Construtoras oferecem presentes aos conselheiros do CDU no dia da votação do Novo Recife

dez 29, 2012 by     39 Comentários    Postado em: Política

O que está acontecendo nesta cidade é de arrepiar.

A gestão de João da Costa está acabando, como não poderia deixar de ser, da forma mais melancólica possível.

Como se não bastasse a desordem urbana, a privatização da cidade (seja por flanelinhas ou empresários) e a incompetência generalizada, ainda fecha com chave de ouro com a aprovação a toque de caixa do Projeto Novo Recife.

A pergunta que deve ser feita é: qual o motivo para tanta agonia em aprovar o projeto no último dia útil da gestão do PT?

Além desta pergunta sem resposta, começam a surgir fatos curiosos sobre o processo de aprovação e a relação das empresas envolvidas com o Poder Público e seus dirigentes.

E não estou falando aqui da doação de meio milhão de reais da Moura Dubeux para a campanha de Geraldo Julio, ou ainda do descumprimento da ordem judicial por parte da Secretária Maria de Biase.

Falo de um flagrante ocorrido no dia da reunião suspensa do Conselho de Desenvolvimento Urbano, quando um rapaz que protestava para ter acesso à reunião, fotografou um funcionário de uma construtora entrando pelo elevador privativo da Prefeitura, com um monte de presentes (mimos natalinos) para os conselheiros.

O negócio nesta cidade está tão imoral que é capaz de ter gente que ainda ache normal que uma construtora entregue sacolas de natal no dia de uma reunião onde um projeto de forte interesse de uma empresa esteja sendo votado.

O funcionário ainda tentou agredir o rapaz que filmava e fotografava. Isso pode ser vista no minuto 6:45 do vídeo.

Resta saber o que tinha na sacolinha.

E qual era a construtora.

39 Comentários + Add Comentário

  • Com certeza nao tinha Sidra, amendoim nem sardinha em lata.

  • Eu tava lá e vi uma sacolinha da Cosil pra de Biase.

  • A internet e as tecnologias permitem que aquilo que sempre foi feito às escondidas agora fique bem visível. Presentes, ajudas e “mimos” nunca foram novidade, na verdade!

  • É isso aí Pierre, bota pra fuder nessa bandidagem disfarçada de gente de bem.

    Temos que, pelo menos, ficar sabendo quem são os marginais que anarquizam o Recife.

  • Ate quando vamos continuar com esta corrupção generalizada acontecendo a “olhos vistos”, e os poderes constituidos deste municipio, estado e pais insistindo em manter os olhos bem fechados. A solução esta na mobilização popular. É hora de tomarmos as praças, ruas desta cidade contra a roubalheira existente. O prefeito de classe media, saiu falando de “dever cumprido”. Saiu com uma mansão (avaliada por uns em 2 milhoes de reais) e com uma loja em shopping center recem inaugurado (avaliado por uns em mais de 1 milhão de reais). Como isto é possivel para alguem que depende do salario (aproximadamente 20 mil reais).
    Na minha terra e na minha época isto tinha outro nome.
    E viva a competencia administrativa, a gestão dos bons moços que estam privatizando o Estado, e logicamente recolhendo “as sacolas” de final de ano.

    • O Estado não faz nada porque ele é o chefe da quadrilha!

      • O Estado é uma instituição formada por pessoas! O chefe da quadrilha é uma pessoa. Esse pensamento infantil ancap de culpar a instituição por todas males é completamente infundada e em nada ajuda.

        Poderia se dizer que o “mercado” é o chefe da quadrilha, faria muito mais sentido e ainda assim inútil!

        • A diferença é que o Estado é formado por pessoas que precisam ameaçar e roubar (por meio de impostos que eu não pedi para pagar) para ter os recursos necessários para atingir seus objetivos (que eu não pedi para ter).

          Já o mercado é um grupo de pessoas que realizam trocam voluntárias, para a satisfação mútua das partes (do contrário, não realizariam tais trocas).

          Se tem quadrilha, é porque tem ladrão, se tem ladrão, é porque tem roubo, se tem roubo, é porque não é voluntário, e se não é voluntário, então não é mercado.

        • Perfeito, Mitchel !!!

  • Se essa cidade fosse séria, tanto o prefeito como todos que participaram desse ato deveriam ter seus patrimônios investigados. Garanto que iria aparecer muitas coisas interessantes…

  • Empresas que dependem, de algum modo, do governo para operar sempre doam mimos a funcionários públicos. Isso, de fato, é comum. Como comum é (ou, pelo menos, deveria ser) a devolução dos mimos pelos funcionários – a menos que seja algo simbólico, sem valor econômico relevante (caneta, sonho de valsa, calendário etc.).

  • O que eu lamento é porque ficamos sabendo de tanta falcatroa que aconteceu no governo Joao da Bosta e daqui a dois anos ele vai se eleger para deputado federal, se a sociedade nao amadurecer nada vai mudar.

  • É o bônus de natal pela votação em urgência e contra a lei :/ imagina quanto ganharam a… e o atual… :/

  • Eita Brasil !!!

  • Fiquei impressionado com o discurso da historiadora reclamando da delegação de competências do Poder Público. É sabido que o Estado é incapaz de gerir todas as áreas da vida comum de seus cidadãos, porque não há dinheiro suficiente para comprar ônibus, contratar e treinar cobradores, motoristas, fiscais de linha, mecânicos, pessoal de administração e tecnologia, e ainda abrir ruas e avenidas, com o devido asfaltamento, além dos consertos e recuperações de recapeamento — só para ficar no trânsito!

    Some-se a isso saúde, educação, segurança pública, construção civil, etc., etc., etc., e me digam de onde vem tanto dinheiro para que o Estado possa cuidar de tudo? Dos impostos? Duvido muito que todo o imposto recolhido dê conta disso tudo — se eu estiver falando bobagem, que alguém me venha com dados comprováveis de que o Estado seria capaz de fazer tudo sem delegar suas competências à empresas privadas, esse demonho.

    Se o transporte público está ruim e o Estado não faz nada para punir as empresas a quem ele delega sua obrigação, existe o Ministério Público para acolher a denúncia e processar o Estado que nada faz. É assim que se faz em democracias, quando se tem um problema, vai-se à Justiça.

  • temos que protestar nas ruas

  • realmente Pierre a grande pergunta é: ” qual o motivo para tanta agonia em aprovar o projeto no último dia útil da gestão do PT??????”

  • Pode parecer exagero, mas observem o momento do video (0:20 a 0:22) um Guarda Municipal, ao perceber que está sendo filmado, manipula o cacetete (esse tipo chama-se Tonfa), num gesto AMEAÇADOR!
    Será que ele tem treinamento para portar esse tipo de armamento???

    Com a palavra o futuro secretário executivo de Segurança Municipal, o contador de homicidios Eduardo Machado…..nobre representante do Grupo JCPM na PCR….já que dessa equipe só resta movimentações e reuniões estranhas…

  • Por falar em JCPM, hoje o jornal do grupo publicou um ´´balanço´´ da gestão do vivaldino de Angelim. Quantas coisas nojentas têm ocorrido por esse feudo pernambucano.

  • Olha com quem o “socialista” Fernando Haddad foi preparar o cabelo para a posse:

    http://f5.folha.uol.com.br/celebridades/1208003-as-vesperas-da-posse-fernando-haddad-e-repaginado-por-cabeleireiro-de-dilma.shtml

    O cabeleireiro das estrelas globais, celebridades e super models, Celso Kamura, preparou o cabelo de Fernando Haddad para a posse em SP.

    Assim é fácil ser socialista. Gostaria de saber quem tá pagando esse corte, já que Kamura é um dos profissionais mais caros da América Latina. Kamura também é o cabeleireiro oficial da “socialista” presidente Dilma.

    Resta saber se vai rolar um bolsa-cabeleireiro para os fudidos que sustentam esses “socialistas” nesse luxo todo.

    • É a famosa ESQUERDA CAVIAR.

      Adora ser generoso com o dinheiro alheio.

      Ser socialista feito essa turma é bom demais.

  • Esquecemos dos caras pintadas, vamos voltar as ruas e protestar, e falando em privatização não podemos esquecer que a Saúde também foi privatizada, que manda são as ONGS, como IMIP e outras…..

  • por que não entraram com uma Ação Popular?

  • Todos bandidos a serviço deles mesmos, IMORAIS! PREVARICADORES! DESONESTOS E VENDIDOS!
    Presentinhos em sacolas e , certamente, polpudas importâncias em contas bancarias.

  • CADÊ MINISTÉRIO PÚBLICO. HÁ JÁ SEI TIROU FÉRIAS.

  • Pierre, sinceramente… Ou você é muito ingênuo ou está de marcação com a MD!

    Mas acredito que seja ingenuidade mesmo, porque, apesar de ser “administrador”, nunca foi dono de uma banquinha de revista.

    Meu caro, ter empresa no Brasil é uma das coisas mais difíceis do mundo. Demorei para ter uma mísera Carta de Anuência 3 MESES !!! Tenho certeza que se eu levasse uma caixa de bombons sairia em 1 semana.

    O serviço publico no Brasil é PESSIMO, se você não presentear esses deuses chamados de funcionários públicos nada anda. Todos os seus processos ficará parada por meses dependendo da boa vontade de algum ser desses.

    É uma verdadeira palhacada. Ou você acha que a MD dá esses presentes porque acha q andará mais rápido os processos dela? Ela e QUALQUER OUTRA dá presentes porque se não fizer, o processo NÃO anda, a diferença é essa.

    Neste caso, a menos culpada disso tudo é a propria MD, que faz isso por sobrivivencia, cada presente que ele dá é menos lucro para ele. Ou você acha que alguma empresa poderia sobreviver ficando 3, 6 meses esperando uma folha de papel? Francamente….

    A verdade é essa! Ou você entra no sistema dos vermes ou você será engolido.

    • Tah bom… pra o armazem do seu zé pode até rolar o que você disse mas para empresas grandes e que patrocinam a campanha de políticos ingenuidade seria pensar que as coitadinhas estão atrás da mera ‘sobrevivência’… Aliás são oligopólios e não mercados cuja concorrência realmente atrapalhe sua sobrevivência.

      • Serve para todas as empresas.

        A diferença está na qualidade dos presentes e nas pessoas que vão os presentes.

        E é questão de sobrevivência mesmo, se você não entrar no jogo, você não fica dentro desse ‘oligopolio’!

    • Caro,
      Antes de postar afirmações levianas e /ou irrefletidas consultar o CP, o que você falou nada mais é que uma conduta CRIMINOSA, não compactuada pela maioria dos servidores públicos.Podendo o individuo investido no cargo de servidor decretar a prisão em flagrante ao(s) praticantes de tal conduta, melhor ter cuidado com os estereótipos.
      A legislação brasileira optou por conceituar dois crimes diferentes: a corrupção ativa, no art. 332 do Código Penal, e a corrupção passiva, no art. 316.

  • Com certeza a POLICIA FEDERAL tem que entrar no caso e investigar o Sr JOão da Costa e secretarios que deixam essa horroroza gestão com muitos indicios de improbidade administrativa e propina.

    Urgente! Ação civil publica e PF no caso!

  • A COPA MELHOROU A VIDA DOS SUL AFRICANOS? ENTÃO QUE VENHAM OS ELEFANTES BRANCOS MONUMENTOS A CORRUPÇÃO
    Caros Colegas,
    No próximo ano teremos vários estádios superfaturados, novinhos em folha para nos confraternizarmos.Apenas a reforma do Minerão custou 665 milhões.Se você não é dono de cervejaria, então reflita: quantos km de rodóvias e ferrovias poderiam ser construidose /ou reformados, escolas, universidades, hospitais,creches e até as próprias arenas dos clubes como o Arruda, detalhe com apenas esse dinheiro, some-se a isso 12 capitais.Feliz Copa das Confederações e Mundial em 2014!

    • Perfeito. Um comentário perfeito. O resto é blá-blá-blá… Quem bateu a foto , que faça o comentário. Eu sou favorável a um Recife mais moderno… Ai do Brasil se não fosse as construtoras de imóveis : são elas que absorvem o maior número de empregos. Quero uma cidade moderna, sem destruir seus monumentos e velhos casarios. Turma vamos viajar, que é uma oportunidade de observar o desenvolvimento de cidades históricas como Barcelona, Dresden, Sevilla, Toledo, Bruges, Praga e Budapeste, entre outras. Vamos lá. A classe média tomou conta de Boa Viagem. Se vivo fossem nos anos 40 , os que condenam hoje o Projeto Recife, não deixariam o bairro existir- o mangue ia da Navegantes até as encostas do Ibura. Não teriamos nenhum bairro ao longo da Imbiribeira.
      As mais belas metrópoles do Mundo – Paris e Nova Iorque – surgiram dos alagados.Vamos deixar o Recife se modernizar. Vamos preservar o bairro do Recife. Jarbas deu o ponta-pé inicial. O PT jogou o bairro na lata do lixo. Sua recuperação é fundamental : a convivência do velho com o novo é importante. Apesar da crise na Europa, a França recebe mais de 70 milhões de turista/ano. A Espanha pouco mais de 60 milhões. Para terminar : Paris possui mais de 1.000 hotéis. E o Recife ? E a Copa vem ai…

  • Isso é um bando de desocupados !!!

  • Peraê! Independente do motivo (se é mimo, se é troca de favor, se é caridade, seja lá o que for), servidor público pode receber presentes??? NÂO! Não pode! Há consequências legais para isso!! Espero que haja apuração desse fato também.

    • Na verdade pode sim!!!! tem um valor máximo que era R$ 100,00 e o presente deve ser registrado. EX: Durante um evento uma organização pode homenagear um delegado oferecendo um quadro, placa…. o qual se for de valor superior ao dito ficará na repartição devidamente registrado. Falam besteira e nem se dão ao trabalho de pesquisar.

      • registraram?

      • Ao sabidão Pedro, que disse que servidor pode receber mimos e ainda fez gracinha com meu comentário, bem como aos demais leitores do blog, me desculpem pela falha em não citar a legislação a que eu me referi indiretamente. Segue agora, trecho que interessa ao assunto em foco:

        “Lei:Nº 14728 – ESTATUTO DOS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DO RECIFE
        (…)
        Art. 188. Ao funcionário é proibido:
        ( …)
        XI – receber propinas, comissões, presentes ou vantagens ilícitas, em razão do cargo ou função;”
        Disponível em: http://www.legiscidade.com.br/lei/14728/

        Pra quem não sabe, esse dispositivo legal reflete os princípios da moralidade e impessoalidade, previstos na Constituição Federal e em todas as legislações que versem sobre servidores, sejam eles federais estaduais ou municipais.

        Resumindo, pelo bem do serviço público (aí incluídos os servidores efetivos ou comissionados), os servidores NÃO PODEM receber presentes de particulares.

        • A Moura Dubeux stá rindo dessa lei. kkkkkkkkkkkk

  • Parabéns ao pessoal do Direitos Urbanos, aos estudantes de arquiteturas e a todos que lutarem e lutam contra essa corja suja e interesseira: construtoras, políticos (JC e JPLS) e toda a vassalagem.

    O PT daqui de Pernambuco, MP e a nossa burocracia de forma geral é um caso perdido. Eles só pensam em si mesmo. Querem, cada um, garantir um apartamento da MD. Pensamento de gente mesquinha, ignorante e subdesenvolvida.

Tem algo a dizer? Vá em frente e deixe um comentário!

XHTML: Você pdoe usar as tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Enquetes

Em relação ao impeachment de Dilma Rousseff, qual sua posição?

Ver Resultado

Loading ... Loading ...

Frase do dia

  • A riqueza de uma nação se mede pela riqueza do povo e não pela riqueza dos príncipes.”, Adam Smith.

ARQUIVO

junho 2019
S T Q Q S S D
« mai    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Informação com Humor

MARCO BAHÉJornalista
É formado em Jornalismo e pós-graduado em História Contemporânea e História do Nordeste do Brasil. Foi repórter da Gazeta Mercantil para os estados de Pernambuco, Alagoas, Paraíba e Rio Grande do Norte. Também atuou como repórter do Jornal do Commercio, editor da Folha de Pernambuco e repórter especial do Diario de Pernambuco. É correspondente da revista Época no Nordeste desde 2003. Tamb´m atua com publicidade e marketing eleitoral desde 2004.
PIERRE LUCENADoutor em Finanças
É doutor em Finanças pela PUC-Rio e mestre em Economia pela Universidade Federal de Pernambuco. É professor adjunto de Finanças da UFPE e foi secretário-adjunto de Educação de Pernambuco. É autor de vários trabalhos publicados no Brasil e no exterior sobre o mercado financeiro, e participa como revisor de várias revistas acadêmicas na área. É sócio-fundador da Sociedade Brasileira de Finanças. Foi comentarista de Economia do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (TV Jornal e Rádio CBN). Atualmente é coordenador do curso de administração da UFPE, e Coordenador do Núcleo de Estudos em Finanças e Investimentos do Programa de Pós-graduação em Administração da UFPE (NEFI).