O jogo que veio do coração

jun 30, 2013 by     59 Comentários    Postado em: Esportes

Para quem gosta de futebol, foi um daqueles jogos de encher os olhos.

Há anos o Brasil não mostrava um futebol tão bonito.

Nem o mais otimista imaginava uma exibição desta contra a Espanha, disparada a melhor Seleção do Mundo.

Um jogo perfeito, para ninguém colocar defeito. Nunca tinha visto um jogo de alto nível com marcação sob pressão durante os noventa minutos.

Infelizmente não estive no estádio. Era daqueles jogos que ficariam na memoria para sempre.

E para quem achava que o Brasil estava morto na Copa do Mundo, é bom rever a avaliação.

Neymar foi escolhido o melhor da Copa das Confederações, que só teve um artilheiro da Espanha porque fez 4 gols no Taiti.

Com apenas um craque, um matador e um time de bons jogadores aplicados, Felipão provou que é possível ser campeão quando se tem alma. Calou todos os críticos de sua escolha, mostrando que o coração é muito mais importante que tudo no futebol.

Um treinador, que ao contrário da grande maioria de seus colegas de profissão, é um homem serio que não agencia ou privilegia jogadores.

O único ponto negativo foi ter que aturar o atual Presidente da CBF entregando os prêmios. Espero que não esteja lá no ano que vem.

Um jogo para encher os olhos.

Uma goleada que veio da raça.

Um jogo que veio do coração.
__________________________
PS: e para fechar o domigão com chave de ouro, o negócio é esperar a reportagem sobre a Telexfree no Fantástico

59 Comentários + Add Comentário

  • Esse futebol guerreiro e inabalável tem nome e sobrenome: Luís Felipe Scolari.

    • Exato!
      O que impressionou foi a capacidade de montar um time que jogou o equivalente ao que o Bayern jogou contra o Barcelona.
      Uma marcação forte e saída rápida pelos flancos, aproveitando o buraco deixado na defesa pela subida dos laterais. Foi uma execução de mestre, com pouco tempo e pouco entrosamento.
      O time jogou com raça desde o primeiro minuto.
      O gol marcado muito prontamente deixou os espanhóis atônitos.
      O gol de Neymar já nos acréscimos do 1o tempo, selou a sorte e a falta de empenho dos espanhóis.

      Esta entrega da equipe, está claro, foi pelo fator motivacional, sem dúvidas, fruto da experiência e personalidade de Felipão.

  • Não querendo ser escroto mas já sendo, é só começar o jogo para esquecer a zona que o Brasil está é? Cadê o professor universitário crítico da conjuntura atual? Foi morto pelo brasileiro alienado com o pão e circo?

    • Meu filho….você está na Telexfree???
      Que baixo astral.

      • kkkkkkkkkk

        • AVOA TELEXFREE!!!! KKKKKKKKKKKKKKK

      • Que jogo vocês assistiram? Futebol bonito? Com Felipão? Só vi marcação forte e por sorte
        o frangueiro Júlio Cesar passou em branco. Ganhou essa copinha pra perder a outra.

      • kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • Armaria, pode nem ver jogo mai

    • Falso moralismo que cheira muito a uma tentativa desesperada de auto-validação. O jogo durou menos de duas horas. Não é assistir a alguma coisa por duas horas que define se você é politizado ou não.

    • Jogo é jogo e… só. Acho que o brasileiro já deu demonstrações de maturidade política ao separar divertimento e coisas concretas que afetam o seu dia-a-dia.

  • É isso aí, jogadores saem milionários, empreiteiras e políticos saem bilionários, a Globo bilionária também, Galvão Bueno vai jantar com Ronaldo em Mônaco.

    E o povo?

    Bom, o povo amanhã de manhã vai pra fila do SUS, fila do bolsa-família, fila do INSS…

    É isso aí, os espertos faturam e os otários se FODEM. É a lei da natureza. Darwin explica.

    • Amanhã eu esqueço o jogo e vou trabalhar. Mas hoje é domingo, vou ver o jogo mesmo.

      • Kkkkkkk

  • Como sempre, tem os “prá frente Brasil” prá criticar… Ninguém se esqueceu dos problemas do Brasil – o país – que são muitos. Mas hoje completou-se o início do resgate do Brasil como seleção.

  • Coxinhas dizendo que o jogo foi comprado. Não há limite pra coxinhice.

  • Tem jeito não, brasileiro tem mais é que ficar na favela mesmo.

    O máximo que brasileiro merece é essa vidinha medíocre de BBB, jogo, novela, bolsa-família, puxadinho no barraco e feijão requentado.

    Ê, ôô, vida de gado,
    Povo marcado, ê
    Povo feliz…

  • PierrE, enviei alguns comentarios ao BLOG DO JAMILDO criticando a falta de imparcialidade do mesmo, pois este blog vem colocando varios textos contra a importação de medicos e nenhum a favor, é impressionante como alguns jornalistas q criticam a censura, ainda a fazem. TRISTE

    • Blog é opinionatico por definição, não ha problema nisso.

    • Mas deve ser a opinião dele, que tem todo direito de colocar.

    • o problema é q ele deixou de colocar alguns dos comentarios q enviei.

  • Calma pessoal, amanhã recomeça a velha putaria de sempre: telexfree, corrupção, políticos enganando o povo e por aí vai.

    Esse jogo de hoje foi só pro povão poder relaxar um pouco, tomar uma manguacinha e esquecer os problemas por umas horas.

  • Na Suécia o povo não sabe nem que tá tendo porcaria de copa. Não sei nem se a Suécia tem seleção.

    Enquanto isso a mundiça deslumbrada dessa budega fica comemorando uma coisa que não vai trazer benefício algum para o povo.

    Eu vou comemorar alguma coisa nesse país quando o Brasil tiver um índice de analfabetismo igual ao da Suécia: ZERO.

    Tenho pena do brasileiro. Povo carente que não tem o básico e fica se apegando a futilidades para tentar preencher esse vazio.

    • A Suécia já foi vice-campeã do mundo. Tu vive numa bolha é?

    • Suécia tem seleção forte, disputa copa os torcedores viajam em peso para assistir os jogos, Ibrahimovic é um ídolo lá.

      Isso é uma das coisas mais idiotas do brasileiro, ficar falando que o país é uma m… por causa do Futebol, é apenas um jogo, ganhou tem que fazer festa mesmo quem gosta. Amanhã a vida continua.

      • A Suécia não tem um milésimo dos problemas que o Brasil tem. Se tem alguém que pode ficar perdendo tempo torcendo pra time de futebol são eles, que não tem grandes problemas na vida.

        O povo brasileiro tem muito problema pra cuidar e dá muita atenção para uma coisa que não vai melhorar em absolutamente NADA a vida do povo.

        • A bosta da tua Suécia tem o maior índice de suicídios no mundo. É um povo muito desenvolvido e feliz…

        • Deveria se mudar pra lá. Mas lembre-se: Pra eles, você é meramente um latino.

        • E todo mundo tem um pouco de alienação, uma válvula de escape. Seja ela pelo futebol, empinando pipa, fazendo sexo…

        • Desenvolvido mesmo é o Brasil: o número de suicídios da Suécia não chega aos pés dos 50 mil que morrem por ano com a violência no Brasil.

          Criança baleada na cabeça e morte, idoso assassinado violentamente, trabalhador queimado vivo, menor de idade estuprando e matando… isso é que é desenvolvimento.

        • O que é que isso tem a ver com o futebol ?

        • Ê povo chato!!!

          Vamos fazer o seguinte: não vamos beber cerveja porque tem gente que não tem água para beber! Não vamos pedir petiscos porque tem gente que não tem o que comer…

          Sinceramente… Ser chato virou esporte nesse país!!!

        • Certo, Roberto. Agora volte pro seu forno. coxinha.

        • A tua linda Suécia além do numerando suicídios absurdo tem uma das maiores taxas de abuso sexual e moral à mulheres no mundo todo e é um importante entreposto do trafico internacional de seres humanos, terra também de inúmeros escândalos financeiros, tem uma porrada de gente vivendo às custas dos planos de assistencias do governo e uma população que envelhece e não gera descendentes suficientes pra repor a parcela economicamente ativa

        • O Brasil não fica pra trás.

          O Brasil também tem uma absurda taxa de abuso sexual e familiar e estupros é tanto que criaram delegacias especializadas somente nesse tipo de crime.

          Tráfico internacional de pessoas, nem se fala. Turismo sexual (inclusive o infantil) só faz crescer no Brasil, especialmente no nordeste.

          Em escândalo financeiro o Brasil é uma fera. Só o que tem nesse país é escândalo financeiro, de norte a sul, sobretudo nas câmaras e assembleias da vida.

          Quanto a ter uma “porrada de gente vivendo às custas de planos assistencialistas” o Brasil talvez seja o maior especialista no mundo nesse assunto.

          No Brasil só não tem muito suicídio. Mas também, pra que as pessoas vão se matar, né? A bandidagem já faz esse favor para as pessoas.

          A Suécia não tem favela, não tem a pobreza e a miséria que o Brasil tem, não tem a violência que o Brasil tem, não tem a imensa desigualdade que o Brasil tem e o índice geral de qualidade de vida é muito superior. Fora a qualidade da educação, da saúde, da infra-estrutura urbana e da segurança pública. Tem cidade na Suíça, p.ex., em que não há um homicídio há 60 anos.

          Querer comparar o Brasil com qualquer país escandinavo é comparar um relógio que se compra na 25 de março com um autêntico Rolex.

        • “Agora volte pro seu forno. coxinha.”

          Que grande argumentação, Oscar.

  • Pierre, vai rolar telexfree no fantástico hoje?

    Coloca qualquer coisa hoje aqui no blog pra gente se divertir um pouco. Nada melhor depois de um jogo do que dar boas risadas com telexfree.

  • Só falta agora os gays darem chilique por que Neymar não foi de biquini fio dental receber a taça.

  • Dilma e o governo devem estar adorando tudo isso. Devem estar apostando que essa copa vai ofuscar os problemas do país e a impopularidade de Dilma.

    O governo já deve estar pensando um jeito de surfar nessa vitória, alguma coisa bem demagógica, bem a cara dessa turma petista, sei lá, Dilma vai receber os jogadores em Brasília que vão chegar num carro de bombeiro com Daniela Mercury cantando, alguma palhaçada circense do tipo pra distrair a atenção da mundiça.

    • Tem nada a ver. Brasil campeão em 1994, candidato governista ganhou. Brasil perdeu em 1998, candidato governista se reelegeu. Brasil campeão em 2002, candidato oposicionista ganhou. Brasil perdeu em 2006, candidato governista se reelegeu. Brasil perdeu em 2010, candidata governista ganhou.

  • Sério mesmo, me arreto com essa galera que torce contra. Tem uns malucos dizendo que a Espanha entregou o jogo, pqp. Só quem não entende de futebol pra falar uma besteira dessa.
    Cara, os jogadores da Espanha nunca imaginaram que levariam um gol tão rápido, sentiram o golpe, Piqué ficou nervoso, brigou no 1o tempo e foi expulso no 2o por uma falta ridicula que evitou o 4o gol.
    Sobre a qualidade da Espanha, eu já tinha percebido há muito que eles não eram mais os mesmos. O Uruguai demorou a se achar em campo mas equilibrou no final do jogo. Taiti não conta… (e ainda perderam um penalti). A Nigéria, apesar de ter perdido por 3×0, pressionou a Espanha, jogou muito bem no 1o tempo, chegou fácil na área várias vezes, depois cansou no 2o tempo. No jogo seguinte, a Itália enfrentou de igual pra igual, levou mais perigo em boa parte do jogo e merecia ter vencido. Diante disso tudo, a vitória do Brasil pra mim parecia muito provável, até porque o Brasil vinha em clara evolução. Só não imaginei que fosse 3×0 :)

  • Aliás, pra mim está bastante claro que o tal “estilo tic tac” foi superado. Barcelona humilhado pelo Bayern e agora Espanha humilhada pelo Brasil! Os amantes do futebol agradecem.

  • Os jogadores vão de jatinho particular descansar em suas mansões na Europa e o brasileiro vai pegar busão lotado amanhã ouvindo brega feito corno.

    Bem feito.

    O povo fica exaltando essas merdas, esquece os próprios problemas, depois o país tá aí atolado em problemas e o povo paga a conta.

    Quero ver se Neymar, Galvão Bueno ou Ronaldo vão pegar seus milhões e ajudar aquela criança que precisa de um tratamento caríssimo de câncer num LIXO de hospital público. Se Ronaldo tiver um problema de saúde certamente ele vai se tratar em Zurique na Suíça enquanto o povo que ele hipocritamente diz amar tanto vai pra hospital caindo aos pedaços.

    O governo é muito culpado pela ZONA que está esse país, mas o povo tem uma parcela de culpa muito grande também e precisa acordar pra vida e parar de endeusar as coisas erradas.

    • Verdade, se a seleção perdesse o jogo iria mudar todo o nosso quadro social.

      Essa endeusação ao Futebol é um grande problema de vários países, quem sofre é o povo da Inglaterra, Itália, Espanha, Alemanha, França, Holanda e por ai.

      • O problema não é o Brasil perder ou ganhar, isso realmente não muda vida de ninguém, a não ser dos jogadores e da máfia FIFA- Globo – Governo que estão cada dia mais ricos.

        O problema são os BILHÕES que foram gastos para fazer PORCARIA de estádio pra enriquecer fraudulentamente empreiteiro e político.

        Imagina esses BILHÕES investidos em remédios, aparelhos hospitalares e livros.

        Tudo é uma questão de prioridade. Os países ricos e desenvolvidos já tem o básico, então podem investir em coisas supérfluas, já o Brasil nem o básico tem e quer gastar bilhões com futilidade. É como um pobre que não tem dinheiro sequer pra pagar a escola dos filhos e financia em mil vezes uma Mercedes.

        O país que tem dinheiro pode gastar com o que quiser, pois já tem tudo.

        Agora, quem não tem nem o básico como o Brasil, não pode ficar jogando dinheiro fora com futebol enquanto o povo morre nos hospitais. É tudo uma questão de bom senso e prioridade. O problema é que nesse país as prioridades estão invertidas, está TUDO errado.

        Quem é o maluco que apoia investimentos em estádios faraônicos quando a população morre em corredor de hospital?

        O Brasil poderia investir bilhões em futebol depois que toda a população estivesse alfabetizada e tivesse pleno acesso a uma saúde de qualidade. Isso existe no Brasil? Não. Então enquanto o Brasil não puder dar a sua população uma qualidade de vida DIGNA e DECENTE não deveria investir em besteiras.

        O Brasil só deveria investir em futilidades quando o básico estivesse resolvido. Quando o dinheiro estiver realmente SOBRANDO aí sim, o Brasil pode investir em futilidades. Enquanto houver pessoas morrendo em chão de hospital, temos que ter prioridades LÓGICAS, coerentes com a realidade do país e em benefício da população (sobretudo a mais carente e pobre).

        O dinheiro que o povo paga de imposto é do POVO BRASILEIRO e não de máfias como a Globo, as construtoras ou a FIFA.

        • 1 Ama a Suécia, quando quiser ir, fique à vontade! Mudar o país é necessário, mas isso se faz organizando o povo e canalizando suaa demandas como pressão sobre o Estado, Luta cotidiana, sim, muda as coisas. Militância de internet que se presta a condenar as pessoas por se divertirem, é ridículo.
          2 Pra galera que fica repetindo a ladainha de que quer o mesmo investimento dos estádios em saúde: imbecil, o orçamento da saúde no mesmo período é muito maior! Antes de propor besteira, pesquise.

    • Fica aí sonhando com o teu jatinho próprio…

    • Cara, pior é quem dá audiência para estes bregas pornográficos de Recife. Futebol é fichinha.

  • Será que os EUA são revoltados com a seleção de basquete deles?

    Será que os Quenianos são revoltados com os maratonistas deles?

    Meu Deus! Quando o povo não é idiota pra menos, é idiota pra mais!

    Que culpa temos se somos bons no futebol?

  • Copa confederações 2013 = Copa da França 1998.

    • Esse viu o jogo… até o Iniesta teve convulsões antes da partida. risos.

      • Engraçado, máfia, conspiração, jogadores “vendidos” só existem quando o Brasil perde……………

        • Acreditar que 20 jogadores que ganham, cada um,dez milhões de euros por ano, se vendem em uma partida, é loucura

        • Concordo, Pierre. O que discordo é desqualificarem o título de 98 da França alegando conspiração!!

    • Numa coisa TODAS as copas são iguais: a roubalheira da FIFA e das empreiteiras.

      Isso aí nunca muda.

      Para os empreiteiros e chefões do futebol pouco importa quem ganha o jogo, o negócio é ganhar dinheiro.

      Quem se preocupa com jogo é o povo. A FIFA só se preocupa com a grana.

  • O povo besta, fala como se futebol fosse foco todo dia… Faz o seguinte então, ao invés de vir reclamar num blog, vai pra rua protestar em plena 19h de um domingo, pq pra mim sua vida é tentar melhorar o brasil… Nao é com ou sem futebol que o brasil vai melhorar ou não. Ontem so fez mostrar que o brasil nao merece os políticos que tem.

  • Eu aprovei a realizacao da copa no Brasil. Porque embora eu seja a favor dos protestos e contra a hiper-faturacao das arenas e outras obras publicas relacionadas, achei necessaria a realizacao da mesma para impulsionar o turismo internacional.

    Nao se admite um Pais desta dimensao e com tantos atrativos receber 5,2 milhoes de estrangeiros por ano (numero estagnado desde 2008) e um Pais como a Republica Dominicana receber 4, ou ate o Mexico que recebe 20 milhoes embora esteja colado ao Estados Unidos.

    Mas a questao eh: a Copa servira para incrementar esse turismo?????

  • “é um homem serio que não agencia” É pra rir! E a convocação de Douglas Santos depois que Galo foi ser um dos “acessores” dele (Felipão)? http://esportes.terra.com.br/nautico/convocado-por-felipao-lateral-do-nautico-e-vendido-para-o-granada,7abf646154fbf310VgnVCM5000009ccceb0aRCRD.html

Tem algo a dizer? Vá em frente e deixe um comentário!

XHTML: Você pdoe usar as tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Enquetes

Em relação ao impeachment de Dilma Rousseff, qual sua posição?

Ver Resultado

Loading ... Loading ...

Frase do dia

  • A riqueza de uma nação se mede pela riqueza do povo e não pela riqueza dos príncipes.”, Adam Smith.

ARQUIVO

março 2019
S T Q Q S S D
« mai    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Informação com Humor

MARCO BAHÉJornalista
É formado em Jornalismo e pós-graduado em História Contemporânea e História do Nordeste do Brasil. Foi repórter da Gazeta Mercantil para os estados de Pernambuco, Alagoas, Paraíba e Rio Grande do Norte. Também atuou como repórter do Jornal do Commercio, editor da Folha de Pernambuco e repórter especial do Diario de Pernambuco. É correspondente da revista Época no Nordeste desde 2003. Tamb´m atua com publicidade e marketing eleitoral desde 2004.
PIERRE LUCENADoutor em Finanças
É doutor em Finanças pela PUC-Rio e mestre em Economia pela Universidade Federal de Pernambuco. É professor adjunto de Finanças da UFPE e foi secretário-adjunto de Educação de Pernambuco. É autor de vários trabalhos publicados no Brasil e no exterior sobre o mercado financeiro, e participa como revisor de várias revistas acadêmicas na área. É sócio-fundador da Sociedade Brasileira de Finanças. Foi comentarista de Economia do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (TV Jornal e Rádio CBN). Atualmente é coordenador do curso de administração da UFPE, e Coordenador do Núcleo de Estudos em Finanças e Investimentos do Programa de Pós-graduação em Administração da UFPE (NEFI).