem dar o direito ao colunista d publicar o post Ta vendo como os crentes sao,criticando o post ao inves d apenas opinarem nossa quero esse tipo de gente longe de comandar o brasil ,,,,,é como dizem nada é tao ruim que nao possa piorar

  • Que medo dessa gente fundamentalista! será que o país voltou á era Medieval? os inquisidores modernos, essa crentaiada porra louca querem meter fogo nos hereges! cuidadooooooooooooooooo

Tem algo a dizer? Vá em frente e deixe um comentário!

XHTML: Você pdoe usar as tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Enquetes

Em relação ao impeachment de Dilma Rousseff, qual sua posição?

Ver Resultado

Loading ... Loading ...

Frase do dia

  • A riqueza de uma nação se mede pela riqueza do povo e não pela riqueza dos príncipes.”, Adam Smith.

ARQUIVO

abril 2020
S T Q Q S S D
« mai    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

Informação com Humor

MARCO BAHÉJornalista
É formado em Jornalismo e pós-graduado em História Contemporânea e História do Nordeste do Brasil. Foi repórter da Gazeta Mercantil para os estados de Pernambuco, Alagoas, Paraíba e Rio Grande do Norte. Também atuou como repórter do Jornal do Commercio, editor da Folha de Pernambuco e repórter especial do Diario de Pernambuco. É correspondente da revista Época no Nordeste desde 2003. Tamb´m atua com publicidade e marketing eleitoral desde 2004.
PIERRE LUCENADoutor em Finanças
É doutor em Finanças pela PUC-Rio e mestre em Economia pela Universidade Federal de Pernambuco. É professor adjunto de Finanças da UFPE e foi secretário-adjunto de Educação de Pernambuco. É autor de vários trabalhos publicados no Brasil e no exterior sobre o mercado financeiro, e participa como revisor de várias revistas acadêmicas na área. É sócio-fundador da Sociedade Brasileira de Finanças. Foi comentarista de Economia do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (TV Jornal e Rádio CBN). Atualmente é coordenador do curso de administração da UFPE, e Coordenador do Núcleo de Estudos em Finanças e Investimentos do Programa de Pós-graduação em Administração da UFPE (NEFI).