Colocando os pingos nos “is” na nota do MPPE sobre afastamento de Belize

mar 1, 2013 by     24 Comentários    Postado em: Atualidades, Política

Alguns minutos atrás o Ministério Público divulgou uma nota patética, tentando justificar o afastamento da “inconveniente” promotora Belize Câmara.

Vamos aos pontos colocados, porque é mais fácil de esclarecer argumentos colocados.

O que está em negrito são meus comentários.

O Ministério Público de Pernambuco decidiu por dispensar a ilustre e competente colega Belize Câmara, titular da 3ª Promotoria de Justiça Cível de Jaboatão do Guararapes, da acumulação temporária da Promotoria de Meio Ambiente da Capital, porquanto naquele município de Jaboatão faltam promotores da Infância e Juventude, e, designá-la para o exercício cumulativo na mencionada Promotoria.

A informação não é verdadeira, pois a Promotoria de Infância de Jaboatão já conta com outro Promotor. Ficarão dois.

O Conselho Superior do Ministério Público de Pernambuco e a Corregedoria do MPPE têm alertado que em Jaboatão, Olinda e Caruaru há Promotores de Justiça acumulando Promotorias em outras cidades, mesmo faltando Promotores de Justiça nas cidades de sua titularidade. De outra feita, Jaboatão tem grande demanda na área da Infância e Juventude,que detém prioridade constitucional.

Assim, atendendo aos vários reclamos do Conselho Superior e da Corregedoria e à conveniência e necessidade do serviço, foi decidido, desde o mês passado, resolver problemas similares.

Quatro outros promotores de Jaboatão também acumulam promotorias em Recife. Por que só Belize foi afastada?

Em relação aos procedimentos instaurados pela Promotora em comento, deixa-se claro que a Procuradoria-Geral de Justiça apoia plenamente as medidas adotadas por Dra. Belize em conjunto com o ilustre e competente Promotor de Justiça José Roberto da Silva.

Ressalte-se que o Ministério Público é regido pelo princípio da unidade e indivisibilidade e as medidas e ações não sofrerão descontinuidade, não sendo aceito nenhum tipo de projeto, seja ele da iniciativa privada, do governo estadual ou municipal que venha de encontro à legislação ambiental.

Oi? Quer dizer que apoia as medidas? Então tá bom.

Destaque-se por fim que o Promotor de Justiça José Roberto, que vem atuando em conjunto na Promotoria do Meio Ambiente da Capital continuará a frente de todos os casos referidos,informando-se, ainda, a proposta de criação de mais uma promotoria de meio ambiente na capital com o objetivo de melhor atender às demandas da área.

Com esse clima de trabalho?  

Subprocuradora-Geral de Justiça em Assuntos Institucionais, Maria Helena Nunes Lyra

Cadê Fenelon?

24 Comentários + Add Comentário

  • A coisa tomou um nível de escrotisse escandaloso… A sociedade precisa dar o troco.

  • Tais colocando o Jamildo pra trabalhar mesmo hoje né…daqui a pouco sai a Nota comentada lá, mas os comentários dele são tipo de assessoria de imprensa dos patrões.

  • Vivermos a era do cinismo e da hipocrisia instituicional e dos Poderes. Essa do Ministerio Público ta sendo reflexo da situação que nos estamos vivendo em PE. #TA.TUDO.DOMINADO . Ja não sei mais se o Eduardo Campos e sua trupe ta fazendo bem a essa cidade, a sociedade aqui parece que ta em segundo plano, pois nossa elite tem pensamentos e atitudes “umbilicais” ninguem procura ‘socializar’, vivermos a época da segregação das classes sociais aqui!

    • Antes eu comia ovo. Agora como picanha parcelada em 6 X. Viva Eduardo Campos!!! Eduardo Campos presidente. Ele diz que melhora a vida das pessoas e melhorou a minha.

  • #OCUPE O MPPE – Vamos fazer uma limpeza nessa instituição hipócrita e demagoga!! Pois Pernambuco corre um sério risco de ser uma proxima Venezuela!! Chega de paus-mandados, chega de bajuladores, vamos lutar pela democracia aqui em nosso Estado, haja vista, que o coronelismo parece que ta tomando conta daqui!! Eduardo Campos, pra mim, ja era nao voto mais nesse cara!! Imagina se for presidente do Brasil, presta não pai!! #Fudeu

  • Se manda e desmanda em Pernambuco. Imagine ELLE presidente do Brasil?

  • Povo de sucupira …

  • Fenelon tá ocupado, vendendo o Telexfree dele …

    • “Fenelon tá ocupado, vendendo o Telexfree dele …” hahahahhahaha

    • Kkkkk boa!!

  • Dificilmente eu iria pensar e testemunhar que um dia eu teria vergonha do Ministério Público de Pernambuco. Essa decisão comandada por Fenelon mancha e fere vergonhosamente a história e trajetória dessa Instituição. Abaixo o Fenelon. Fora, Fenelon, do MPPE!

  • Que triste fim. Agora com certeza os nossos meios de imprensa “livres” que tanto elogiaram a blogueira cubana vão convenientemente silenciar sobre o assunto.

    Será que a associação de promotores vão aceitar caladinho? Já pensou se isso vira moda?

    A sociedade tem de reagir.

    Parabéns mais uma vez ao Acerto de Contas.

  • Seria interessante agora que todos estão de olho e vendo que o MPPE não é tão inocente assim verificarem a composição do seu quadro de servidores. E saber da aberração que a instituição que exerce o papel de Fiscal da Lei, está cheia de cargos comissionados com gratificações acima de 10 mil reais. E saber quem são as pessoas que ocupam estes cargos, quais suas ligações, o que fazem na instituição e até mesmo onde moram. Tem um deles que exerce um cargo desnecessário de adjunto de qualquer coisa e que coincidentemente mora no mesmo prédio de alguém exerce uma função bastante alta. Quem será? Transparência é tudo. Será que colocaram isto no mural?

    E quanto ao caso da promotora é claro que é pressão externa que órgão está sofrendo. Vergonha isto. Vergonha grande. Vergonha enorme. Mas em tempos de “Dudu Traíra” o órgão tem assumido ares de prefeiturazinha.

  • É nisso que dá a sociedade ficar trabalhando pra sustentar essas instituições completamente podres, corporativistas e corruptas, infestadas de parasitas do dinheiro público, mas que se acham os deuses.

  • A imundície tá demais.

    OTAN, ONU, Interpol, FBI, CIA, SWAT… por favor alguém invada esta MERDA e ponha ordem nessa pocilga urgentemente.

    Já que o povo dessa bosta é tão seboso e inútil quanto os políticos e “otoridades”, alguém de fora tem que tomar uma providência séria o mais rápido possível por que a coisa tá ficando complicada.

  • Fenelon ta fora.
    Quem assinou o afastamento foi Maria Helena.
    Se a coisa apertar, capaz dele dizer que partiu tudo dela.

  • NOTA DE ESCLARECIMENTO

    1. EM ATENÇÃO ÀS INÚMERAS MANIFESTAÇÕES DE APOIO E SOLIDARIEDADE DA SOCIEDADE CIVIL EM RELAÇÃO AO MEU AFASTAMENTO DA PROMOTORIA DE JUSTIÇA DO MEIO AMBIENTE DA CAPITAL, PRESTO OS SEGUINTES ESCLARECIMENTOS:
    2. NA MANHÃ DO DIA DE HOJE (01/03/2013), FUI SURPREENDIDA COM A DISPENSA DAS MINHAS ATRIBUIÇÕES JUNTO À 12ª PROMOTORIA DE JUSTIÇA DE DEFESA DA CIDADANIA DA CAPITAL (MEIO AMBIENTE E PATRIMÔNIO HISTÓRICO-CULTURAL) E DESIGNAÇÃO PARA A PROMOTORIA DA INFÂNCIA DE JABOATÃO DOS GUARARAPES.
    3. ESTAVA DESIGNADA NA PROMOTORIA DO MEIO AMBIENTE DA CAPITAL, EM EXERCÍCIO CUMULATIVO, DESDE O MÊS DE OUTUBRO DO ANO DE 2011.
    4. LAMENTA-SE QUE O ATO TENHA OCORRIDO JUSTAMENTE QUANDO COMEÇAM A SER COLHIDOS OS FRUTOS DE UM ÁRDUO TRABALHO, REALIZADO COM A IMPRESCINDÍVEL COLABORAÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL.
    5. É PREOCUPANTE, AINDA, O FATO DE QUE, TAMBÉM NA DATA DE HOJE, NENHUM PROMOTOR TENHA SIDO DESIGNADO EM MEU LUGAR NA REFERIDA PROMOTORIA DE JUSTIÇA, ONDE VÁRIOS PROCEDIMENTOS DE INVESTIGAÇÃO RELEVANTES ESTÃO EM CURSO.
    6. POR OUTRO LADO, JÁ EXISTE PROMOTOR DE JUSTIÇA EM ATUAÇÃO NA PROMOTORIA DA INFÂNCIA DE JABOATÃO DOS GUARARAPES, PARA A QUAL FUI DESIGNADA TAMBÉM NO DIA DE HOJE.
    7. NESSE MOMENTO, RESTA-ME AGRADECER IMENSAMENTE A DECISIVA PARTICIPAÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL, QUE INICIOU PROCESSO INÉDITO DE DISCUSSÃO ACERCA DOS RUMOS DA CIDADE DO RECIFE, SERVINDO DE FONTE DE INSPIRAÇÃO PARA A ATUAÇÃO DO MINISTÉRIO PÚBLICO.
    8. PEÇO, ENTRETANTO, QUE OS CIDADÃOS RECIFENSES NÃO ESMOREÇAM E CONTINUEM MOBILIZADOS, DANDO CONTINUIDADE ÀS SEMENTES LANÇADAS EM BUSCA DE UMA CIDADE EM QUE EFETIVAMENTE PREVALEÇA O INTERESSE COLETIVO.

    BELIZE CÂMARA CORREIA

  • A CF88, só foi boa, porque equiparou o salário do promotor ao do juiz, agora trabalhar e atingir as metas, não mudou nada!!!!

    • Trabalhar?
      Metas?
      Constituição Federal Brasileira?

      Essas coisas não cabem na mesma frase.

  • Fenelon deve estar com Felinto, Pedro Salgado e Guilherme, atrás dos “blocos famosos”…

  • Venalão, Venalão, o verdadeiro Fénelon educava os príncipes aos quais serves de capacho.
    Num futuro Diálogo dos Mortos caberá a ti o personagem Penico.

  • Tá dominado, tá tudo dominado…

  • -O que não pode fazer no Brasil hemn??? R- Ser Honesto!

  • Inacreditável esse MPPE.

    Os caras abocanham uma fatia considerável do orçamento com o único propósito de manter a independência. Salário lá em cima, inamovibilidade, vitaliciedade, irredutibilidade de vencimentos, tem o direito de mandar uma lista tríplice que vincula o Governador, etc.

    Com tudo isso, o cara me faz uma coisa dessas, acaba com o pouco de dignidade da surrada instituição que só condena pobre coitado, e só condena por causa do trabalho da Polícia.

    Acabou, não há estado de direito em Pernambuco.

    P.S. – Parabéns à promotora, parabéns ao magistrado de 1a instância e, digo mais, parabéns ao TJPE que, aparentemente, segurou firme a decisão, imagino que a pressão deve ter sido grande. A corrente quebrou no elo mais fraco e ele foi o PGJ-PE o MPPE como instituição, o Fenelon.

Tem algo a dizer? Vá em frente e deixe um comentário!

XHTML: Você pdoe usar as tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Enquetes

Em relação às punições de corruptos...

Ver Resultado

Loading ... Loading ...

Frase do dia


  • “O homem de bem é um cadáver mal informado. Não sabe que morreu.”
    Nelson Rodrigues.

ARQUIVO

abril 2014
S T Q Q S S D
« set    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

Informação com Humor

MARCO BAHÉJornalista
É formado em Jornalismo e pós-graduado em História Contemporânea e História do Nordeste do Brasil. Foi repórter da Gazeta Mercantil para os estados de Pernambuco, Alagoas, Paraíba e Rio Grande do Norte. Também atuou como repórter do Jornal do Commercio, editor da Folha de Pernambuco e repórter especial do Diario de Pernambuco. É correspondente da revista Época no Nordeste desde 2003. Tamb´m atua com publicidade e marketing eleitoral desde 2004.
PIERRE LUCENADoutor em Finanças
É doutor em Finanças pela PUC-Rio e mestre em Economia pela Universidade Federal de Pernambuco. É professor adjunto de Finanças da UFPE e foi secretário-adjunto de Educação de Pernambuco. É autor de vários trabalhos publicados no Brasil e no exterior sobre o mercado financeiro, e participa como revisor de várias revistas acadêmicas na área. É sócio-fundador da Sociedade Brasileira de Finanças. Foi comentarista de Economia do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (TV Jornal e Rádio CBN). Atualmente é coordenador do curso de administração da UFPE, e Coordenador do Núcleo de Estudos em Finanças e Investimentos do Programa de Pós-graduação em Administração da UFPE (NEFI).