Chat sobre financiamento imobiliário

mai 13, 2009 by     269 Comentários    Postado em: Financiamento Imobiliário

duvidas2

Para dar vazão aos inúmeros e-mails sobre Financiamento Imobiliário e INCC, estaremos fazendo chats semanais, com o intuito de concentrar as dúvidas.

Basta colocar as perguntas como comentário que serão respondidas aqui mesmo.

Até as 13 horas podem deixar perguntas que serão respondidas na hora.

PS: não iremos calcular valor de prestações

__________________________________
AVISO: O blog montou uma rede social para tirar as dúvidas dos leitores. Além disso estará promovendo chats para tirar dúvidas.

Então se quiser tirar sua dúvida, se cadastre na nossa rede que será avisado dos chats: http://acertodecontas.ning.com/

Lá poderão também encontrar material sobre o assunto.

269 Comentários + Add Comentário

  • Como encontro o link para o chat?

    • O mercado imobiliário nos EUA tem uma nova tendencia resultada da crise atual : as ventas ao leilão
      Bind of the City foi apellido do “Ebay » da imobiliária pela prensa.
      Esse novo conceito é muito interessante, sobre todo para os brasileiros que gostariam investir no mercado imibiliário.
      Isso faz um plano imobiliário a mais para os EUA.
      Para entender melhor como isso funciona, voce pode assistir esse video : http://www.youtube.com/watch?v=sZP3KFaazAo
      E tambem voce pode entrar no site : http://www.bidonthecity.com

    • Tenho uma dúvida em relação ao INCC.

      Compramos um apartamento, e recebemos até uma planilha com o valor de todas as parcelas e assinamos. Em nenhum momento eles informaram que este valor podera ser alterado. Os valores destas parcelas correm o risco de sofrerem correções de INCC?

      Obrigada.

    • Tenho um imovel financiado pela CEF e estou comprando outro que tambem pretendo financiar pela CEF. Se eu quitar o imovel mas não escritura-lo eu consigo o novo financiamento ou eu obrigatoriamente devo vender o imovel atual antes de financiar o outro

    • Estamos comprando nossa casa . Metade dela será financiada pela Caixa. Sou casada pela segunda vez e não quiz ter conta em conjunta com meu esposo. Ele tem o nome limpo. Eu 2 anos atras fiz dividas com o banco que não pude cumprir por motivos de saude. Fiz acordo com o banco para pagar em 48 vezes $240,00/mes. Cheques que foram devolvidos já resgatei e falta levar ao banco e pagar as taxas, que acertarei de uma vez agora em dezembro. Terei problemas no financiamento? Somente entrara o salario de meu marido pois estou na caixa por motivo de saudee dependo da boa vontade do INSS

    • Bom dia Dr. Pierre,
      Estou comprando um imovel pela Caixa. Meu crédito foi aprovado e o imovel também, porém, os vendedores estão com restrições no nome. A Caixa me informou que somente poderá concluir a venda se os atuais donos do imovel regularizarem o nome.
      Perguntei ao meu professor de Dir. Processual Civil e ele me informou que a instituição tem autonomia para fornecer crédito a quem quiser, porém, no caso de financiamentos com subsídios do Governo, o que é meu caso, tal postura da Caixa pode ser discutida.
      Gostaria de saber se a informação acima procede, se de fato a Caixa esta embasada em alguma Lei ou este é apenas um regulamento interno e também se há a possibilidade de eu discutir isto judicialmenrte.
      Obrigada pela atenção.

  • Edward
    Basta deixar a pergunta aqui que eu respondo na hora
    Abraço

  • Pierre, Gostaria de saber se é correto a cobrança do INCC antes do início da obra.

  • Qual o melhor indice para o contrato pos chaves o incc ou o IGPM?

    • por favor como e quando é feito o pagamento do subsidio da caixa?

  • Minha dúvida é a seguinte: Comprei um apartamento em dezembro de 2007, na planta. Comecei pagando a entrada para a construtora até a entrega das chaves. Todo mês o boleto era corrigido pelo INCC. Agora, a última parcela que era de R$ 9.000,00 passou a ser R$ 10.224,00, segundo informações da construtora é devido ao INCC. Essa cobrança procede? Como foi realizado o cálculo, pois a alíquota de fevereiro foi 0,27%.

  • Josimar
    A lógica para o reajuste pelo INCC é que os custos da obra estão sendo reajustados, logo eles podem cobrar até o final da obra.
    Então pode cobrar sim.

  • Pierre, gostaria de saber se você acha que a Caixa contém os melhores financiamento imobiliários ou se há algum banco com condições melhores ou equivalentes.

  • Fechei o contrato com o INCC, mais como marinheiro de primeira viagem venho lendo algo sobre isso e ficou a duvida, porque estou pagando o INCC nas prestacoes se ainda nao iniciou a construção.
    Grato

  • Edward
    Não pode cobrar INCC após o fim das obras.
    Também não sugiro fazer financiamentos tendo como base o IGPM.
    É melhor conseguir um financiamento junto à CEF com correção pela TR.

  • Victor
    De dezembro de 2007 vai ser aproximadamente isto mesmo. Por isso sugiro que não comprem imóveis na planta.

  • Daniel
    O Santander disputa com a CEF as melhores taxas de financiamento imobiliário.
    Já é isolado o segundo player do mercado.
    Vale a pena consultá-los também na hora de fechar o financiamento.

  • No meu contrato tem uma clausula de desistencia ela é justa ou abusiva. segue o texto!

    Se o ADQUIRENTE der causa à resolução (desfazimento) do contrato, à guisa de indenização, perderá parte das parcelas pagas, as quais serão parcialmente restituídas com correção monetária, de forma cumulativa, pelo ALIENANTE, segundo as normas e parâmetros a seguir pactuados: a) se houver sido pago até 10% do preço atualizado do contrato, receberá em devolução 20% da quantia paga; b) do que exceder de 10% e até 30% do preço atualizado do contrato, receberá em devolução 50% da quantia paga; c) do que exceder de 30% e até 70% do preço atualizado do contrato, receberá em devolução 75% da quantia paga; e, d) do que exceder de 70% do preço atualizado do contrato, receberá em devolução 100% da quantia paga.

    eu achei muito complicado essa formulação sempre da margem para diversas interpretações.

  • pierre

    no ano passado, por ocasião do reajustes de materiais de construção e mão de obra, tiveos um aumento expressivo no incc, que chegou a 2,02% em maio, e ficou em patamares superiores a 1% por dois ou tres meses.
    Existe alguma perspectiva para um novo pico no índice ou a tendencia é de manter-se baixo tendo em vista o corte do ipi nos materiais de construção

    abç

  • Professor Pierre Lucena,

    Adquiri um imóvel de uma construtora (MRV) em Belo Horizonte, assinando contrato em fevereiro de 2008.
    À construtora foi dado sinal de R$2.064,00, (sem nenhuma intermediária conforme previsto contratualmente), sendo este valor, integralmente pago quando da assinatura em fevereiro de 2008.
    O financiamento do imóvel foi feito através da Caixa Economica Federal (CEF), inclusive com o uso do FGTS da minha noiva.
    Ressalto que o contrato com a CEF, foi assinado em junho de 2008, sem mais nenhum valor a ser pago para a construtora.
    Em fevereiro de 2009 as obras foram concluídas.
    Em março de 2009 fomos chamados para resolver pendências financeiras relacionadas a impostos, para que pudéssemos receber as chaves.
    Porém, além do ITBI e taxa de registro do imóvel, fomos surpreendidos com uma diferença de valores que a construtora atribuiu à correção do INCC.
    Diante disso, indago ao ilustre professor, se há realmente a possibilidade de ser aplicado o INCC para o caso em questão, haja vista que acreditamos que estaria encerrada nossa relação financeira com a contrutora depois de assinado o contrato com o agente financiador.

  • José Roberto
    A expectativa do INCC era ruim, mas com o IPI sendo reduzido pelo Governo, deve diminuir neste primeiro momento.
    Mas em compensação, a atividade econômica ficará aquecida no setor, pressionando o INCC também.
    Mas este ano deve ficar menor que o ano passado.

  • Emerson
    Normalmente há o reajuste pelo INCC, mas este deve estar contido no contrato de compra do imóvel que você firmou com a Construtora. Se não estiver, não poderão cobrar.

  • Edward
    Eles não podem devolver apenas 20%.
    Pode procurar o Procon de sua cidade

  • Como é feito o cálculo de um financiamento cujo saldo é corrigido pelo IGPM +1%. è feito em cima do saldo devedor, aplica-se o IGPM e após, + 1%, e divide-se pela quantidade de parcelas a vencer? È verdade que o IGPM está dando em torno de 1,5% a.m? e além disto, ainda calculo 1% em cima? Poderia me exemplificar. obrigada

  • Edina
    o 1% é de juros simples.
    Já o IGPM é juros compostos.
    Calcule o 1% antes de começar as prestações. Aí você vai incidindo o IGPM posteriormente, sobre o saldo devedor. (ou sobre as parcelas)

  • Comprei um apartamento na planta e já paguei todas as prestações até o recebimento das chaves. Decidi financiar o restante pelo Bradesco, mas na simulação minha renda líquida mostrou-se insuficiente para liquidar todo o valor a ser pago (o apartamento valorizou muito). Se fosse usada a renda bruta, daria perfeitamente para fazer o financiamento. Agora a construtora quer que eu pague os R$ 20 mil de resíduo, que não tenho pq era um valor que não estava previsto. Tenho pressa para receber as chaves. O que posso fazer? Obrigada.

  • Luana
    Tente fazer na CEF ou no Santander. Tem melhores taxas.
    Muitas construtoras induzem o financiamento para determinado banco, mas isso é ilegal.

  • Estava realizando pesquisas sobre a cobrança de incc + 1% antes da entrega do imóvel, e achei no seu blog, que é de muita utilidade por sinal, que em uma de suas respostas você diz que é ilegal este tipo de cobrança, estou fechando um contrato de um imóvel aqui em Olinda que está dessa forma, cobrando reajuste de incc + 1% nas parcelas até a entrega e depois igpm + 1%. Eu gostaria de saber do senhor como devo proceder, que lei devo citar para argumentar com a construtora, enfim, o que posso fazer?

  • Bom dia. Comprei um imovel na planta com a garantia de entrega em 12 meses. porem no material publicitario não constava tal fato. a compra ocorreu em outubro de 2006. assinei com a CEF em julho de 2007 e a previsão de contrato era de 15meses da construtora mais 6 meses da caixa, perfazendo o total de 21 meses. o prazo venceu em março, e até agora não tenho previsão de quando teremos o imovel. a minha duvida é a seguinte o INCC é legitimo nos casos de atraso tão longo? posso pagar o INCC pelo periodo de contrato apenas 15 meses? abraços,

  • Leandro
    Eles sabem que a cobrança é ilegal.
    Sugiro procurar o Procon, ou mesmo a Delegacia do Consumidor.

  • Marcelo
    Não pode cobrar INCC quando a obra atrasa mais que o permitido por Lei.
    Procure o Procon, juntamente com os outros proprietários.

  • Oi Pierre,

    Venho guardando dinheiro há um certo tempo, pensando em comprar um apartamento. Tenho cerca de 40% do valor do imóvel que pensaria em comprar (embora não tenha encontrado um ainda). Acredito que meu problema não seja nenhuma novidade: se quiser comprar na planta, não consigo arcar com o aluguel (que terei que continuar pagando durante a construção) MAIS a prestação. Outra alternativa seria encarar um apartamento usado e financiar a diferença. Uma terceira alternativa seria tentar continuar guardando dinheiro (o que cada dia parece mais difícil, levando em conta as incertezas do mercado, dos nossos reajustes como professores, os filhos crescendo etc…) e depois comprar à vista. Qual destes caminhos te parece o mais recomendável?

    Mauro

    • Mauro
      O melhor seria comprar um imóvel usado e financiar o restante pela CEF ou Santander, que são os bancos com as melhores taxas.
      Espere até o próximo mês, que o Governo acabou de modificar as regras do financiamento.

  • entao pelo que entendi as construtoras antes das chaves so podem cobrar o INCC e pos chaves INCC ou IGPM + 1%

    • Edward
      Após as chaves, o INCC não pode ser usado de jeito algum.
      Até as chaves, não pode cobrar juros, apenas o INCC.
      mas sugiro que após as chaves procure outro financamento. Esse de IGPM mais 1% é péssimo.

  • “Os juros cobrados durante a construção do imóvel não podem ser considerados parte integrante do preço. O construtor fixa o valor de cada unidade de acordo com o preço de mercado, divide esse preço em parcelas e prevê a correção monetária pelo INCC. Portanto, a incidência dos juros na fase da construção representa para o construtor um enriquecimento sem causa. É que o seu capital retorna através das vendas e dos lucros”. Portanto, cláusulas que contenham qualquer outra previsão de juros como por ex: 1% além do INCC é considerada cláusula abusiva. Trata-se de contrato de adesão”.
    O Código de Defesa do Consumidor – CDC, aplicável em muitos casos (como financiamento junto a empreiteiras e imobiliárias), dispõe que:
    Art. 51. São nulas de pleno direito, entre outras, as cláusulas contratuais relativas ao fornecimento de produtos e serviços que:
    IV – estabeleçam obrigações consideradas iníquas, abusivas, que coloquem o consumidor em desvantagem exagerada, ou sejam incompatíveis com a boa-fé ou a eqüidade.

    Vejam a decisão a seguir:

    “CONTRATO DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA – RESCISÃO – CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR – DIREITO À DEVOLUÇÃO DAS PARCELAS PAGAS – RETENÇÃO DE PARTE DOS VALORES RESTITUÍVEIS A TÍTULO DE PERDAS E DANOS – PERCENTUAL DE FRUIÇÃO – CLÁUSULA ABUSIVA – CORREÇÃO MONETÁRIA – TERMO INICIAL – JUROS – CITAÇÃO VÁLIDA O artigo 53 do CDC estabelece que, em se tratando de rescisão contratual, mesmo no caso de inadimplência do consumidor, tem ele o direito ao reembolso do que pagou. O promitente vendedor, no entanto, pode reter parte dos valores a serem restituídos, em virtude das perdas e danos que suporta com o fim do negócio, inclusive em razão da fruição do imóvel, sendo o percentual de 10% razoável para tal finalidade. É abusiva a cláusula que impõe ao consumidor o pagamento de percentual sobre o valor do imóvel, a título de fruição do bem, no momento da rescisão contratual. (…)(TJMG – Apelação Cível Nº 2.0000.00.483001-1/000 da Comarca de Belo Horizonte. Rel. D. Viçoso Rodrigues. Data da Publicação 09/11/2005)”.

    • Suzana
      Rspondeu a pergunta de muita gente
      Obrigado

  • INCC registrou, em março 2009, taxa de – 0,25%, abaixo do resultado do mês anterior, de 0,27%, como fica para o proximo reajusta das parcelas para ABRIL , pois fechou NEGATIVO MARÇO, se manterá valor do mês anterior?

    • Netto
      Fechando negativo, o valor das parcelas do imóvel deve diminuir.
      Abril deve reduzir mais ainda, em função da queda do IPI.

  • Olá
    O meu cadastro para financiamento de um imóvel pela CEF, foi aprovado e a carta de crédito foi liberada e tenho um prazo de 6 meses para encontrar um imóvel, mas nesse tempo fui demitida. O banco pode bloquear o meu cadastro por causa disto?; Pois depois que esta tudo aprovado, quando eu vou dar entrada com a documentação do imóvel ele pode realizar uma nova consulta sobre os meus dados para saber se eu ainda tenho condições de adquirir o financiamento?

    • Susiane
      Se você está com a carta de crédito, eles já fizeram o cadastro.
      Desconheço que façam novamente.

      • Seu nome foi aprovado para o financiamento, no entanto a carta de crédito somente é liberado após a avaliação do imóvel e posterior assinatura do contrato. Para assinar o contrato do financiamento será necessário atualização dos seus olerites, portanto acredito que você não conseguirá sua carta de crédito.

  • Pierre,

    Entrei com aquela ação para reajuste do saldo do FGTS contra a Caixa.Esta instituição pode se negar a financiar imóvel neste caso?

    • Ronaldo
      Podem se negar, mas não acredito que farão isso.

  • Pierre, Bom Dia !

    Acompanho o blog de vocês diariamente, parabens!!
    Gostaria de saber qual a melhor forma para adquirir a propriedade do imóvel, Na planta é mais vantajoso ? Qual as instituições bancárias melhores para se financiar? Se você tiver algum texto sobre os aspectos positivos para se adquirir um imóvel, você poderia me enviar ?

  • Pierre, a redução do IPI sobre alguns materiais da construção civil vai reduzir o INCC. Resumindo, as prestações do meu apto vão ficar menores?

  • Comprei apartamento na planta em dividido em 10 anos. Aconselharam-me pagar cada mes 2 parcelas (primeira e ultima) e antecipei 7 intercaladas (das 10) pois eu teria vantagens.

    Porem o predio esta com a construção muito atrasada (estava subindo 1 laje por mes e ja ha 4 meses a obra esta parada. A desculpa da construtora é que eles recrutaram a mao de obra para terminar outro predio que ja estava na fase de acabamento).

    Devo continuar pagando 2 prestacoes por mes ou seria melhor aplicar o dinheiro?

  • Como você disse ao Marcelo anteriormente, Se a cobrança é considerada ilegal, porque tem o apoio da CEF, que está participando como financiadora do empreendimento??

    • Daniel
      Ela financia apenas depois do imóvel pronto.
      Mas essa sua denúncia vou enviar ao Superintendente da CEF em Pernambuco.
      Realmente a Caixa deveria ficar atenta a isso.

  • Comprei um apto com financiamento pela construtora e ja estou morando. O valor foi de R$139.000,00, onde dei 20.000,00 de entrada e financiei restante em 10 intercaladas anuais e 100 parcelas corrigidas pelo incc + 1%, a primeira no valor de 689.00. Três meses depois vendi um imovel meu a vista e recebi R$ 80.000,00 , apliquei o dinheiro em CDB-DI que me rendeu até o mes passado em torno de 1% ao mês. Minha pergunta deixo o dinheiro rendendo ? ou pego e mato todas as intercaladas?

    • Carmen
      Espere um pouco. Imagine se a construtora não termina a obra. Você ficará sem as duas coisas.
      Espere a Construtora terminar a obra.

  • Se o banco bloquear o meu cadastro mesmo assim por eu estar demitida o que devo fazêr para me defender sobre tal?
    Os regulamentos ou legislação para financiamento habitacional estão disponíveis para qualquer um vê-los? se sim, onde posso encontrá-los?

    • Susiane
      Se bloquearem seu cadastro não há muito o que fazer.
      O banco tem o direito de emprestar, não o dever.

    • Apenas seu cadastro foi temporariamente, para obter a carta de crédito é necessário a atualização dos olerites dos seus rendimentos. Assim, se você estiver desempregada não terá como atualiza-los.

  • Comprei um imóvel na planta em out/06 com financiamento pela CEF durante a obra, porém, a assinatura do contrato da CEF ocorreu apenas em julho/2007. Já paguei as parcelas que eu financiei com a construtora e entendo que tenho que pagar as correções pelo INCC destas parcelas até a conclusão da obra . Pergunto: é legal a construtora me cobrar a correção pelo INCC também dos valores que são liberados pela CEF mediante as medições mensais? Detalhe, as correções usam como base o mês out/2006 ! Isso é legal?

  • Pierre,

    No momento, eu, e acredito que o Marcelo, supra citado, pagamos por esta cobrança… A obra, está atrasada mais de 18 meses. O programa de entrega está correndo. Encontramos diversas anormalidades nas unidades, como portas tortas, paredes desniveladas, sinais de umidades, dentre vários outros. O nosso apartamento, como foi financiado pela CEF, vai ter um grupo de engenheiros que farão as vistorias para o pedido de Habite-se. Como nós encontramos diversas irregularidades nas visitas, podemos cobrar ressarcimento da construtora (multa)?

  • Vania
    Você deve estar falando do Saldo Devedor.
    Este também é reajustado pelo INCC.
    Mas você tem a opção de incluir no próprio financiamento com a CEF esse valor.
    Mas é legal sim. Toda a obra é reajustada.

  • Daniel
    Pode cobrar sim, inclusive a devolução do dinheiro. Sugiro que antes desta visita da CEF, vocês façam a reclamação formal junto ao Procon, pois a CEF ficará alerta ao fato.

  • Pierre eu ja estou morando no imóvel.

    • Carmen
      Se você está morando, não pode ter reajuste pelo INCC como falou abaixo. Seria ilegal.
      Neste caso, sugiro que compare as correções com o rendimento que está conseguindo.
      Tente conseguir um desconto com o financiador.

  • Pierre como você está? Bom estou comprando um imóvel através da GMS na rua corrientes (lapa/sp) a questão é. Esse imóvel ainda não saiu o Habite-se/matricula individual. Mais me interessa muito ficar com o imóvel. Perguntas!!
    É possível comprar esse imóvel dando uma pequena entrada, depois pagando o restante para o vendedor (construtora?
    Eles informam que para eu morar no apto devo assinar promissórias (é permitido isso?).
    O imóvel custa 295.500 vou pagar 55 mil de entrada depois 90 mil quando sair o habite-se e depois o restante com financiamento bancário e fgts. Existe algum contrato padrão para isso que você possa me passar ou me orientar?
    Devo me preoculpar com uma transação como essa?
    A GMS CONTRUTORA é confiável?
    grande abs

    • Newton
      Respondendo
      1 – É possível sim, desde que a outra parte aceite.
      2 – Promissórias não é o padrão neste caso. É pior para eles, já que com uma Nota Promissória nào conseguirão tomar seu imóvel, em caso de inadimplência.
      3 – Não conheço esta construtora.

  • Olá,
    Fechei um contrato na planta, hoje irei pagar a segunda parcela mas a obra ainda não começou, é justo cobrar o INCC?

    • Jaldemir
      É sim, pois os custos da obra já estão sendo reajustados.

  • Pierre, sugiro que oportunamente seja publicado um artigo sobre Consórcio Imobiliário.

  • Pierre obrigado pelo apoio.

    Por último quais são os documentos da construtora que devo pedir para a formalização deste negócio (além do contrato que estarei formalizando)!!

    • Newton
      Você precisa do imóvel no seu nome. A partir disso o problema é muito mais deles do que seu.

      • Prezados Leitores

        O chat ficará aberto novamente na terça que vem, dia 14, das 10 às 12 horas.

        Até lá

        Abraço a todos

  • A tendência do INCC dos próximos meses de 2009 deve continuar pela média vista no início do ano? Se continuar assim está muito bom.

  • Estou comprando um imóvel novo e precisarei financiar um montante em 2010. Eu poderei utilizar a modalidade SFH se eu estiver morando hoje em um imóvel mas que não está em meu nome? (Ex: de parente)

  • Bom dia Pierre,

    Adquiri um imóvel na planta direto com a Construtora em Maio de 2008 no valor de 161.700,000, o valor dele na data de hoje (parcelas já pagas reajustadas pelo INCC-M + Saldo devedor para quitação hoje) é de cerca de R$ 175.000,00, ou seja, houve um aumento do valor do imóvel de aproximadamente R$ 13.000,00 em menos de 1 ano! Tenho ainda 20 Parcelas a pagar até o Habite-se (previsto para Outubro de 2010) que serão reajustadas pelo INCC-M e mais parcelas mensais pós-chaves até 2030 que serão reajustadas pelo IGPM + 1% pela Tabela Price. Minhas principais dúvidas são:
    1) Como funciona esse reajuste pela Tabela Price? No contrato aparece que as parcelas serão reajustadas pelo IGPM e mais 1% conforme Tabela Price. Não ficou claro pra mim a questão do 1% pela Tabela Price, poderia me esclarecer por favor? Esse reajuste não se aplica se eu adiantar essas parcelas e pagaá-las hoje, correto? e se eu financiar os pagamentos pós-chaves, se aplica o reajuste?
    2) Atualmente tenho na poupança R$ 18.000,00 – o que não é um grande valor. Sei também que o retorno da poupança é muito pequeno, mas ao mesmo tempo tenho medo de me aventurar em outro tipo de investimento no atual cenário. Gostaria então de uma opinião sobre como gerenciar essa economia -> Seria interessante eu antecipar o pagamento de parcelas do final (lá de 2030) ou essas parcelas mensais que antecedem o Habite-se? Ou seria mais interessante ainda eu procurar outro tipo de investimento diferente da poupança? Como o valor do apartamento já aumentou em cerca de 8% em quase 1 ano, temo que o retorno sobre o investimento não cubra o provável aumento futuro do imóvel, então é por isso que penso que hoje é melhor quitar parcelas com esse dinheiro da poupança.

    Grata pela ajuda e atenção,
    Bianca

  • Estou com dúvidas entre consorcio ou financiamento para comprar minha casa e gostaria de sua ajuda para decidir.

    Valor do Imóvel – 170.000,00
    Eu tenho em mãos 88.000,00

    Minha dúvida………dou 88.000,00 de entrada e financio o resto ou oferto 88.000,00 de lance e pego a carta nos primeiros meses.

    Financiamento
    170.000,00 – (entrada 88.000,00) = Financiado 82.000,00
    Prazo – 240 meses
    1ª – 12ª parcela R$ 1.004,62
    13ª – 24ª parcela R$ 974,28
    25ª – 36ª parcela R$ 943,76
    37ª – 48ª parcela R$ 913,07
    49ª – 60ª parcela R$ 882,19
    59ª – 72ª parcela R$ 851,12
    73ª – 84ª parcela R$ 819,88
    85ª – 96ª parcela R$ 788,45
    97ª – 108ª parcela R$ 756,84
    109ª – 120ª parcela R$ 725,05
    121ª – 132ª parcela R$ 693,07
    133ª – 144ª parcela R$ 660,90
    145ª – 156ª parcela R$ 628,55
    157ª – 168ª parcela R$ 596,02
    169ª – 180ª parcela R$ 563,30
    181ª – 192ª parcela R$ 530,41
    193ª – 204ª parcela R$ 497,34
    205ª – 216ª parcela R$ 464,12
    217ª – 228ª parcela R$ 430,77
    229ª – 240ª parcela R$ 397,49

    Consórcio
    Carta de Créditro – 170.000,00
    Taxas administrativas – 20,5 %
    180 meses de 1181,00 (Corrigido anualmente pelo INCC)
    Totalizando um saldo devedor de 204.850,00
    Lance de 88.000,00 – o saldo devedor vai para – 116.850,00

    Supondo que eu oferte o lance e contemple a carta na primeira assembléia, minha parcela depois de pago o lance seria de 673,76

    Mas todo ano seria ajustada pelo INCC

    1ª – 12ª parcela R$ 673,89
    13ª – 24ª parcela R$ 727,80
    25ª – 36ª parcela R$ 786,03
    37ª – 48ª parcela R$ 848,91
    49ª – 60ª parcela R$ 916,82
    59ª – 72ª parcela R$ 990,16
    73ª – 84ª parcela R$ 1069,38
    85ª – 96ª parcela R$ 1154,93
    97ª – 108ª parcela R$ 1247,32
    109ª – 120ª parcela R$ 1347,11
    121ª – 132ª parcela R$ 1454,88
    133ª – 144ª parcela R$ 1571,27
    145ª – 156ª parcela R$ 1696,97
    157ª – 168ª parcela R$ 1832,72
    169ª – 180ª parcela R$ 1979,34

    INCC considerado nessas 180 parcelas – 8 % a.a.

    No meu caso, o que seria melhor…..consórcio ou financiamento?

    Obrigado pela ajuda.

  • Bom dia, comprei um apartamento na planta com a opção de quando da averbação do habite-se pagar o saldo devedor através de uma instituição bancária, farei tal opção, mas fui informada que nestes casos só receberei as chaves quando a instituição financeira quitar o saldo devedor com a construtora. Isso é legal? mesmo estando com todas as prestações vencidas quitadas? ou deveria receber as chaves juntamente com os que optaram por continuar com a contrutora?

  • Bom Dia,
    Gostaria de saber sobre o INCC, pois estou em um financimento que o valor a financiar é atualizado todo mes pelo INCC até a assinatura com o Agente Financeiro.Os valores q reajustarem ou eu pagao para a Construtora ou incluo no financiamento, só que este Mês o INCC deu Negativo, como fica neste caso ? Eles podem usar o INCC do Mês anterior? Ou têm que dar o desconto? Se não me derem o desconto o que devo fazer?
    Obrigada

  • Anderson
    O INCC foi afetado pela queda do IPI nos produtos. Não deve continuar dando negativo.
    Mesmo assim deve ficar bem abaixo do ano passado.

  • Anderson
    O INCC foi afetado pela queda do IPI nos produtos. Não deve continuar dando negativo.
    Mesmo assim deve ficar bem abaixo do ano passado.
    Quanto à segunda pergunta, pode sim.

  • Bianca
    1) A Tabela Price é regressiva, isto é, você paga mais no começo e menos no futuro.
    O reajuste de 1% é de juros simples, isto é, não incide juros sobre juros.
    2) Seria bom você sair deste financiamento com correção pelo IGPM. Tente mudar para um com reajuste pela TR, via Caixa ou Santander.

  • Fernando
    O financiamento é melhor que o consórcio.
    A taxa de administração é muito alta para uma coisa que você só receberá em lance ou sorteio.

  • Obrigada Pierre pelas respostas.
    E quanto ao montante de R$ 18.000,00 que citei, o qual tenho na poupança hoje, vale a pena eu antecipar o pagamento de parcelas do final (lá de 2030) ou essas parcelas mensais que antecedem o Habite-se?
    Grata,
    Bianca

  • Izabela
    É legal sim. A construtora não vai querer repassar a você enquanto não receber garantias do restante do saldo devedor.

  • Greiciane
    Eles precisam diminuir o valor das parcelas, já que o INCC foi negativo. Caso se neguem, procure o Procon de sua cidade.

    Bianca
    Quanto aos 18 mil, guarde como uma reserva neste caso, e resolva primeiro o financiamento do saldo devedor.
    Não fique neste do IGPM.

  • Pierre,

    30% do valor do meu imóvel que comprei na planta deve ser pago até a entrega da chave, depois precisarei procurar um banco para financiar o restante. Os 30% são atualizados pelo INCC, se eu quiser quitar o restante na chave, eu terei que pagar o valor também atualizado pelo INCC? No caso de financiamento do banco, eu devo financiar os 70% mais o INCC?

    • Henrique
      O valor do Saldo devedor também é atualizado até a data do financiamento.
      Este é um dos motivos pelos quais eu não sugiro a compra do apartamento ainda na planta.

  • O INCC deu negativo no mês de março, os valores das parcelas e o saldo devedor de um financiamento com a construtora deve diminuir?

    • André
      Deve diminuir sim. Faça essa exigência. Inclusive o saldo devedor também deve diminuir.

  • Pierre,
    é possivel que as taxas do financiamento imobiliário caiam esse ano? Até agora não foi repassado nada da queda da selic para a taxas cobradas pelos bancos.

  • André
    É possível que caiam, se o Governo mexer nas regras da Caderneta de poupança.

  • “Bom dia, Estou querendo financiar um apartamento pela caixa econômica no valor de 60.000,00, fiz o financiamento com o valor de minha renda mensal bruta no site da caixa pelo simulador,gostaria de saber o que seria o “Valor subsídio complemento” que a caixa esta dando. Gostaria de saber também quais os gastos que terei com a documentação: Registro, ITBI , FUNREJUS- Pago somente se o imóvel tiver mais de 70m, Caixa Engenheiro, e também eu pago uma valor para a caixa no valor aproximadamente de 1 mil reais? Valor do Imóvel R$ 60.000,00 Prazo Máximo 300 meses Cota máxima financiamento 90% Valor da entrada(R$) R$ 5.620,78 Prazo desejável 300 meses Valor do financiamento R$ 49.379,22 Valor subsídio complemento R$ 5.000,00″

    • Aline
      O valor subsídio complemento você deixa em branco, já que a princípio não há subsídio.
      Quanto aos valores das taxas, melhor verificar junto à Caixa, porque isto varia para cidades e região.

  • Devido a recente queda do INCC minha principal dúvida é, vale a pena utilizar R$28.000,00 reais que tenho em aplicação na poupança para amortizar uma parte da dívida de um imóvel comprada na plnata ou é melhor deixar este dinheiro rendendo até a entrega das chaves (previsto para 03/2011)? Caso seja melhor aplicar o dinheiro seria mais indicado deixar na poupança mesmo ou outra aplicação tipo tesouro direto?

    • Tiago
      Deixe aplicado. Não é conveniente repassar valores para a construtora antes da entrega do imóvel.
      Apesar de você teoricamente perder dinheiro, pelo menos não corre o risco da obra não ser concluída.

  • gostaria de saber qual dos indices é melhor

    INCC ou INCC-M/FGV

    • Não há um “melhor”. Apenas a metodologia modifica, e a média dos dois é muito parecida.

  • Pierre,
    É verdade que o financiamento de imóveis com a utilização do saldo do FGTS só pode ser feito por aqueles que NÃO possuem imóveis em seu nome?

  • Comprei um apartamento em construção, vou pegar as chaves dia 05/05/2009, um atraso de 4 meses, o valor do imovel e de R$ 63.900,00, na entrega das chaves ja terei pago R$ 30.800,00, restando R$ 33.100,00 a serem financiados pela CEF, o imovel e entregue semi-pronto, o piso e revestimento da cozinha e banheiro ficam por minha conta, apos a colocação do piso e revestimento e estando as areas comuns prontas pela construtora, posso pedir habite-se parcial para dar andamento no financiamento ? Obrigado pela atenção, Marcondes.

  • Pierre,
    Gostaria que se pudesse respondesse a duas questões:

    1) Em março o INCC foi negativo, mas não houve variação na parcela mensal a ser paga, porque consta no contrato com a construtora, que a atualização monetária, mensal e cumulativa, será calculada com base na variação positiva do INCC. Isso é abusivo? O contrato já foi assinado. Tenho como recorrer?

    2) Já paguei em torno de 50 mil desde outubro/2008 para a aquisição do apartamento e ainda restam 107 mil, valor já corrigido. Vale a pena ir amortizando o saldo devedor mês a mês, ou devo poupar para amortizar na entrega, em abril/2011?

    Obrigada desde já!

  • Outras dúvidas:
    1) É correto a construtora cobrar pelo serviço de troca de material (piso) ou por alteração da planta?
    2) Quanto ao financiamento, só posso financiar o apartamento quando sair o habite-se?

  • Marcia
    1) Isso é abusivo, eles tem que diminuir
    2) Apenas na entrega, já que corre o risco da obra não terminar
    3) Se as duas partes concordarem sim, mas caso não tenha sido acertado no contrato, as despesas adicionais é dela
    4) Só quando o Habite-se sair

  • Sergio
    A construtora pede o Habite-se, não você

  • Caio
    A regra diz que:
    – Do titular da conta vinculada do FGTS:
    - Não ser proprietário, usufrutuário, cessionário ou promitente comprador de outro imóvel residencial (inclusive apart-hotel residencial), concluído ou em construção
    Neste caso, não pode.

  • Obrigada, Pierre!

  • Pierre Lucena.
    Boa tarde! Gostaria de um esclarecimento, adquiri um imóvel na planta no inicio do ano passado financiei pela caixa, estou pagando os seguros e aguardando a entrega da chave que deverá ocorrer mês que vem, descobri através de um anuncio no jornal que o valor do imóvel quase diminuiu pela metade, os novos compradores não irão pagar as chaves, nem intercaladas, valor que eu paguei e que somam um total de quase 10.000,00 e a prestação do imóvel que era de 799,00 está em 480,00 em 240 meses, ou seja, no mesmo período de tempo que irei pagar.
    Isso é correto? Se não como devo procurar meus direitos?
    Obrigada!

  • Olá, boa tarde!

    Bom, diante de tantas dúvidas venho tentar esclarecer a minha também. Comprei um apartamento com a correção feita pelo INCC, porém notei que a correção feita pela construtora não estava de acordo com a que eu estava calculando, me aprofundando no assunto achei a divergência, os índices adotados pela construtora não estão iguais ao do INCC que peguei no jornal (INCC do IGP-DI FGV), mas olhando em um site o índice realmente era igual ao da construtora. A minha dúvida é: existe alguma diferença entre o INCC do IGP-DI FGV e o INCC-M? Ou todos esses são a mesma coisa? No caso de haver mesmo essa diferença qual seria o índice correto que a construtora deveria usar, uma vez que no contrato só consta INCC (sem DI, sem M)?

    Desde já agradeço e peço desculpas pela total ignorância no assunto.

    Obrigada!

  • Nathália
    São diferentes mas não tão divergentes.
    Dê uma olhada no Ipea Data que o Índice está disponível em sua série histórica

  • Simone
    Algo pode ter acontecido para desvalorizar tanto assim.
    Não conheço caso parecido, ou mesmo formas de ajudar neste caso, já que o que está contratado com você é o valor original.

  • oiiisisisisi

  • Pierre,

    Tenho um financiamento de 30 anos com o HSBC, estou com um saldo no FGTS e gostaria de saber se e melhor antecipar as prestacoes ou amortizar o saldo devedor…o que terei mais vantagem
    obrigada

    • Patricia
      Tente um desconto junto ao banco

  • Pierre,
    Sempre acompanhei o indíce INCC-DI para o cálculo do saldo devedor. Solicitei um extrato dos meus pagamentos junto à Construtora, e o índice que eles verificam para o cálculo é o INCC-60. Procurei na internet e não encontrei esse índice… Se referem ao mesmo indíce ou tem outra variação?

  • Marcia
    Desse aí nem eu ouvi falar

  • Pierre,

    Comprei um apartamento na planta valor 122.000,00. Saldo a ser financiado R$ 97.600,00 (corrigido pelo INCC/FGV) em 30/10/2010.
    Banco que está financiando a obra : Santander.

    Minhas dúvidas :
    1) quando chegar a data para contratar o financiamento o valor não será mais 97.600,00 o banco financia o valor atualizado
    ou eu terei que pagar a diferença ?

    2) Posso financiar desse imóvel junto à CEF dentro desse plano habitacional lançado pelo governo, já que o valor no contrato é de R$ 122.000,00 ? (renda 10 salários mínimos). O imóvel fica em São Paulo – Capital. Ou só posso financiar c/ o Santader ?

    Imóvel comprado em abril/08, previsão para entrega outubro/2010

    Obrigada,

    Renata

  • precisando de 50.000,00 como faco tenho minha casa que hoje vale em torno de 150.000,00 posso ver com a caixa se empresta ou financia nao sei como fazer que documentacao precisarei se for o caso de financiar?

  • fiz um financiamento de material de construção na caixa mas não consegui terminar minha casa com o valor financiado posso fazer outro financiamento se eu pagar o saldo do atual?

  • Boa Noite!
    Existe algum financiamento de material de construção pela caixa onde possa conseguir uns 15000,00 para terminar minha casa sem precisar de planta e podendo parcelar em até 120 meses?

    Obrigada !

  • boa tarde.
    moro em brasilia e os imoveis aqui estao carissimos.. metro quadrado mais em conta 3mil reais. ocorre q tenho uma proposta de um apto para ser entregue em 2011 no valor final de 255 mil (77m2). as condicoes de pagamento sao:
    sinal de 14mil
    29 x 1100
    4 semestrais de 3824
    habite-se de 44 mil
    sfh 105 mil (mais ou menos)
    ocorre que ela me dissse q nao terei aumento nas parcelas ate o habite-se , pois é uma promocao da construtora.
    sera q nao vai me cobrar residuo depois disso
    obrigado

  • Olá Pierre
    Bom dia!

    Muito obrigada pela ajuda.
    Só continuo na dúvida de qual seria o índice correto que a construtora deveria usar, uma vez que no contrato só consta INCC (sem DI e sem M)?

    Obrigada!

  • Só para deixar claro, o que a construtora está utilizando é o INCC-M.

    Segue parte do contrato que fala do índice:
    “… pagável na forma declarada e corrigido pela variação do Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) acumulativamente até as chaves. Após a entrega das chaves serão corrigidos pelo Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M) + 1% acumulativamente…”

    Muito obrigada!

  • Olá, boa tarde.
    Eu e meu marido estamos comprando um apto e já pagamos comissão a área de vendas (corretor) da Empresa Gafisa. Só que agora a construtora Fit, contratou uma assessoria.
    Gostaria de saber se a assessoria pode cobrar valor de serviço do cliente?

    At,

    Obrigada

  • Boa tarde,

    Eu tenho 2 dúvidas sobre o reajuste do INCC, aí vão elas:

    1- Suponha que eu compro um apartamento na planta no dia 30/04/09 e o 1º boleto só terá o vencimento no mes de Junho/09.
    Pergunta: haverá correção sobre todas as parcelas do plano que eu fiz em abril? Ou seja? Terei o reajuste em todos os valores desses meses desde a assinatura(abril) do contrato até a 1ª prestãção(junho)? Ou só será corrigido a partir de junho?

    2- Sobre a correção e o incide do INCC… Estamos no inicio do mes de maio/09 e foi divuldado se não me engano o INCC de março/09, que ficou negativo em -0,25%.
    Pergunta: O valor do INCC divulgado em MAIO referente a MARÇO inside em todo o saldo devedor a partir do mes de MAIO? Ou o que vai incidir em maio ainda será duvulgado? Sendo assim sempre se é corrigido pelo INCC de 2 meses atras?

    2a – O Indice sendo negativo como ocorreu… As parcelas devem DIMINUIR? Ou ela ficam inalteradas? Acho q o correto seria diminuir… Então o q ocorre quando o indice fica negativo?

    Obrigado pela atenção!

  • Gostaria de saber como devo proceder perante a caixa economica federal para me inscrever no financiamento a partir do programa minha casa minha vida, sera que tenho que me dirigir diretamento a uma agencia ou possso me antecipar preenchendo algum tipo de formulário?
    o subsídio complementar disponibilizado pelo governo eu não vou precisar pagar como funciona?

  • Para: pierre@acertodecontas.blog.br
    Doutor Pierre
    O seu blog está de parabéns! Tem sido muito útil para muitos.
    Adquiri um lote com sinal de $2.400 e pagamos 6 parcelas das 48 de $450 atualizadas nos percentuais do INCC e com acréscimos de juros de 1 ao mês. Vimos que as prestações estavam subindo rapidamente. É correto utilizar esse índice na compra de terrenos? Fomos à Construtora e questionamos sobre o INCC e os aumentos ao invés do IGPM e eles nos ofereceram algumas alternativas:
    12 x $1.692,95 sem os acréscimos ou
    24 x $1.049,00 com acréscimos ou
    40 x $711,00
    ou fica como está.
    É melhor mudarmos para o IGPM ou ficarmos com o INCC? E quais dessas alternativas é a mais vantajosa para nós?
    Desde já fico muito agradecida,
    Kátia Silva

  • Ola,
    Comprei um imovel na planta e o mesmo se encontra em inicio de construcao. paguei uma entrada de 80.000 e 9 prestacoes de 1.100 reais. No momento estou querendo desistir por questoes particulares. Porcurei a construtora para solicitar o cancelamento e restituicao do dinheiro de volta. A construtora me passou um monte de desconto que acho ilegal, ela quer me aplicar uma multa contratual sobre o val,or total do imovel corrigido + comissao do vendedor sobre o valor total do imovel ou seja, meu saldo pago corrigido e 98.000 e eles querem me devolver 47.000 um absurdo… gostaria de saber se a cobranca e legal, uma vez que o imovel nem comecou a ser contruido e antecepei uma entrada .
    att

  • Comprei um apartamento no valor de R$ 60.000,00. Entrada + 50 parcelas corridas
    pelo IGPM + 1% mais quatro balões corridos da mesma forma. O valor inicial das parcelas eram de R$ de 470,00 hoje está de R$ 660,00 restam 21 a serem pagas.
    Resta 1 balão onde o valor inicial era de R$ 5.600,00 hoje está de R$ 8.000,00 com vencimento para 2011(Será outro valor).
    Pergunta:
    Se pagar esse balão antecipado tenho direito a desconto?
    Tenho direito a descono das 21 parcelas se pagar antecipado?

  • Gostaria de saber o que significa este valor de subsídio de complemento nos financiamentos imobiliários, porque eu não entendi.

  • Pierre, Tenho um valor a ser reembolsado pela construtora pois o mesmo não pode ser abatido no momento do repasse para a caixa. A contrutora havia me informado que iria efetuar o pagamente deste valor no prazo máximo de 30 dias. Este prazo encerrou e até o momento não recebi o dinheiro. Gostaria de saber se posso solicitar que este valor seja devolvido com juros e correção monetária. Caso sim, como devo informar isto a construtora?
    Obrigada,

  • Olá Pierre, comprei um apartamento com em construção sendo corrigido pelo INCC, o qual foi negativo, em março e abril. Porém a construtora, manteve o valor da parcela, não houve redução. Gostaria de saber se está correto, pois no contrato há uma clausula sobre deflação, postada abaixo. Desde já agradeço.

    CLÁUSULA QUARTA: Reconhecem as partes que o equilíbrio econômico Financeiro deste contrato é protegido pelo artigo quinto, inciso XXXVI da Constituição Federal, assim como significa instrumento hábil para circulação econômica, onde não é dado a qualquer das partes o direito de beneficiar-se em prejuízo da outra, ficando, assim, desde já ajustado que o valor do preço global e, consequentemente, os valores das parcelas de seu pagamento, não se sujeitarão a processos de desindexação, congelamento ou deflação, a qualquer título, mesmo na ocorrência dos seguintes fatores: a) qualquer medida governamental superveniente à este contrato, de vigência definitiva ou temporária, que importe em instituição de novo padrão de valor monetário ou de caráter referencial e/ou nova unidade monetária circulante, com livre curso no país, como meio de pagamento dotado de poder liberatório; b) tabelamento, congelamento, deflação de preços e de obrigações pecuniárias decorrentes de contratos de venda e compra e de construção de imóvel.

  • Olá, eu quero financiar um imóvel já construido (o habite-se ainda não saiu, então entra no financiamento como imóvel novo), o financiamento seria pela CEF, 100% do valor. Mas eu tenho um automóvel financiado que já chega a quase 30% da minha renda. Isso pode influenciar na aprovação do meu financiamento na CEF? Os 2 financiamentos chegarão a quase 55% da minha renda. O que eu posso fazer? Desde já agradeço a atenção.

    • Vem descontado no olerite, caso contrário é só não declarar o financiamento.

  • Gostaria de saber se o FGTS pode ser usado somente para quitar, ou posso utiliza-lo para amortizar o saldo devedor de um financiamento que tenho direto com a construtora.
    obs.: ainda nao peguei as chaves e ainda não foi escriturado. Imóvel residencial.

  • Minha dúvida é a seguinte:Sou funcionário público, e possuo idoneidade financeira, não possuo restrições ao crédito. Sou casado em comunhão parcial de bens, e pretendo adquirir um imóvel através de financiamento junto à CEF, sendo que apenas entraria, para fins de cálculo, minha renda mensal, não entrando a da minha esposa. Minha esposa possui várias restrições junto aos órgãos de proteção ao crédido, mas frise – se: “não figurará na composição de renda, ficando essa somente sob minha responsabilidade”. Pergunto: O fato dela (minha esposa) possuir restrições, pode impedir o financiamento de meu imóvel?

    • Sim, a pesquisa cadastral inclui o conjuguê.

  • Boa Tarde!
    Minha duvida eh a seguinte, estou para financiar uma casa usada e gostaria de tirar algumas duvidas:
    - A vistoria feita pelo engenheiro para liberar o valor solicitado leva em conta quais requisitos?
    - Se a casa tiver dividas, agua, iptu, etc…posso quitar e financiar da msm forma?
    - Se o proprietario da casa tiver dividas em seu nome, pode atrapalhar o financiamento?
    Aguardo retorno.
    Muito Onrigada!

  • Tenho um apto financiado que sofreu uma alteração de juros aplicados na prestação pq não mais sou funcionario desta financeira. A empresa, a titulo de beneficio, ofertava uma tx de juros menor para o funcionário ativo (tal situação consta em contrato). Ocorre que fui desligado desta empresa, a pergunta é se tal clausula é abusiva pois a “quebra de contrato” se deu pela empresa que me desligou e não por minha vontade?
    att

  • Tenho um contrato de promessa de compra e venda com uma Construtora Incorporadora. O contrato diz que daqui a dois anos, quando eu receber a obra concluída, pagarei o saldo devedor do imóvel mediante financiamento com uma instituição financeira X (Banco X ). Antes da conclusão da obra, ficarei pagando 24 parcelas diretamente à construtora/incorporadora. Daqui a dois anos, se outra instituição financeira Y (diferente do Banco X, determinado na promessa de compra e venda) me oferecer condições melhores de financiamento, eu posso abrir mão do financiamento com o Banco X e fazer o financiamento com o Banco Y? Ou fico obrigada a pagar o valor do imóvel à construtora exclusivamente mediante o financiamento do Banco X previsto na promessa de compra e venda?

  • Olá Pierre. Já vi algumas respostas a outros leitores sobre o tal do “valor subsídio complemento”. Mas ainda tenho uma dúvida. Dependendo do típo do financiamento o simulador da CEF calcula esse valor automaticamente sem dar opção de alterar esse valor. Nesse caso o subsídio não seria “obrigatório” e não opicional?

    Desde-ja, agradeço pela atenção.

  • Bom dia Pierre,

    Estou analisando a compra de um lote em um condomínio fechado. Existem 3 opções para financiamento. Todas elas tem correção de 1% ao mês e mais uma das tres opções de reajuste anual:
    1 – Correção pelo IPGDI
    2 – Correção pelo INCC-DI
    3 – Ou dividir tudo em parcelas fixas.

    Gostaria de saber qual a melhor oportunidade atualmente. E saber como fazer esses calculos. Gostaria de montar uma planilha para fazer diversas simulações quanto a valores de entrada e quantidade de parcelas.

    Uma proposta que me fizeram foi a seguinte:
    Valor total: 128.498,43
    Entrada: 20.000,00
    96x de 1.793,00
    Não tenho a mínima idéia de como chegaram nesse valor de parcelas.

    OBS: o financiamento seria pela construtora.

    Muito obrigado.

  • Renata
    1 – Financia o valor total, incluindo a diferença
    2 – Pode utilizar o financiamento mais conveniente para você

  • Aluisio
    Não sugiro que utilize a casa para se financiar. Teria que fazer uma engenharia jurídica, já que não há sistema hipotecário como você quer, no Brasil.

  • Daniele
    Pode sim.
    Mas a CEF vai exigir a planta, como forma de garantia

  • Adriano
    Vai aumentar o valor das parcelas e do saldo devedor.
    Dê uma olhada neste post sobre apartamentos na planta.
    http://acertodecontas.blog.br/financiamento-imobiliario/apartamento-na-planta-no-compre/

    Abraço

  • Nathália
    Pode pegar no IPEA DATA o valor do INCC.
    A construtora vai usar o INCC-M
    Abraço

  • Priscila
    Não deveria ter pago.
    O custo da corretora deve ser da construtora.

  • Anderson Machado
    1 – Desde a formalização do contrato, neste caso, dia 30 de abril
    2 – Ainda será divulgado.
    As parcelas deveriam diminuir sim. Muitas construtoras estão dando uma de João sem Braço e não diminuindo, mas o cliente deve exigir isso.

  • Marta
    Vá a uma agência da CEF.
    Infelizmente ainda não tenho muitas informações sobre o programa.

  • Katia
    Os dois são ruins, mas não se pode incidir INCC na compra de um terreno. Não faz sentido, já que não há custos de construção.
    Quanto aos cálculos, impossível ver como ficaria sem saber os índices futuros, mas sugiro pagar com o mínimo de rpestações.

  • André
    Realmente o desconto está absurdo.
    Sugiro que procure o Procon ou outro órgão de Defesa do Consumidor. Só não deixe passar muito tempo.
    Abs

  • Marcelo Gomes
    Direito não tem, porque o valor da parcela é na data de hoje, mas as construtoras normalmente dão desconto, para receber logo.

  • Bruna
    Dentro do programa novo da CEF, é o valor que o Governo está lhe dando como forma de ajuda.
    Na prática é É um “desconto” concedido à quem tem renda de até 1875 reais. É um dinheiro q o governo dá pra vc no ato da compra pra te ajudar, diminuindo o valor do financiamento.

  • Andreia Leite
    Pode sim, pelo mesmo índice que te cobraram.
    Sugiro fazer a cobrança via advogado.

  • Tadeu
    Mesmo não sendo advogado, tenho certeza que isso é ilegal.
    Denuncie ao Procon.

  • Jussara
    A CEF não vai financiar no seu caso.

  • Pedro Silva
    Pode utilizar o FGTS sim para abater as prestações. Mas acredito que apenas com o Habite-se em mãos.

  • Luis Gustavo
    Não tem problema. Você está financiando, não ela.
    Abraço

  • Elizabeth
    1 – não saberia te informar
    2- Pode quitar sim
    3 – Dependendo da dívida, pode ter problemas sim.

  • Paulo Ferro
    Se você assinou um contrato antes, não podem mudar depois para te prejudicar.

  • G.Braga
    Pode trocar de banco sim, é uma opção sua.

  • Leonardo Veiga
    Não saberia te informar.

  • Oi Fabio
    Não calculamos o valor das prestações.
    Estamos às ordens para outras dúvidas.
    Abraço

  • Bom dia, Pierre!

    1) Acabo de receber as chaves de um imóvel adquirido na planta e tenho dúvidas se é melhor continuar com o financiamento direto com a construtora ou passar para um financiamento com banco. A partir de agora será reajustado pelo INCC + 1% de juros simples.
    O valor do imóvel contratado é de R$ 99.800,00 e foi financiado da seguinte forma:
    Sinal R$ 1.998,00 (Pago)
    Contrato 3 X R$ 999,00 (Pago)
    Intercaladas 6 x 1.598,00 (4 Já foram quitadas)
    Chaves R$ 16.985,00 (Pago)
    Mensais 10 x R$ 999,00 (Pago)
    Mensais 10 x R$ 949,00 (Pago)
    Mensais 10 x R$ 899,00 (Apenas uma paga até agora)
    Mensais 10 x R$ 799,00
    Mensais 10 x R$ 805,50
    Mensais 10 x R$ 705,50
    Mensais 10 x R$ 606,50
    Mensais 10 x R$ 506,50
    Mensais 10 x R$ 356,50
    Mensais 10 x R$ 206,50

    2) A construtora me passou que o juros de 1% é acumulativo, ou seja, no primeiro pagarei 1%, no segundo mês 2% e assim por diante. Está correta essa forma de cálculo?

    Grata!

    • Renata
      Está correta sim. É juros simples.
      Seria pior se fosse composto.
      Vá se financiar no banco, é melhor do que com a construtora.
      A CEF e o Santander são as melhores opções.

  • Bom dia,
    a assinatura do contrato ocorreu em 24/11/2008, a primeira parcela com vencimento em 20/01/2009. Gostaria de saber se é correto a construtora corrigir o meu saldo devedor usando aliquota do INCC dos meses 10, 11, 12 de 2008?

  • Boa noite,
    Pierre quais as taxas que pagamos antes do Habite-se, o que é devido ao adquirente pagar, e o que é devido ao transmitente…A compra foi realizada atraves da Caixa Economica…
    Obrigada!

  • Comprei um apartamento na planta em 2008, assinei o contrato com a caixa em abril de 2009, eu não teria o direito do ipi reduzido???

  • Caro amigo, comprei um imóvel na planta e durante a construção as parcelas são fixas, já as chaves e o valor principal são corrigidos pelo ICC/RJ. Gostaria de saber se o indice de correção (ICC/RJ) é juros sobre juros e se isso não é ilegal. Um grande abraço.

  • Boa Noite,

    Tenho dúvidas em relação ao Saldo Devedor, realizei um financiamento via CEF de R$ 110,000.00 de 25 anos com taxa de 12%aa, e estou pagando atualmente ~ R$ 1.700,00 de parcelas mensais, minha intençao é de começar a reduzir o meu saldo devedor.

    Basicamente dos 1700,00 que pago, “apenas” 500,00 são abatidos do saldo devedor… um absurdo!!! mas é a realidade!

    Por exemplo caso eu junte ~5000,00 a cada tres meses e tente fazer amortizar do saldo devedor, essa operação valeria a pena? Os bancos podem cobrar a TLA ou qualquer outro encargo ainda? Pois dependendo do valor a se abater nem vale pena.

    Abs

  • Prezado amigo:

    Comprei um apto em construção, nao comprei direto da construtora, mas sim do proprietario do terreno que foi pago com umas unidades no predio. Tenho pago pontualmente mas fui despedido depois de 10 anos de empresa. As parcelas estao pesadas no meu orçamento, escrevi a secretaria do dono e ela me disse que pode conversar com ele sobre uma recisão, claro, com prejuizo pra nos que ja pagamos mais de 35 mil em parcelas de quase 3 mil reais. No meu caso, teria alguma soluçao pra nós onde não perderiamos dinheiro em caso de parar de pagar por falta de condições?
    Muito obrigado nesno.

  • Boa Tarde!
    Gostaria de esclarecer algumas dúvidas, assinei um contrato com a construtora Tecnisa, onde a forma de pagamento será:
    Ato R$ 2.000,00 em cheque sem cobrança de taxa do INCC;
    2 parcelas de R$ 75,00, pagas em cheque + 2 boletos de R$ 75,00;
    21 parcelas de R$500,00, sendo que as 5 primeiras de R$250,00 em cheque e o restante em boleto;
    Parcela Única no valor de R$ 6.500,00 na entrega das chaves, daqui a 24 meses;
    Financiamento no valor de R$ 79.350,00 com a CEF.
    As parcelas pagas em cheques não terão reajustes de INCC, mas em boleto sim.
    Gostaria de saber se o que me informaram é correto. Me informaram que posso cancelar o contrato sem prejuízo no prazo de 7 dias corridos; e que eles fazem a pré aprovação no financiamento com a CEF, que poderia ficar despreocupada com o financiamento. Perguntei na CEF, e eles me informaram que algumas construtoras são afiliadas com eles. Isso me acalmou um pouco, mas está correto?
    Aguardo ansiosamente a resposta.

  • Comprei um aptº com entrega das chaves em junho/2009 e saldo a devedor em julho no valor de R$ 176.481,00. Tenho dinheiro aplicado, inclusive em ações que estão em baixa. Qual o melhor a fazer? Quitar o saldo, financiar pelo menos R$ 50.000,00 pelo banco e deixar as ações se recuperarem das perdas. O financiamento seria em 24 meses, pela tabela price+juros+ IGPM+ TR seguros
    Obrigada

  • Por favor, gostaria de saber qual o reajuste permitido pelo governo para aluguéis que vencem em maio e junho. Por favor, peço a resposta em porcentagem.

  • Não tenho Blog, só o email.

  • Pierre, comprei um apto na planta, entrega prevista para Agosto/2009, pagto naquele padrão INCC até as chaves .. após Tabela Price e IGPM … após a entrega vou fazer o financiamento pela Caixa, se a entrega das chaves ocorrer em Agosto e a Caixa demorar pra liberar a minha Carta de Crédito … meu saldo devedor será reajustado com TP e IPGM até que a Caixa libere??? Enquanto a Caixa não libera devo ir pagando as prestações corrigidas com esse indice??
    Obrigada

  • Olá Pessoal!!

    Estou com uma dúvida.

    Fecchei um contrato de compra de um imovel na caixa no dia 30/03/2009, sendo que o habite-se desse imóvel foi feito no dia 30/04/09. Na epoca do fechamento do contrato ainda não tinha sido lançado o programa ‘minha casa, minha vida’. Então não tive subsidio do governo e não tive desconto no registro do imovel. Gostaria de saber o seguinte: Na cartilha do programa ‘minha casa, minha vida’ fala que é contado para o programa todos imóveis com habite-se emitido após o dia 26/03/2009. Será que eu posso refazer meu contrato, de acordo com os novos moldes do programa?

  • Pierre,

    estou comprando um apartamento e pretendo fazer finaciamento parcial pela CEF.
    Minha dúvida é quanto a taxa a ser escolhida.
    Será que compensa mais a pós fixada (8,9% aa + TR) ou a pré-fixada (12,85% aa)?
    Existe alguma perspectiva de brusca alteração da TR nos próximos anos?
    O prazo será de cinco ou seis anos.
    Ficarei muita grata com a resposta.

  • Pierre,
    Comprei uma casa de 200 mil direto pela construtora sendo:
    52 x 2.000,00 reajustado mensalmente pelo INCC e
    19 x 5.000,00 Balões reajustados mensalmentes pelo INCC
    Já quitei os balões e paguei 29 prestações sendo a ultima
    dia 20.05.09 no valor de 2.383,00 tenho um dinheiro guardado e quero amortizar minhas prestações , como só faltam 24x eu pensei em antecipar as 12 ultimas , devo calcular o valor da prestação do dia 20.06 e aproveitar e multiplicar pelas 12 finais ?
    Carol

  • Senhores, tenho a intenção de adquirir imóvel utilizando crétido imbiliário seguindo a tabela SAC.
    Minhas dúvidas:
    1- como funciona a amortização ( e se vale a pena) quando eu dispor de dinheiro extra.
    2- A tabela SAC é a melhor opção? (pretendo financiar em 20 anos.
    forte abraço

  • SR.Boa noite.
    Gostaria de financiar um imovel pela CEF com o valor de R$80.000,00 e gostaria de saber se esse financiamento é feito pela renda bruta ou liquida?pois minha renda bruta é de R$4.100,00,mas possuo alguns emprestimo e minha renda liquida chega somente R$2.100,00
    Atenciosamente

  • Boa noite!
    Tenho um apartamento financiado pela CEF e gostaria de mudar para outro um pouco maior pagando a diferença de preço a vista, gostaria de saber se há possibilidade de transferir o financiamento para o novo apartamento.
    Obrigado.

  • Tenho uma duvida, adquiri um imovel há um ano e que tem previsão de entrega da obra em aproximadamente mais 12 meses.
    Estou interessada em quitar o imovel por uma carta de credito já contemplada (c/ pelo INCC) ou financiamento imobiliario.
    Contudo com o INCC acumulado de 11,56% e taxas de juros para financiamento de aproximadamente 11,3% + TR fico em duvida se a carta de credito ainda é um bom negocio…

  • eu e meu marido demos entrada em um apto de uma Construtora R$3.000,00, temos a pretenção de utilizar o nosso FGTS, atualmente está em R$12.000,00 na entrega das chaves. Consta em meu contrato de compra que o imóvel está avaliado em R$58.000,00. Solicitamos um financiamento junto a CEF, recebemos a informação da construtora que tivemos uma aprovação de R$53.400,00. Recentemente fomos contatados com a informação que devido ao reajuste da INCC o nosso imóvel valorizou e teve um aumento para o valor de R$61.300,00. E que temos que pagar uma diferença de R$4.500,00. Questionei porque pagar se a CEF financiou os R$53.400,00, demos R$3.000,00 de entrada e mais o nosso FGTS R$12.000,00, somam R$65.400,00. Recebemos a informação que a CEF concedeu os R$53.400,00 e já imbutiu junto os R$12.000,00 do FGTS. Até o momento, não assinamos nenhum contrato com a CEF, porém estão nos cobrando semanalmente.

    Por favor, podes me orientar?
    Grata e no aguardo.

  • Fiz um financiamento imobiliário, e no mesmo esta a tabela price, e so agora fui entender e perceber que pagava pagava e o saldo devedor nunca baixava.

    O que devo fazer posso pedir a reanalize do contrato mesmo que o contrato menciona a tabela price ?

    Esse contrato é de 1998.

    É um absurdo o que eu ja paguei desse contrato.

    anderson

  • Se o INCC foi negativo, a parcela deve diminuir?

  • Bom dia, parabéns por este valoroso trabalho de esclarecimentos.
    Eu realizei dois financiamento pela Caixa Ecôminca Federal em 2005. Um deles é de Material de Construção tem á pagar 44 parcelas,e outro para construção mão de obra etc… tem 40 parcelas á pagar.
    Gostaria de saber se e vantagem quitar estes dois financiamentos no valor aproximado de 15.000,00 . Obrigada.

  • Olá,
    Parabéns pelo blog que tem ajudado muitas pessoas.
    Estou negociando um apt pela construtora com valor total de 182.000,00. Darei 115.000,00 de entrada e ficarei com saldo devedor de 67.000,00 para ser pago com parcelas inicais de 815,00 e 8 semestrais de 3.500,00 num prazo de 48 meses.
    No contrato a construtora informa que o reajuste será pelo IGPM + 1%. Se minha primeira parcela será de 815 a segunda será de 815,00 + IGPM + 1%? A terceira será o valor reajustado da segunda + IGPM +1%?E assim por diante?Ou o valor da terceira será o valor reajustado da segunda +IGPM+2%?
    No contrato não está especificando se o saldo devedor será corrigido mensalmente, se for, além das parcelas o saldo também será corrigido de IGPM + 1% todo mês?
    Ainda não consegui entender como ficará o reajuste das intercaladas.Começando com 3.500,00 a segunda intercalada será de 3.500,00 +IGPM de seis meses+6% ( correspondente ao aumento de 1% mensal por seis meses)?
    Pelo li que no seu blog o reajuste pelo IGPM + 1% não é muito bom mas como meu saldo vai ser parcelado em pouco tempo fico pensando se vale ou não a pena comprar um imóvel nessas condições.Tenho receio de perder a oportunidade de comprar um bom imóvel mas também estou com medo de entrar numa fria.
    Estou adiando assinatura do contrato por causa dessas dúvidas e como não posso arcar com consultoria jurídica espero que você possa me ajudar.

    Obrigada

  • Solicito ajuda em uma clasula do contrato do imovel que estou comprando;
    no ato da compra pg de R$ 23.400 e o restante R$205.000 serao acrecidas de juros a atxa de 12%a.a, calculado pelo sistema de Tabela Price.
    Nao concordei com a sistema de Tabela Price e substituiram pelo IGPM.
    Voce concorda?

    Grato…

  • gostaria de financiar uma casa pela caixa,tenho alta movimentação bancária, declaração de imposto de renda, enfim tudo que é necessário, porém minha esposa tem restrição no spc e serasa, atrapalha?

  • Comprei um AP na planta no valor de R$68.182,00 dei de entreda 841,00 e até a entrega das chaves, estarei pagando prestações que totalizará em 5.501,00, no contrato já abatendo esses valores pagos, o valor que eu ia financiar é R$61.840,00 porém a contrutora alega que estou com saldo negativo de quase R$75.00,00 debito maior que o valor do AP. Eles alegam que esse juros é de INCC, porém todos meus boletos mensais sempre vem com reajuste pequenos. Eu tenho que realmente pagar esse juros todo??? Como pode, eu pagar prestações mensais e está devendo um valor maior do que vale meu Apartamento em contrato??? Aguardo com urgência um retorno, pois já estou mexendo com as papeladas para entrar com o financiamento.

  • tenho um finaciamento de uma moto em meu nome, estou com entrevista marcado na CEF para tentar conseguir uma carta de credito de imóvel, esse financiamento que eu tenho pode atrapalhar ?

  • Pierre,
    Tenho um saldo devedor de um financiamento imobiliário com a CAIXA de R$ 35.749,69. Faltam 221 prestações e tenho R$ 9600,00 na conta do FGTS. É vantajoso usar o saldo do FGTS para amortizar o saldo devedor? Ou para amortizar o valor das parcelas? Como faço para calcular?

  • Boa Noite professor Pierre! Parabéns por esclarecer-nos sobre financiamento imobiliário, é bastante difícil encontra um espaço aberto como o do seu blog.
    Estou adquirindo um imóvel com previsão de entrega em dez/2009. Tenho pago algumas parcelas e no contrato diz que uma parcela fixa de R$ 2.000,00 de Julho/09 poderá ser paga utilizando meu FGTS ou outro recurso. Isto realmente pode ser feito? Existem condições para que eu utilize meu FGTS para pagar esses R$ 2.000,00? (tenho 2 anos de FGTS)
    A minha outra dúvida é com realação ao programa Minha Casa Minha Vida da CEF. Poderei financiar utilizando esse programa apesar de o empreendimento estar garantido pelo HSBC? Existem exigências no projeto/planta para a aprovação do financiamento pelo Minha Casa Minha Vida? Tenho renda bruta de R$ 1.600,00 e daria pra financiar certinho tudo como simulado pela CEF com o subsídio do governo, mas preciso saber se é possível!
    Obrigado

  • Esse blog é fantastico. Parabéns!
    Quero aproveitar tb para saber o q seria mais vantajoso eu fazer. Comprei um imovel na planta da CHL.
    Valor total do imovel: R$ 291.840,00
    Forma de Pagamento:
    Entrada: R$15.000
    22 x até as chaves de R$ 500,00
    3 intermediarias ate as chaves no valor total de R$ 12.800
    Entrega das chaves Junho de 2011 – R$ 52.856
    Esse saldo todo sem juros — Indice INCC/FGV
    Essa primeira parte valor total de R$ 91.656
    No caso eu paguei os R$ 15 mil reais da entrada. E tenho disponivel R$ 80 mil reais no momento.
    Meu saldo devedor após as chaves sera de mais ou menos R$ 200.000,00 duzentos mil reais.
    No caso o q seria mais interessante eu fazer??? pegar esses R$ 80 mil e quitar essa primeira parte(chaves/prestacoes e intermediarias) Ou abater esse valor do saldo devedor?
    No caso ano que vem em Dezembro de 2010 terei disponivel mais 100 mil reais.O valor a ser financiado será de 100 mil aproximadamente. O que seria mais interessante eu fazer?!
    Desde já muito obrigado.

  • bom dia. sou solteito e gostaria de financiar um aparatamento no valor de 60.000,00 mil reias minha renda bruta é de 1.500,00, daria uma entrada de 10.000,00
    qual seria o valor da parcela

  • Oi Pierre,

    Estou pensando em comprar um apartamento financiado, mas queria juntar a minha renda com a do meu namorado, pois só a minha renda não dá. Podemos comprar o apartamento juntos sem mesmo ainda estarmos casados?

  • Olá Professor,

    Comprei um apto , e a construtora financiou a obra pelo banco Bradesco, agora saiu o Habite-se e a construtora informa que os proprietários do apto devem realizar o o financiamento bancário pelo banco Bradesco, porém aqueles que escolherem outros bancos , pagará uma multa de R$ 2.000,00 para transferência da Dívida ,e alem disso se passar de 2 meses e não conseguir o financiamento com outros bancos passará a pagar uma multa de R$ 1% do valor do imóvel a.m , porém não consta nada no contrato sobre negociações de financiamento, isso procede??

    Obrigada,

  • Ola professor, por favor, tenho um investimento a fazer peço uma orientaçao, qual a melhor opçao
    R$ 570.000,

    10% entrada
    76 parcelas
    03 baloes
    10% final

    OU

    15% entrada
    76 parcelas
    03 baloes
    e saldo

    OU

    5% entrada
    76 parcelas
    4 baloes
    e saldo.

    Quais seriam os valores em cada caso
    E qual a opcao mais viavel na conjuntura atual
    Grata

  • Estou Querendo comprar uma casa financiada mais
    estou com medo pesso orientações para pessoas que ja fez
    esse tipo de financiamento…

  • Parabéns pelo blog professor, muito esclarecedor, será que poderia me ajudar com as minhas finanças? comprei um apartamento usado (19 anos), financiado pela Cohab sp, na época fiz a transferencia de divida e o funci da cohab me informou que só faltavam 60 parcelas de $900,00. Após assinar, pagar o itbi, fui informado que após o pagamento das 60 parcelas que constavam em contrato, teria um saldo devedor de aproximadamente $80.000,00. Aceitei um outro tipo de contrato corrigido pelo incc, paguei o itbi novamente e magicamente a dívida caiu p 65.000,00, me parcelaram a divida em 210 parcelas de $400,00 e me disseram que a cada 12 parcelas antecipadas teria um desconto de 15%, dúvida: Vale a pena usar o que tenho em poupança cerca de 30.000,00 para amortizar a dívida ou melhor continuar com a parcela que só será corrigida pelo incc? É correto esse tipo de correção p um imovel antigo?

  • Parabéns pela iniciativa!!
    Pierre, sou Professora efetiva na Rede Estadual de São Paulo com uma renda bruta de apenas R$1.900,00 porém não possuo restrições. Quando me efetivei, fui obrigada a me mudar para Americana, onde o valor dos imóveis são altíssimos, pago R$500,00 de aluguel.
    Como sou solteira e não tenho pai e mãe para complementar minha renda, fico constrangida de ir até a CEF para tentar comprar um imóvel. Eu me encaixo em algum programa de financiamento com o novo plano do governo ?
    Agradeço desde já a atenção!!!

  • Acho que este chat esta abandonado….

  • Bom Dia,

    Comprei um ap. finamciamento junto à caixa e a obra não foi concluida, mas ja peguei as chaves, e as parcelas a construtora que esta fazendo o pagamento ref. o finamciamento ( Parcelas de Juros) esta pagando para caixa.

    Devo ficar na minha??

    Qaundo vou pagar??

    Obrigado,
    Rodrigo

  • Olá,

    tenho um lote num condomínio fechado de casas aqui perto de Fortaleza. Minha dúvida é: posso contratar uma construtora para fazer a casa e após terminada a mesma eu quitar meu saldo devedor com ela utilizando um financiamento bancário? Pergunto porque um corretor me disse uma vez que muitos bancos não fariam essa operação. Agradeço a atenção.

    Ivan.

  • Boa tarde. Comprei um apartamento na planta e a construtora informou que irá atrasar a obra. Assim, gostaria de saber como ficam as parcelas das chaves e do financiamento? Serão suspensas até a entrega da obra? Irão enviar parcelas mensais até a entrega e posteriormente abaterão do saldo final?

  • Olá Pierre gostaria de saber o q vc acha sobre o credito Associativo?
    E se ele é um bom negócio para quem compra um imovel na planta.

  • Prezados,
    Gostaria de saber se é correto, no caso da compra de um imóvel na planta, a cobrança do INCC e do ICC. Em que casos se aplicam a cobrança desses índices?

    Obrigada.

  • Olá Pierre.
    Eu estou adquirindo de uma amiga. Assumirei uma dívida de 78.008,01 junto à cohab, sendo parcelado pelo programa 1000 a taxa de juros zero, só incluindo seguro de + ou menos 40,00 em cada parcela.
    Serão 222 meses de 391,90 e a atualização é pelo incc-m, uma vez ao ano. Existiria alguma forma de calcular a parcela para saber quanto ficaria na metade do financiamento e no término? Apenas para ter uma idéia.

    Agradeço desde já.

    Abraços,

    Thiago

  • Caroi Pierre,

    Meu pais celebraram um contrato de financiamento com a CEF em 1989. Cumpre-nos esclarecer que todas as parcelas foram pagas até a última boleta ( 16 anos ). Depois a CEF, mantou um comunicado avisando que existe um rescido de à época, ou seja, Julho/2005, de R$253.587,67. Assim, pergunto-lhe, em uma eventual conciliação, existe alguma legislação que determina, regulamenta a concessão de desconto para quitação de débito. Os mutuários tem idade superior a 77 anos. Apenas a título informativo, a última parcela paga tinha como valor algo em torno de R$590,00, já a primeira parcela que a CEF enviou sobre o resciduo era na ordem de R$4.953,62. Aguardo por notícias. Obrigado

  • Caro Pierre,
    há 2 anos fiz um credito imobiliario pelo Santander, fui “obrigado” a engolir uma cesta de produtos que estavam no pacote do credito imobiliario. Porém o atendimento/suporte deste Banco é horrível, gostaria de saber se é possível efetuar troca do financiamento para outro Banco (tenho conta no Bradesco a mais de 15 anos e sou super bem atendido).

  • Olá Pierre, em julho de 2007 comprei um apto na planta com parcelas corrigidas pelo INCC. Sempre que peço um demonstrativo de pagamentos para a construtora, percebo que além de ser um demonstrativo muito confuso, eles utilizam o sistema PRICE para aplicação da correção das parcelas. Isso é legal ou cabe um pedido de revisão? Um outro detalhe é que o plano de pagto prevê uma parcela final na entrega das chaves, que será paga através de financiamento bancário. Segundo o contrato, consta o seguinte: “…R$ 192.041,00 em uma única parcela de R$ 197.559,75 já acrescida de juros de 12% o ano, contados a partir de 01/05/2010, vencendo-se em 20/08/2010, só que o valor desta parcela hoje está em R$ 231.420,00 (INCC através da tabela PRICE). Isso é legal? Grande abraço e obrigado,
    Jadison

  • Olá Pierre Bom dia. Ontem fui dar uma olhada em um apartamento da região ( SUZANO ), construido pela MRV. A corretora me informou que seria dada uma entrada de 2.500,00 e que eu teria que trazer documentos para comprovação de renda. Porem caso minha ficha não fosse aprovada pela caixa economica federal eu perderia esta entrada. Isso é permitido??
    Outra duvida quanto a entrevista de crédito. Tenho algumas restrições no banco a qual estou renegociando, ela disse que se eu apresentasse um comprovante do acordo ja seriviria, porem essas dividas de banco foram de cheques emprestados para o meu pai e alem do mais tenho o financiamento do meu carro, e um carro financiado em meu nome que é do meu irmão que esta pagando. Outro problema, Não sou registrado pois sou microempresario e a empresa não esta no meu nome e sim do meu sócio mas tenho total condições de comprovar renda com compravantes de pagamento. Mas estou querendo registrar minha carteira para que facilite o financiamento. Os analistas de créditos pedem tempo em carteira para poder efetuar um financiamento pela caixa???? Gostaria que o senhor me esclarecece essas duvidas sem mais orbigado PIERRE.

  • Olá Pierre,

    Gostaria que vc me tirasse umas dúvidas sobre a compra de um apto que eu meu noivo fizemos:

    Compramos um apto na planta em março de 2007 no valor de R$86.950,00.
    Como a Caixa Economica liberou somente R$75.000,00 para financiamento, meu noivo teve que dar uma entrada de 5000 mil e pagou durante a obra tres parcelas intermediárias de R$ 2000,00 e poucos reais para a construtora.
    Em março desse ano foi entregue as chaves e junto com ela veio o valor do INCC de mais de 5000 reais. Tivemos que pagar, apesar de o contrato dizer que o INCC somente seria cobrado quando saísse o “habite-se”, o que ocorreu somente agora no final de julho/2009 e assim que saiu o “habite-se” chegou nova cobrança da construtora de diferença de INCC alegando que o funcionário havia feito o calculo a partir do mes errado (começou em jun/07, uma vez que deveria ter começado em fev/2007) e esta cobrando agora mais 2500 reais de INCC. No contrato realmente diz que INCC seria cobrado a partir do 1º dia útil do mês anterior da assinatura do contrato. Não sabemos ao certo como chegar ao valor final cobrado de INCC, mas estranhamos o fato de que em 21 meses foi cobrado 5000 reais e agora querem cobrar mais de 2000 reais por 4 meses. Estamos achando que a construtora está cobrando os 4 meses desde a entrega da chave até a saída do habite-se. Ela pode fazer isso?
    Gostariamos de saber tb sobre qual valor de ser cobrado o INCC: valor total do imóvel ou sobre o saldo devedor?

    Aguardo sua reposta,

    Obrigada,

  • estou com dúvidas entre financiar um imóvel pera CEF ou pela construtora. Vocês poderiam me ajudar apontando os prós e contras? Outra questão é sobre a amortização das prestações. Como isso ocorre em relação as duas alternativas. Existe diferença de descontos entre elas?

    Fico no aguardo e desde já meu muito obrigado.

    J.Elias
    11 2083-2038
    11 7711-5897

  • Estou pensando em adquirir um apto no valor de R$- 218.000,00 na planta. termino em 24 meses – entrada 2.000,00 + 24 x de R$- 1500,00 + 2 prestações balão de R$- 7000,00 (anual) e valor de R$- 21.348,00 na entrega das chaves, restando um saldo de R$- 130.000,00 a ser financiado na entrega do apartamento.
    Pelo que entendi quando do termino da obra, calculando como se fosse de janeiro de 2007 a dezembro de 2008, eu teria um saldo de R$- 201.000,00 para pagar (ultima prestação de 21.348,00 + saldo de R$- 130.000,00) será que meu calculo está correto? Eu fui atualizando o valor total mes a mes e descontando as parcelas já atualizadas…

    Obrigado pela atenção.

  • Pierre, encontrei o apartamento que estava procurando, porém ele já é financiado (transferência) e eu gostaria de saber como posso fazer para compra-lo utilizando o financiamento da caixa e o meu fgts?
    grato.

  • Olá!!!
    Comprei um apartamento na planta e a obra é financiada pela Caixa por um programa chamado crédito associativo onde a assinatura é feita antes do início das obras. A construtora cobrou uma reajuste (INCC) sobre o valor de financiamento e FGTS referente a data de assinatura com eles e a com a Caixa (no caso 2 meses), isto é correto? Já que a assinatura não dependia de mim e sim deles conseguirem formar um grupo com a quantidade de pessoas estipuladas pela caixa. Outra questão, após a assinatura com a Caixa eles podem cobrar reajustes pelo INCC ou somente os juros mensais do financiamento?
    Obrigada

  • comprei uma casa financiada pela caixa a um ano e não estou conseguindo pagar, já pedi férias no emprego e paguei 2 parcelas em atraso, que ficaram muito acima do valor que seria pra pagar, estou sem poder pagar novamente, posso desfazer o contrato, tenho direito de receber o que dei de entrada e as parcelas pagas ou não.

    • Voce pode requerer a rescisão contratual, a qual é prevista em contrato. A construtora terá o direito de reter um percentual (entre 10 à 30%) à título de ressarcimento de despesas. Via de regra existe cláusula de rescisão constando o percentual do desconto e o número de parcelas para devolução das quantias pagas. É ilegal qualquer disposição contratual que implique na perda das prestações paga.

  • Olá.

    Estou com dúvidas sobre onde contratar um empréstimo para aquisição de imóvel novo, se na CAIXA ou no BRADESCO. A Caixa me oferece juros efetivos de 9,5% a.a + TR, por 08 anos, forma de amortização SAC, num custo efetivo total 10,67%, desde que eu abra conta conta corrente e adquira cartão de crédito.

    A proposta do Bradesco é similar, mas sem os outros serviços bancários. Outra diferença é que a amortização do Bradesco é mensal, enquanto na CAIXA é anual.

    Por qual deles optar?

    Obrigado desde já.

  • Comprei um imovel na planta no dia 28/06, gostaria de saber se o INCC que devo pagar é integral do mes ou proporcional aos tres ultimos dias?

  • Meu marido está fazendo um financiamento de um imovel usado, com uma imobiliaria só que o corretor está pedindo 10% do valor do imovel adiantado. Ele falou que é pra dar andamento aos papeis do finaciamento e que depois me devolve o dinheiro, estamos desconfiados. Queria saber se é certo ou não. Obrigada

    • Filha que já viu pegar dinheiro para devolver, isso aí tem coisa errada.

  • Ola, estou fazendo um financiamento na cef,eu e minha companheira.( uniao estavel) , gostaria de saber , se somos obrigado a somar nossos rendimentos,pois se for so no salario dela os juros sao menores,pois se juntarmos nossas rendas os juros sao bem maiores,podemos fazer esse financiamento so usando a renda dela? muito obrigado.

  • Bom dia,

    comprei um imóvel da Gafisa em 2006 e a obra atrasou, ainda não foi entregue. A Gafisa está cobrando correção pelo IGPM + 12%, ao invés do INCC, pois a data da parcela das chaves tinha vencimento em 01/08/2009. Isto está previsto em contrato, mas não seria uma cláusula abusiva uma vez que a obra não foi entregue e não tenho como pegar financiamento imobiliário, já que a Gafisa não possui a documentação necessária? A Gafisa alega que eu estava ciente e que tenho que cumprir com o contrato, que poderia ter pago com recursos próprios. Para mim não faz sentido nenhum quitar uma obra que não foi entregue. Qual o interesse da Gafisa entregar a obra no prazo, se pode lucrar com os juros?

    Marina

    • marina, estou com o mesmo problema seu,gostaria de saber se voce conseguiu negociar com a Gafisa.

  • Meu pai comprou um apartamento pela CFIAe e com financiamento da Caixa Economica Federal, acontece que ele atrasou algumas prestacoes e com isso fez acordo para pagar uma prestacao atual e uma atrasada com o envio de boletos, só que o boleto atrasado só seria enviado se houver pagamento do boleto atual, mas as prestacoes atuais aumentaram absurdamente por causa de um seguro de vida vinculado ao financiamento, sendo que o valor do seguro de vida era no valor de R$ 40,00 e agora veio com valor de R$ 500,00, e para espanto a prestacao do apartamento é de R$ 300,00 com isso ele está em atraso novamente, como pode uma parcela do seguro de vida ser maior que o valor da prestacao do apartemanto? Nos ajude por favor. abracos

  • Após a carta de crédito da CAIXA ter sido aprovada, fui demitida. Nesse período encontrei o imóvel. O que acontece nesses casos?

  • Comprei um apto que será entregue em 04/2010, tenho que dar um valor de R$23.000.00 de chaves esse valor pode ser agregado ao restante que tenho que pagar em finaciamento que farei CEF.
    Até a entrega das chaves estou pagando direto para construtora.

    Grato!

  • Caro Pierri achei seu blog muito interressante e parabenizo e ja divulguei para varios amigos, ve alguns comentarios seu onde fala da ilegalidade da cobrança do INCC apos a entrega do imoveis te pergunto , ja existe Jurisprudencia da ilegalidade da cobraça desse indice(INCC) apos a entrega do imovel. Grato

  • Minhas parcelas são corrigidas pelo IGP-M (acumulado – 12 meses) , ocorre que neste ano deu negativo, esta redução deve ser repassada ou as parcelas continuam no mesmo valor.

  • Boa Tarde,

    Gostaria de saber qual é a melhor opção para comprar um imóvel: 1) financiamento pela CEF ou Consórcio pelo BB.
    Sou funcionário público federal e portanto pela simulação que fiz na CEF os juros efetivos seriam de 8,2% + TR e a taxa de administração do BB de 16%.
    Minha grande dúvida é em relação as correções. Uma com base na TR e outra no INCC. Em 2009 a TR aculada está em 0,65% enquanto que o INCC em 2,63%. Isto é o acumalado no ano deve dar por volta de 1.1% para a TR e 5.1% para o INCC. Sendo que se eu for contempaldo no consórcio a parcela continua sendo reajustada, mas não sei se meu imóvel vai valorizar na mesma proporção.
    Sinceramente não sei o que decidir.

    Obrigado,

    Leonardo

  • Boa Noite!
    Comprei um apto. em construção, onde era cobrado o indice do INCC durante a obra. Assim que saiu o habite-se em abril, a construtora passou a cobrar o IGPM (que está negativo, então ficou zerado – s/reajuste) + 1%am sobre o saldo devedor até a assinatura do contrato de financiamento. Isso aconteceu nos meses de maio, junho e julho, onde o apto./edifício estava hipotecado para o Bradesco. Em agosto a construtora pagou a hipoteca e neste mês não cobrou o 1% nem IGPM, pois a documentação do finac. ficou parada por “culpa” deles. Agora, setembro, demos andamento ao processo de financ. e a construtora não está cobrando mais o 1% e eles alegam o seguinte:

    Conforme expliquei , o reajuste dos valores seria realizado até a data da assinatura do contrato entre o cliente (que seriam vcs) e a Caixa, como está demorando muito a efetivação da assinatura e sabendo que não é culpa do cliente e sim da demora da Caixa economica, a construtora paralisou o reajuste em agosto, pois não seria justo com o cliente que o valor seja reajustado, então, em tese, estamos arcando com os custos junto com o cliente.
    Se fossemos reajustar o valor para setembro seria IGPM + 1%am sobre aquele saldo que lhe passei.
    É certo cobrar este 1%, mesmo não constando isso no contrato de compra e venda?
    Se estiver errado a quem posso recorrer?

    Obrigada!
    Thabata

  • Olá, você encaminhou uma dúvida sobre compra de imóveis ao Blog Acerto de Contas.
    Como recebemos muitos emails e dúvidas no blog, todos os dias, estamos retomando nossos chats para que os leitores tirem dúvidas.
    Nesta próxima terça, dia 6 de outubro, às 10 horas, você pode entrar e tirar sua dúvida.
    O link é o seguinte:
    http://acertodecontas.blog.br/financiamento-imobiliario/chat-sobre-imveis-e-financiamento-imobilirio-na-tera/
    Te aguardo lá.
    Obrigado

    Pierre Lucena

  • Gostaria de um esclarecimento. Comprei um imovel na planta e o financiamento era apenas pelo unibanco que tinha um acordo com a construtora santa Cecilia. O contrato foi assinado em abril de 2009, mas a aprovação do meu nome e o financiamento só saiu em agosto de 2009 devido a unificação do itau com unibanco. Em agosto meus cheques de entrada foram depositados sem nenhum problema. E venho depositando mensalmente o valor das prestações de setembro para cá na conta que o unibanco abriu em meu nome. Porém tenho sido pressionada pelo unibanco a pagar as prestações referentes a maio, junho, julho e agosto com ameaça inclusive de cancelar meu contrato. Isso pode ser feito? Acho que só a partir do credito aprovado e liberado é que minha divida se inicia. Eles dizem que não, que é a partir da assinatura do contrato. Porém eu nem tinha a quem pagar na época, eles afirmam que eu deveria ter reservado esse valor para pagar tudo de uma vez quando saisse o financiamento. O que fazer? Isso é certo? realmente devo pagar prestações antes de saber se meu credito seria aprovado? Os depositos que fiz referentes duas prestações não foram abatidos em nada, estão na conta e eles não mexem. Esta lá parado. O que fazer?

  • Boa tarde: Gostaria de saber se alguém sabe me responder o seguinte: Estou comprando um imóvel usado pela Caixa Econômica Federal, levei a documentação necessária e paguei pelo serviço de vistoria por parte da engenharia, gostaria de saber sem tem um prazo determinado para esta vistoria, pois dei entrada na Caixa no dia 17/09/2009, pagando inclusive a parte do engenheiro para a devida vistoria que foi de R$ 250,00 (duzentos e cinquenta reais), ficaria grato se alguém pudesse me orientar, desde já muito obrigado.

  • Comprei um imóvel que deveria ser entregue em fev/09.
    Ele foi entregue em março de 09 para os compradores que apresentaram a documentação a caixa,por minha culpa não consegui a documentação a tempo.
    Infelizmente a caixa nem quer falar comigo enquanto a contrutora não conseguir a matrícula individualizada do imóvel.
    E até hoje out/09 meu saldo devedor vem sendo corrigido pelo INCC ,isto é correto?
    Isto de demora para concessão da matrícula individualizada ocorre por culpa das autoridades,cartório ou é algum tipo de golpe para a construtora ganhar mais?

  • Vendi um apto que estava financiado pela Nossa Caixa com saldo devedor de R$ 12.000,00, onde a Nossa Caixa era a hipotecária e a Caixa Economica tem uma cuação hipotecária sobre o imovel,porém o comprador fez o financiamento pela Caixa . Tudo certo e aprovado quando agora somos surpreendidos pela caixa dizendo que não tem como emitir o contrato para assinarmos porque não há em sua minuta padrão de contrato a clausula que informa que a hipoteca esta sendo baixada pela Caixa e Nossa Caixa e informam que não há prazos para que o problema seja resolvido.
    O que faço?

  • Gostaria q me tirassem uma duvida,o apto de minha irmã foi leiloado,seu valor é de aproximadamente 200.000.00,foi arrematado por 104.000.00,acontece q ele está quitado e foi a leilão por causa de um tal de residuo no valor de 30.000.00,gostaria de saber o seguinte,ela não sabia q teria q quitar esse tal residuo e qdo isso aconteceu não tinha dinheiro,enfim minha duvida é a seguinte pesquisei casos q mesmo o apto tendo sido leiloado o juiz reverteu essa sentença e o devedor pode negociar essa divida,inclusive dividindo,gostaria de saber como posso proceder a isso,vendo q minha irmã deixou chegar a esse ponto….

  • Pierre, adquiri um apartamento da construtora MRV assinei o contrato com a referida contrutora mas não com a CEF. Tive um problema e sinto que não poderei arcar com as prestações e procurei a MRV para ver a possibilidade de rescindir o contrato. Dei uma entrada de 3 mil reais. Fui informado que deveria pagar 8% ( aprox 7,500 reais) do valor do apartamento (91 mil reais). Fui também informado que se for recusado pela CEF o meu financiamento terei que pagar este mesmo valor. A minha pergunta é esta cobrança é abusiva?

  • Por favor ! Gostaria de tirar uma dúvida, com relação á AVALIAÇÃO do imóvel pela CEF. Se o valor do Imóvel oferecido pelo o vendedor , ñ for compátivel com á AVALIAÇÃO da CEF. Qual seria o procedimento de aceitação de ambas ás partes.

  • Se eu apresentar condições de pagamento, se os documentos da casa estiverem corretos e eu nao possuir outro imovel, há algum fator que impeça a liberação de finaciamento por parte da caixa? ( a gerente da caixa me disse que se o juridico fizer uma analize contraria pode.)

    • o nome do vendedor tbm tem que estar limpo e se ele for casado, o conjuue tbm tem que ter onome limpo , assim como vc, s efor casado sua esposa tbm tem q st com o nome limpo.

  • Boa tarde!
    Adquiri um imovel novo pela construtora tenda ja pronto,me deram um boleto no nome do condominio e não da tenda(me informaram quando questionei sobre está em nome do condomnio e não da tenda,que cada empreendimento tem um cnpj,está correto?)
    è correto a construtora cobrar entrada antes de ter a certeza que o financiamento do imovel do cliente será aceito pela caixa?Caso não seja aprovado,como reaver o dinheiro de volta?qual o prazo para te darem um retorno quanto ao financiamento?desculpe-me mas tenho muitas duvidas e agradeço desde já pela ajuda.

  • caso fincancimento seja recusado pela caixa,tenho que pagar os 30% sobre o valor da entrada dada á construtora ou sobre o valor do imovel?é correto a cobrança?visto que a recusa do financiamento foi contra a sua vontade,ja que não tem restrição alguma.

  • Bom dia Rapazes,
    Gostaria de saber se posso trocar o financiamento ja aprovado de uma casa para outra?
    ABRAÇO.

  • Boa Tarde,

    comprei um imóvel na planta esse mês no valor de R$ 84.000,00 e obtive o subsidio maximo do Programa Minha Casa Vida de R$ 17.000,00. Dei R$ 10.000,00 de entrada e sobrou R$ 57.000,00 para ser financiado pela CEF quando receber as chaves em Março de 2011. Minha pergunta é a seguinte: Após efetivar o financimento e começar a pagar as prestações da CEF eu já posso vender para outra pessoa, ou há um prazo mínimo para transferencia? A CEF fará um novo cálculo de financimento? Nesse caso a pessoa terá que arcar com o ITBI, não é isso? Há alguma outra taxa a ser paga para realizar esse processo?
    Muito obrigada!!

  • Ola tenho crediarios em algumas lojas e quero fazer um financiamento na cef sera possivel.Obs:minhas contas estão todas em dia.
    Obrigada

  • É normal assinar toda a papelada da caixa e não ficar com nenhum documento?
    E com quanto tempo pego a chave da casa após ter assinado o contrato e o valor do financiamento estiver na conta do vendedor?

  • Boa Tarde
    tenho uma dúvida e gostaria que vc pudesse me ajudar ,então estou interessada em compra um terreno ,mas o problema é que ele é financiado e o dono , quito apenas a metade. Enfim minha duvida é se é possivel o dono passar o financiamento e o terreno para o meu nome ou a única solução é eu fazer um refinanciamento ou pagar a vista?
    obrigada

    • Elaine, o financiamento pode ser repassado para outro titular, desde que o financiador (banco ou incorporador do imóvel) aceite. Não feche contrato apenas com o atual dono.

  • Comprei um imovel pela MRV e minha “ficha” esta em aprovação na caixa. O pessoal que eles contratam para agilizar o processo me disse que está tudo OK com meu contrato, mas estou na lista para assinatura em Dez/09…. Porem estou querendo adquirir um carro , e esse pessoas me disse que eles tem um tal de PF3 que é uma ficha onde consta tudo que tem no meu nome e no nome do meu marido uns dias antes da assinatura do contrato, e caso apareça o financiamento do carro eles podem não liberar.
    Estamos entrando somente com a renda do meu marido, relamente não posso comprar o carro até a assinatura? Nem no meu nome?

  • Tenho um financiamento de terreno pela CEF. È possível alterar esse financiamento incluindo o financiamento para construção? A CEF preve a possibilidade de financiamento para aquisição de terreno e construção. Mas na época não consegui preparar as exigências da CEF para construção e na pressa para adquirir o terreno fianciei somente este. Agora preciso de finaciamento para construir? Existe alguma possibilidade?

  • Tendo empréstimo consignado, a CEF reprova de 1ª o financiamento habitacional ou condiciona a aprovação mediante quitação desse empréstimo? como seria feita a aplicação dos 30% para financiamento? (exemplo: salario de 1000 e emprestimo consignado de 100?)

  • favor quando e como é feito o pagemento do subsidio da caixa?obrigada

  • Prezado amigo,
    comprei uma casa no valor de 135.000,00 onde dei uma parte e financiei o restante pelo bradesco. Estou querendo quitar a casa e gostaria de saber se existe um desconto. Me informei com o banco e eles me passaram o seguinte:
    Valor financiado-107425,00
    valor pago-9 x 1274,22 = 11467,98
    valor para quitação= 107030,47
    paguei ja 11 mil reais e não tenho nada de desconto?
    está correto isso? acho sacanagem!
    aguardo sua ajuda! obrigado

  • Estou comprando um imóvel e pretendo financiá-lo pela CEF. O meu cadastro está sem pendências, o do vendedor, de acordo com as certidões negativas apresentadas também. Agora a CEF está querendo impedir o financiamento do imóvel alegando que o vendedor tem uma divida com a própria CEF relacionada a Cheque Especial e Cartão de Crédito. Pergunto: Se a operação de crédito vai ser realizada comigo que tenho a situação OK, pode a CEF condicionar o pagamento de dívida que não tem relacionamento com o imóvel, para liberação do financiamento? A dívida é de 4000 reais o imóvel vale 190 000 e sobre o imóvel não pesa nenhuma alienação a não ser a da própria CEF. Obrigado.

  • Olá Pierre…
    Meu noivo e eu compramos um apto na planta em out/2008 com previsão de entrega em fev/2010 quando então pagaríamos as chaves e entrariamos com o financiamento junto a cef. Porém, a obra está atrasada e será entregue somente em jan/2011, mas já estamos iniciando o processo junto a cef e nos foi informado pela goes assessoria (responsável pelos tramintes junto a cef) que após a abertura de conta na cef até sair o finanaciamento, teremos que pagar parcelas de até 40% do valor da parcela a ser financiada conforme o avanço da obra, valor esse que será repassado a construtura, por é financiamento associativo. Gostaria de saber a que exatamente correspondem essas parcelas que teremos que pagar, pois não fomos informados anteriormente e o atraso da obra não é de nossa responsabilidade, além disso nos informaram que essas parcelas até o financiamento não serão abatidas do valor a ser financiado. Que taxa é essa e temos mesmo que pagar?

    Grata.

  • Ola Dr Pierre,

    Estou comprando um imovel usado que tem um alvará que autoriza a venda deste, pois existe um processo em arrolamento devido a morte do proprietario, sua esposa é a requerendo no processo junto com sua filha (maior) unica do casal. Mas a Caixa Economica não aceitou o alvara pois precisa constar que a mesma tem poder para movimentar contas do espolio.
    Pergunta: Este tramite é normal e é possivel a troca do Alvará ou assinatura de um aditivo, pois fiquei muito confuso com esta recusa da caixa?
    Obrigado,

  • Gostaria de saber, quero financiar um apartamento eu e meu noivo, só que já participei de um financiamento da caixa mas não sou a titular, posso fazer este financiamento?

  • Comprei um imovel, dei entrada de 30% à vista e já assinei o contrato junto a CEF, só que o proprietário só quer liberar a mudança depois que a documentação toda for liberada, é correto?

  • Em 1991 financiei apto pelo SFH. EM 96 vendi para terceiro através de contrato de gaveta, sem passar pela CEF e pelo registro de imóveis. Este terceiro não pagou IPTU, CONDOMINIO e as prestações do financiamento. Em 2006 o imóvel foi a leilão e arrematado para pagar dívida de condomínio. Ficou uma dívida vinculada ao meu nome na CEF que hoje está com a EMGEA. Pergunto: Posso comprar outro imóvel usando somente recursos próprios e FGTS sem usar financiamento, já que não tenho imóvel no meu nome?

  • Prezado,

    Gostaria de saber se estou financiando um imovel pela caixa apos pagamento da taxa do IPI quanto tempo demora( em media) para assinaturas da escritura e deppois levar para registrar o imóvel?

  • Ola Dr. Pierre,
    Financiei uma casa no ano de 2008 pela Caixa Economica Federal e o valor do financiamento foi de $64.300 em 20 anos.
    De inicio os pagamentos estavam sendo feitos nas datas mais montei uma empresa que veio a me dar prejuizos ai atrazei algumas prestações (03), a caixa nos chamou e fizemos um acordo ela iria diluir o valor que estava atrazado mediante as prestações que iriam se vencer, as parcelas já eram anteriormente altas e passaram a ser mais altas ainda, foi cobrado um juros exorbitante mais fizemos isso por medo de perder nossa casa,bem quando foi agora recentemente não consegumos pagar novamente eu fiquei desempregada ficou só a renda do meu marido atrazamos desta vez mais parcelas (06) desta vez, acaixa nos procurou novamente disse que seria a ultima vez que faria este acordo caso não pagassemos iriamos ter de sair da casa fizemos novamente o acordo porém me senti lezada pois o valor do financiamento que era de 64.300,00 agora estava em 68.000,00 então as parcelas que eu havia pago não deveriam ter sido abatidas?por que esse valor não foi amortizado? estou devendo mais do que quando financiei como devo proceder neste caso já que os juros estão superando o valor do meu financiamento.
    as parcelas cada vez mais alta e um juros que não tenho condições de pagar, oque faço me ajude por favor.
    Desde já lhe agradeço.

  • ola, tenho um credito aprovado na caixa economica de 80.000,00 no plano minha casa minha vida,para comprar uma casa nova,entao encontrei a casa e os engenheiros avaliarao ela em 84.000,00,agora o que devo fazer para nao perder este plano com tudo ja aprovado.obrigado.

  • Assinei contrato com a MRV em maio de 2009,comprei o imovel na planta,e a data prevista para entrega e 03/2011,podendo ser prorrogado por 6 meses.Quanto tempo a caixa tem que assinar contrato comigo?

  • Para comprovar que não tenho imóvel em meu nome, como faço para firmar declaração formal negativa de imóvel?

  • dei 2,500 de entrada num financiamento de uma moto. fui aprovada no crédito. gostaria de saber se eu posso cancelar esse financiamento e pegar o dinheiro de volta. cancelar o financiamento com 3 dias de aprovação.

  • Gostaria de comprar um apartamento de 265mil e financia-lo pela caixa, mas não possuo entrada, o que posso fazer?

  • Professor,
    Vendi um aptº em junho/09 por R$ 110.000,00 livres, a serem pagos R$ 64.400,00 no ato do contrato e R$ 45.600,00 qdo. da liberação do financiamento bancário.Ocorre que, houve a necessidade da retificação da partilha do imóvel e o processo de financiamento está na Caixa Federal e até o momento, não assinei o contrato. Nesse periodo, os imóveis tiveram uma supervalorização,e, o preço desse imóvel hoje, já está em torno de R$ 140.000,00. Minha pergunta, tenho alguma opção para não sofrer esse prejuízo?
    Agradeço atenciosamente.

  • AVISO: O blog montou uma rede social para tirar as dúvidas dos leitores. Além disso estará promovendo chats para tirar dúvidas. Então se quiser tirar sua dúvida, se cadastre na nossa rede que será avisado dos chats: http://acertodecontas.ning.com/ Lá poderão também encontrar material sobre o assunto

Enquetes

Em relação às punições de corruptos...

Ver Resultado

Loading ... Loading ...

Frase do dia


  • “O homem de bem é um cadáver mal informado. Não sabe que morreu.”
    Nelson Rodrigues.

ARQUIVO

setembro 2014
S T Q Q S S D
« set    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

Informação com Humor

MARCO BAHÉJornalista
É formado em Jornalismo e pós-graduado em História Contemporânea e História do Nordeste do Brasil. Foi repórter da Gazeta Mercantil para os estados de Pernambuco, Alagoas, Paraíba e Rio Grande do Norte. Também atuou como repórter do Jornal do Commercio, editor da Folha de Pernambuco e repórter especial do Diario de Pernambuco. É correspondente da revista Época no Nordeste desde 2003. Tamb´m atua com publicidade e marketing eleitoral desde 2004.
PIERRE LUCENADoutor em Finanças
É doutor em Finanças pela PUC-Rio e mestre em Economia pela Universidade Federal de Pernambuco. É professor adjunto de Finanças da UFPE e foi secretário-adjunto de Educação de Pernambuco. É autor de vários trabalhos publicados no Brasil e no exterior sobre o mercado financeiro, e participa como revisor de várias revistas acadêmicas na área. É sócio-fundador da Sociedade Brasileira de Finanças. Foi comentarista de Economia do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (TV Jornal e Rádio CBN). Atualmente é coordenador do curso de administração da UFPE, e Coordenador do Núcleo de Estudos em Finanças e Investimentos do Programa de Pós-graduação em Administração da UFPE (NEFI).